2017-07-03 00:22:49 -0300 2017-07-03 00:22:49 -0300

Os jogos certos

Single 3510785 featured image

Em dois mil e dezesseis, houve um dia em que eu e amigos da faculdade saímos à noite para beber e conversar. Algo totalmente agradável, diga-se de passagem. Dentre tantas insanidades que ocorreram naquela noite, a mais marcante foi quando entramos em um bar, um tanto quanto bizarro, onde nele estavam pessoas fumando, bebendo e cantando loucamente. Um local bem exótico.

Qual a relação disto com jogos? Em determinado momento da noite, eu conversei com um professor que leciona na mesma faculdade que estudo, porém eu não tenho aula com ele. O ponto interessante em nosso papo foi o artigo científico que escreveu no qual utilizou o conceito das Little Sisters (BioShock) para provar uma questão vital de seu artigo. Infelizmente não me recordo da exata utilização em sua obra. 

Obviamente fiquei fascinado com o professor, entretanto um comentário do mesmo estragou completamente a conversa prazerosa. Um amigo meu resolveu entrar no debate e disse:

- Ah, eu curto um Call of Duty de vez em quando. Gosto muito de jogos de tiro.

Rapidamente olhei para o professor e percebi sua expressão de desprezo, e então ele disse:

- Bom, eu jogo os jogos certos.

Jogos certos? O que são jogos certos? Claramente ele quis rebaixar Call of Duty, independente de qual for (infelizmente não possuo muito conhecimento sobre a saga, nunca joguei nenhum jogo da mesma). Qual o motivo dele rebaixar este jogo? Possivelmente ele deve pensar que Call of Duty é um jogo inferior, mas em qual aspecto? Provavelmente trata-se do enredo (fator este que é primacial para mim). De fato, BioShock inquestionavelmente possui uma estória gigantesca e muito rica, muito bem estruturada que aborda inúmeros temas de forma inteligente. Assim como outros jogos. Porém, é devido a isto que ele é superior? Sendo então um jogo certo?

O raciocínio levou-me a esta conclusão, todavia se quisermos discutir sobre a jogabilidade de BioShock haverá uma discordância. Os comandos do jogo respondem de forma lenta e em alguns momentos podem frustrar certos jogadores, sendo inclusive um fator que gera a não vontade de jogá-lo, algo existente a certos gamers. Conheci várias pessoas que argumentaram isto, obviamente que considero algo tolo, porém não há como forçar alguém a acostumar-se e jogar.

Diante disto, não anseio dizer que BioShock ou Call of Duty são superiores devido a algum aspecto, até porque ambos, apesar de possuírem uma jogabilidade similar, buscam focos diferentes. O escopo deste artigo é afirmar que não existe esta superioridade que esse professor quis dizer indiretamente. Sua afirmação me levou a pensar que se alguém jogar os jogos certos, neste caso BioShock, esta pessoa tornar-se-á um jogador verdadeiro/bom/notável? Se jogar Call of Duty não receberá este título? Não fará jus ao título?

Refleti e concluí que jogos certos são aqueles que se destacam e que são merecedores de serem jogados, conforme o entendimento daqueles que "elegem" estes jogos. Esta eleição pode ser elaborada devido às notas que sites concedem ou um sentimentalismo coletivo ou até mesmo outro meio totalmente subjetivo. As pessoas que não jogarem os jogos eleitos, simplesmente porque não querem ou desconhecem, estão fadadas ao desdém. Lembrando que existem grupos sociais que criam suas próprias eleições, o que torna a definição de jogos certos algo absolutamente relativo.

Possivelmente Call of Duty não está dentro da lista desse professor, ou seja, é um jogo medíocre? Mas ele o é por causa da realização de uma análise técnica ou porque dentro do universo semântico dele é ruim? Essa questão de jogos certos é algo inaceitável! Além de ser uma tolice por si só, isto gera uma segregação entre os jogadores, algo como grupos. Existe, portanto, o grupo dos jogadores notáveis e os jogadores comuns? Quem são essas pessoas para afirmarem quais jogos são certos? Quais são os critérios para o recebimento deste título?

Um jogo tornar-se certo por ser popular? Pelo sucesso obtido? Pela criatividade? Seja qual for o critério, penso que não existe uma superioridade e sim abordagens diferenciadas, focos que os jogos querem trazer. É idêntico a filmes, gêneros musicais, literatura, enfim.

Eu participei de um site de jogos anos atrás que possuía o seguinte lema:

“O site do jogador refinado de videogame!”

O problema desta sentença, em meu julgamento, é a palavra “refinado”. Como assim jogador refinado? O significado por trás disto não difere do que está supradito. Havia pessoas que claramente estabeleciam os jogos certos do site, inclusive o dono. Algo que me incomodava, entretanto eu escolhia deixar o assunto de lado. E sim, existia certa arrogância dos membros dependendo de qual jogo fosse colocado em pauta. Logicamente que este preconceito, por assim dizer, não é merecedor de uma repercussão nacional. Trata-se de algo implícito, todavia não deveria existir.

É fato que este assunto me entristece, pois são apenas jogos eletrônicos… Nada mais. Não é motivo para gerar brigas ou discussões, como o próprio Zangado já disse em alguns vídeos seus:

“Têm poucas coisas na vida que valem a pena brigar e videogames não é uma delas.”

Concordo absolutamente. Ressalto que minha indignação é o que o professor quis dizer em relação à Call of Duty e qualquer outro jogo, ou seja, eu jogo os jogos certos, portanto não jogarei qualquer jogo! Somente aquilo que é bom.

Creio que o mundo dos jogos busca algo muito além. Seu objetivo é o entretenimento, levar o jogador à outro mundo e diverti-lo, cada um à sua maneira. Isto sim é o verdadeiro propósito dos games. Não existem jogos certos, mas sim jogos bons e maus programados. Apenas isto. 

45
  • Micro picture
    kess · over 1 year ago · 3 pontos

    Eu vejo aquela disputa velha sobre os gamers hardcore e casuais... Onde os hardcore jogam bastante, se aventuram em vários estilos diferentes e tem uma coleção considerável de jogos na prateleira...
    Enquanto o casual, quando tiver um console, vai ter um "joguinho" de tiro, um de corrida, um de futebol e quiçá um de plataforma pras crianças...
    Daí entendo o comentário sobre os "jogos certos"...

  • Micro picture
    videogamesdeath · over 2 years ago · 2 pontos

    Como seu texto diz, não existem jogos certos, apenas os que se sobressaíram perante os demais. Mas, acredito eu, que as pessoas acham que jogos "certos" são aqueles que trazem um que a mais, seja história, seja gameplay, seja algo marcante. Vamos dar o exemplo do meu jogo preferido, o The Cat Lady. Ele é um jogo focado em história e digamos que ela trás pensamentos mais profundos para quem joga. Mas, seu gameplay é simples demais e não tem muita ação, o que afasta inúmeros jogadores - principalmente os que não gostam de ler. Isso quer dizer que o jogo é ruim? - como já ouvi várias vezes?

    Enfim, isso tudo faz parte de opinião. E acredito que o pessoal que tenha o gosto "refinado", como você mencionou, são os que buscam algo a mais dentro dos jogos, ao invés de uma saga que só traga diversão. Mas isso não quer dizer também que essas pessoas são superiores ou tenham gostos melhores.

  • Micro picture
    artigos · over 2 years ago · 2 pontos

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    2 replies
  • Micro picture
    mrigonati · about 2 years ago · 2 pontos

    Concordo com tudo que disse, mas para mim o final seria um pouco diferente. Existem jogos certos sim, jogos certos para o seu gosto, dizer que existem jogos bons e ruins/mau programados também pode ser um erro, já que muitos games para PC possuem milhões de bugs que nunca serão concertados, mas mesmo assim muita gente joga pois é divertido ver tudo aquilo dando errado, aquele é o jogo certo para o estilo de jogo dessas pessoas.
    Ótimo artigo!! :D

  • Micro picture
    harpuia · about 2 years ago · 2 pontos

    Especificamente sobre Call of Duty, o problema do jogo é a fama ruim que ele pegou por lançar todo ano, ter multiplayer lotado de crianças, etc. No entanto a série COD é muito boa, o 4 Modern Warfare foi um salto gigantesco no gênero First Person Shooter e os seguintes continuaram ótimos. Só não joguei os mais recentes, mas, pra mim, continua sendo uma das melhores séries de jogos da história.
    E sobre Bioshock ter uma história muito boa e supostamente ser um "jogo certo" por esse motivo, algo precisa ser levado em conta: o enredo foi extremamente influenciado por uma obra já bastante conceituada (A Revolta de Atlas, da escritora Ayn Rand).

    2 replies
  • Micro picture
    jacaregames · about 2 years ago · 2 pontos

    Em gameplay e história acho Bioshock bem melhor que CoD, gosto de jogo que te dão várias habilidade pra usar, e as concepções filosóficas que o jogo levanta reviram sua mente pra dentro dela mesma, mas modern warfare 1,2, World at war e Black ops tinham uma história muito f.....

  • Micro picture
    andre_andricopoulos · about 2 years ago · 1 ponto

    O comentário do cidadão foi infeliz "jogos certos".
    Mas q BIOSHOCK é foda, ah isso é.

  • Micro picture
    jack234 · about 2 years ago · 1 ponto

    Cara, achei legal o seu artigo e acho que valeu o seu desenvolvimento de raciocínio. Geralmente é isso que acontece mesmo, grupos definem o que é certo ou errado pra eles e pra mim isso é normal dentro de uma sociedade. Acho que ser humano é assim mesmo, não tem como. Por isso, as divisões são inevitáveis, visto que gostos são diferentes e tentar unir pessoas assim, não é possível por muito tempo.
    Vide times de futebol, as discussões são eternas e cada um afirma que o seu é melhor, e do mesmo modo, tentar conscientizar que não tem time melhor e que na verdade todos devem assistir os jogos sem pensar sobre isso não dará certo.
    O que deve existir é o respeito entre todos. Por exemplo, sempre vão existir sites, fóruns, etc sobre determinados temas e o pessoal de lá vai gostar daquilo e ponto. Se vc não gosta, precisa respeitar e deixar eles na deles, curtindo o que lhes agrada. Entrar para dizer que estão errados, só vai aumentar o conflito.
    Eu mesmo gosto de coisas bem específicas e me limito a gostar dessas, e não me preocupo se alguém não gosta ou se devo mostrar para os outros que o meu gosto é o melhor.
    Na minha humilde opinião, o professor claramente não gosta de Call of Duty e de repente foi a melhor maneira de que encontrou para dizer "jogo certo". De fato, se ele não gosta, COD não é o jogo certo pra ele. Mas não significa que ele é o dono da verdade e que todos devem parar de jogar o que ele não gosta, é simplesmente o ponto de vista dele, assim como seu gosto.
    Como vc disse, assim como músicas e filmes é questão de gosto e se vc gosta, aquilo é o certo pra vc, caso contrário não adianta insistir.
    Gosto dessas discussões e espero que tenha me entendido. Como falei no início do comentário, foi legal vc ter visto dessa forma e ter criado esse raciocínio, para entender o que aconteceu e como as circunstâncias surgem. Valeu! Abs.

  • Micro picture
    thorgrin · about 2 years ago · 1 ponto

    jogo "certo" é o jogo certo para você.

  • Micro picture
    darlanfagundes · about 2 years ago · 1 ponto

    A maior parte da ignorância e arrogância humana nascem ao não entender a História... Call f Duty é um dos pais espirituais do Bioshock... tão simples de entender que chega a ser simplório...

    1 reply
Keep reading → Collapse ←
Loading...