This game doesn't have any review. Be the first one to review it!

Add Review


  • kalini Kalini Andrade
    2020-05-26 11:21:02 -0300 Thumb picture
    kalini checked-in:
    Post by kalini: <p>#img#[710127]</p><p>Eu tinha combinado de deixar

    Eu tinha combinado de deixar esse jogo para o final de semana, pois ia hoje pro salão de beleza dar um trato no visual, haha, mas houve um imprevisto e tive remarcar pra quinta. Então decidi começar logo a jogar esse negócio.

    Chegou a hora da verdade! É hora de saber se Dragon Quest III é essa coca-cola toda ao ponto de ser o terceiro RPG favorito dos japoneses!

    É hora de encarar o lendário Dragon Quest III!

    O jogo mal começou e já chega arregaçando com tudo, com uma "CG" sensacional mostrando um homem lutando contra um dragão. Será o prenuncio de que eles reamente aprenderam a lição com Final Fantasy e vão fazer algo realmente bombástico?

    Um fato curioso: se você tentar chamar o herói de "Erdrick" o jogo não vai deixar.

    Antes de tudo, eu queria soltar aqui toda a minha indignação por ter sido vitima de PROPAGANDA ENGANOSA! Apesar do jogo permitir eu escolher o sexo do protagonista, ele SEMPRE SERÁ UM HOMEM, seja nos sprites, nas falas dos NPCs, em TUDO!!! Que desleixo é esse, Enix? Me fizeram botar meu nome "na" "heroína" só pra me chamarem de filho de Ortega? Hahaha, que trollada, hein?

    Valeu, Enix. Tiraram minha chance unica de fazer self-insert. Seus lixos!

                                                     "Crono! Crono! Acorda, Crono!"

    Novamente tentam trazer humanização pra história. Agora o herói tem uma familia e temos o surgimento do  clichê do herói sendo acordado pela mamaezinha em sua cidade pacífica.

    A mãe de Goku o leva a força pra visitar o rei de sua cidade, eu tentava explorar a cidade e ela não deixava. Bem, não tive outra opção, depois de dar a Goku umas regras de etiqueta, fui ver o tal rei. Fiquei sabendo que Goku é filho de um herói chamado Ortega (o cara que luta contra o dragão naquele prólogo lá em cima) que acabou provavelmente morrendo após o dragão o ter jogado direto pra um vulcão. O rei pede para que Goku combata Baramos, um dinossauro gordo de um chifre só que está tocando o terror por aquelas bandas.

    Mas dessa vez, nós não viajamos no mundo sozinhos ou temos companhia de primos. melhor: NÓS PODEMOS MONTAR O NOSSO PRÓPRIO EXÉRCITO! Dragon Quest III chupinhou o sistema de classes de Final Fantasy, porém os levou um pouco mais além, permitindo customizar o nome, sexo e classe de cada personagem. E dá pra fazer num total de 11 personagens. E se quiser, pode apagar os que já existem e criarem novos por cima.

    E de quebra, consegui fazer um avatar pra mim. Sò assim mesmo pra eu conseguir fazer self-insert nesse baguio, haha!

    Também descobri uma outra sacada: os personagens já vem com seus equipamentos e posso vender eles. Depois apago os personagens, crio outros, vendo o que eles tem, apago de novo e recomeço o ciclo! Nem nisso a Enix prestou a atenção. Pelo menos dinheiro não vai ser mais problema por aqui.

    As batalhas infelizmnete continuam em primeira pessoa, mas parecem ligeiramente mais difíceis no começo, pois os inimigos vem em hordas maiores, sendo essa a mais recorrente. Depois de duas batalhas e todo mundo menos o Hero tava com HP baixo, mas o grinding continua rápido e as batalhas dão boa quantia de XP.

    E essa coelhinha da playboy só serve mesmo pra ficar se rebolando na tela, haha!

    E é isso aí. A introdução do jogo é digna não de aplausos, mas de Tocantis inteira! Foi muito bem bem feita. As músicas ficaram bonitas, mesmo ainda soando meio dissonante, como a maioria das musicas da epoca (mas diferente de Final Fantasy). Curti muito o novo sistema de classes criado no jogo, visualmente falando, pois ainda preciso ver as mecânicas de cada uma. Mas infelizmente, os gráficos são mais do mesmo, reciclados do segundo jogo, e ainda há a persistencia na necessidade de abrir o menu pra interagir com as coisas, de batalhas em primeira pessoa, algo que parece que todo jogo da franquia tem. E o pior: NÃO DÁ PRA MUDAR O SEXO DO HERÓI NA PRÁTICA! É só um cosmético. Sprites e até dialogos evidenciam a masculidade do dito cujo.

    Dragon Quest III tem que me mostrar um pouco mais pra ter o titulo de rei dos RPGs do NES, mas aparentemente já mostra ser o melhor Dragon Quest até aqui.

    24
    • Micro picture
      jcelove · 9 months ago · 3 pontos

      Eu tbm chamei o protagonista de Goku, mas to jogando a versão do GB, não encaro esse visual do Nes qdo tem opções mais agradaveis.hehe

      9 replies
    • Micro picture
      noyluiz · 9 months ago · 2 pontos

      Tecnicamente foi a nintendo que traduziu o jogo

    • Micro picture
      ersatzgott · 9 months ago · 2 pontos

      Tem sprite da protagonista mulher no SNES huhauhuah ok, chega disso, já deu

  • manoelnsn Manoel Nogueira
    2020-05-15 19:02:09 -0300 Thumb picture

    Por algum motivo, achei esse vídeo...

    De um Seu Zé tocando o tema do Overworld de Dragon Quest III no piano, e com uma camisa com o logo de Smash e o Erdrich no fundo. Tão peculiar que decidi postar, ahuahua

    14
    • Micro picture
      raiden · 10 months ago · 2 pontos

      De fato peculiar.... Kkkkkk

  • manoelnsn Manoel Nogueira
    2020-05-13 23:57:00 -0300 Thumb picture

    Garotas de Dragon Quest

    Ainda me pergunto por que a franquia parou de dar a opção de escolher o sexo do protagonista. Não faz a menor diferença, ele é mudo mesmo!

    50
  • 2020-01-04 22:56:12 -0200 Thumb picture
    Post by lordsearj: Queria saber pq até hoje não tem uma tradução PT-BR

    Queria saber pq até hoje não tem uma tradução PT-BR desse jogo!

    Isto sim é um bom remake!

    Review by: @manoelnsn

    Dragon Quest III(Dragon Warrior III, aqui no ocidente) foi lançado em 1988, dando continuidade à galinha dos ovos d...

    Keep Reading →
    10
    • Micro picture
      manoelnsn · about 1 year ago · 2 pontos

      Porque DQ não é popular aqui no Brasil, provavelmente

    • Micro picture
      santz · about 1 year ago · 2 pontos

      Eu tinha uma ROM desse jogo traduzida, mas quando rodei no emulador, os sprites ficaram todos cagados e dava bug direto.

  • 2019-12-21 20:32:29 -0200 Thumb picture

    Podcast - Grindingcast: Grinding

    https://geekquest.org/2019/12/21/grindingcast-020-...

    Mais um podcast saindo do forno! desta vez falamos sobre o tão difamado, mal compreendido e querido grinding (que coincidentemente dá nome pro podcast, ahuahua)! Venham escutar e dar sua opinião sobre o assunto também!

    23
    • Micro picture
      lukenakama · about 1 year ago · 3 pontos

      Ouvi o podcast todo, não me convenceu, grinding(Ou melhor, FARMIIIIING) ainda é um saco pra mim, e não, não vou tomar no cu viu? Kkkkkk
      Mas sendo sincero agora, nunca pensei nisso mas realmente grinding vai além dos rpgs, tem até em Gta como vocês citaram e eu nunca pensei por esse lado kkkkkkk
      Os argumentos foram bem sólidos, nunca havia pensado nesse lado, mas eu sempre falava que não jogava Dragon Quest pois odeio grinding, mas na verdade eu não jogo Dragon Quest mesmo pois odeio JRPG kkkkkk
      A sinergia de vocês é fantástica como sempre, nem parece que vocês estão falando para um podcast, parece que estão só conversando naturalmente e o Muriel começou a gravar sem avisa ninguém kkkkkk
      Esse é o primeiro grindingcast que ouço até o final, e me deu vontade de terminar os outros(Principalmente o de Earthbound que eu parei no meio por falta de tempo kkk)

      3 replies
    • Micro picture
      lukenakama · about 1 year ago · 2 pontos

      Griding é uma merda, vlw flw.

      3 replies
    • Micro picture
      vinicios_santana · about 1 year ago · 2 pontos

      Griding quando não é natural, cansa, ai é recorrer a podcasts pro tempo não ser tão massante.

      1 reply
  • 2019-12-11 23:36:31 -0200 Thumb picture

    Baaaaarrrrbaridade

    Nao vou jogar agora, mas dei uma olhada nas versões Android e de GBC do DQ III que comentei outro dia. A última tem a vantagem de ser em espanhol pra quem não domina 100% da língua do tio Sam e dá para jogar no DS rodando muito bem no emulador, com a vantagem dos controles físicos além de uma velocidade bem legal, ao contrário só I e II que só não são mais lentos que Breath of Fire I e II de SNES.

    A de Android pelo que vi é um remake da versão de SNES, com a tela em modo retrato e controles de toque muito bem otimizados e responsivos, mas só em inglês. Também tem um modo automático nas batalhas que, pelo menos para início de jogo, funciona muito bem mas é mais lenta que a versão de GBC, pasmem. Como já sei que essa é A SAGA do grind, fiquei perambulando e voltando a primeira cidade até o nível 5 e parei.

    Fui jogar a de GBC, curtindo os aspectos que falei e tals, recrutei a mesma party e .... Primeira luta (que por sinal tem animação dos montros quando atacam e no Android não) , PRIMEIRA, perdi todo mundo, só sobrou o protagonista. Putz. Fui na igreja, recuperei todo mundo. Segunda luta, mesma coisa. Na terceira, game over. Ô mano... Tá de onda.... Fala sério... Tá de sacanagem. 

    Como é que tu sobe de nível nesse troço se não consegue ganhar as três primeiras lutas com toda a party? Sem noção.

    Resumo: Quando for jogar ”a Vera", vamos de Android como disse o @anduzerandu

    Por sinal, podem me indicar detonados, pois esse deve ser punk.

    11
    • Micro picture
      anduzerandu · about 1 year ago · 2 pontos

      Uai, que estranho. Achei o jogo bem de boa e só cheguei a morrer em chefe e tal. Na real que eu acho DQ bem fácil e bem mais de boas que outras séries, tipo Final Fantasy hehe será que tem alguma configuração de deixar o nível maior? Fiquei encucado com sua party perdendo nas primeiras lutas. Eram Slimes?

      2 replies
  • 2019-11-21 08:10:13 -0200 Thumb picture
    25
    • Micro picture
      santz · over 1 year ago · 2 pontos

      Aguardando o cast da trilogia inicial da série.

      3 replies
    • Micro picture
      gennosuke6 · over 1 year ago · 2 pontos

      Essa arte ficou bem no estilos "Tales of". Mto foda! Tales of the dragon quest. XD

      3 replies
  • 2019-11-03 13:26:34 -0200 Thumb picture

    Planilha de traduções de RPG atualizada (3.11.19)

    Medium 668689 3309110367

    Aventureiros,

    Nova atualização da nossa planilha disponível e com ela alcançamos a marca de 458 projetos de tradução -- em sua maioria prontos para serem jogados. Hoje porém eu destaco um dos jogos mais importantes da minha vida como fã de RPGs: Dragon Quest III!

    Lançado originalmente no final dos anos 80 para o Famicom o terceiro capítulo de uma das mais clássicas franquias de RPG do Japão (e mundo) recebeu um remake para o Super Famicom (SNES) em 1996 que, infelizmente, não foi localizado oficialmente dado ao fechamento da divisão americana da Enix. Em comparação ao original a melhoria gráfica é um destaque óbvio, principalmente porque DQIII se baseou nos visuais de DQVI e também por ter sido um dos últimos jogos lançados ao console da Nintendo -- utilizando assim todo o seu poderio. Apesar de tê-lo conhecido no Game Boy Color eu creio que a versão do SNES é a melhor pois além das óbvias melhorias gráficas ele não deixa de trazer um enorme mundo explorável de maneira não linear -- algo que me pegou de calças arriadas no portátil --, e um sistema de criação de grupo que permite definir a profissão de cada membro.

    Esse vídeo do Clan of the Grey Wolf sobre DQIII é excelente:

    Além dele temos outros destaques como...

    * Bahamut Lagoon (SNES), INGLÊS

    Borderlands (PC), PORTUGUÊS

    * Chrono Trigger (versão pirata para NES), INGLÊS

    * Dragon Quest VI: Maboroshi no Daichi (SNES), INGLÊS

    * Dungeon Siege III (PC), PORTUGUÊS

    * Fallout 3 (PC), PORTUGUÊS

    * Marvel Ultimate Alliance (PC), PORTUGUÊS

    Rockman EXE 4.5: Real Operation (GBA), INGLÊS

    The Elder Scrolls IV: Oblivion (PC), PORTUGUÊS

    * The Witcher: Enhanced Edition (PC), PORTUGUÊS

    Link da planilha:

    https://docs.google.com/spreadsheets/d/1WXlPiCOFLO...

    Obs.: as adições recentes ficam destacadas em verde no arquivo do Google Drive, sempre. Também há projetos e jogos que não são RPGs mas considero interessantes aos fãs do gênero. 

    Marcando hoje a galera do @grindingcast caso queiram me ajudar a divulgar a planilha a outros fãs do gênero.

    Join the party!

    [@jvhazuki]

    32
    • Micro picture
      xch_choram · over 1 year ago · 3 pontos

      Ah tem uns interessante, ainda mais saber que tão traduzindo o Samurai Shodown RPG, espero que terminem logo :D

      3 replies
    • Micro picture
      ivothehedgehog · 11 months ago · 3 pontos

      Existe uma tradução do Dragon Quest I+II em português, ela foi lançada na mesma época que a versão inglês até.

      1 reply
    • Micro picture
      lordsearj · over 1 year ago · 2 pontos

      Mas essa tradução de Dragon Quest III é português ou inglês?

      1 reply
  • arthurdias25 Arthur Dias
    2019-09-08 21:08:20 -0300 Thumb picture
    arthurdias25 checked-in:
    Post by arthurdias25: <p>Bom, já faz um tempo que eu tava afim de tentar

    Bom, já faz um tempo que eu tava afim de tentar jogar algum Dragon Quest por conta das Directs que sempre tá mostrando o XI e parece ser muito foda

    Eu acabei pegando esse pra dar uma olhada que aparentemente é um que fanbase curte bastante e com meu PC eu tenho que ficar nos antigos

    Mas o jogo mal começa e já tô me sentindo uma barata tonta andando pelo mapa, fora que eu andei um bom tanto naquela torre e tive que voltar TUDO pq um personagem morreu e só dá pra reviver e salvar na cidade.

    Esses RPG's de Nes e Snes são problemáticos

    Bom, vou dar uma olhada pra ver se pego esse pra jogar pra valer mesmo ou se pego algum outro Dragon Quest (ou outro jogo mesmo)

    6
    • Micro picture
      gennosuke6 · over 1 year ago · 1 ponto

      Os Dragon Quests antigos são... digamos, meio hardcore. kkkkkk.

      1 reply
  • ryou Rodrigo Santos
    2019-08-13 15:52:39 -0300 Thumb picture
    ryou checked-in:
    Post by ryou: <p><strong>TRILOGIA ERDRICK FINALIZADA!</strong> 🏆<

    TRILOGIA ERDRICK FINALIZADA! 🏆

    A imagem abaixo mostra como estava a party ao derrotar Zoma. Também dá pra ver os comandos utilizados no último turno. Essa combinação de Attack + Kafrizzle + Kafrizzle + Sage's Stone resumiu a batalha, com poucas variações de comandos.

    Fim da trilogia com sua prequel. DQIII é a prova de que os jogos devem ser jogados na ordem de lançamento! Conhecer Erdrick antes de seus descendentes não teria o mesmo impacto.

    Hora do post game!

    Melhor Dragon Quest até agora só joguei os três primeiros.

    28
    • Micro picture
      wilford_fernandes · over 1 year ago · 1 ponto

      eh oq eu falo ;p o tres eh mto legal mas fica masi legal ainda depois de jogar o 1 e o 2 ;p ^^ eh mto maneiro ^^

      1 reply
    • Micro picture
      _fernando · over 1 year ago · 1 ponto

      Parabéns man.
      Jogar os jogos na ordem de lançamento pode ser bom, mas se as continuações forem MUITO melhores e deixarem os antigos datados aí fica meio complicado uahsuahe

      3 replies
    • Micro picture
      manoelnsn · over 1 year ago · 1 ponto

      Ae, parabéns! Esse ainda é disparado o melhor DQ da franquia pra mim. Claro que tem outros com casts e plots melhores, ou mesmo gameplays, mas as novidades e melhorias que esse jogo trouxe pra franquia são num nível Super Mario 3 de excelência XD

      1 reply

Load more updates

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...