farusantos

Indies, jogos não muito conhecidos e análises :) https://faru.wordpress.com/

Você não está seguindo farusantos.

Siga-o para acompanhar suas atualizações.

Seguir

  • farusantos Farley Santos
    2019-01-25 07:50:35 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Unruly Heroes é um jogo de ação e plataforma 2D - Alvanista
    Unruly Heroes

    Plataforma: Nintendo Switch
    1 Jogadores
    1 Check-in

    Unruly Heroes é um jogo de ação e plataforma 2D que usa a história chinesa "Jornada para o Oeste" como tema. 

    Joguei bem pouco, me lembrou Rayman Legends (o que era esperado, afinal o estúdio foi criado por ex-funcionários do time do Rayman), mas o que se destaca mesmo é o visual belíssimo.

    6
    • Micro picture
      marlonfonseca · 27 dias atrás · 1 ponto

      caramba vou ter que baixar esse

  • farusantos Farley Santos
    2019-01-24 09:50:23 -0200 Thumb picture

    Análise: Slay the Spire

    Slay the Spire combina conceitos simples para criar um jogo complexo e muito interessante. Entender o básico do combate é fácil, no entanto dominá-lo é uma tarefa e tanto: vários pequenos detalhes e dificuldade alta tornam as partidas bem intensas, e a diversão está em entender esses detalhes. A grande gama de opções na hora de montar os baralhos abre extensas possibilidades de estratégia, e há muita variedade na forma de diferentes personagens e jornadas que sempre mudam. Como em boa parte dos títulos do subgênero roguelike, a aleatoriedade de alguns aspectos pode incomodar, por sorte as partidas são ágeis e há sensação de progresso constante mesmo com a derrota. No fim, Slay the Spire traz uma experiência viciante e rica, capaz de surpreender constantemente.

    Análise completa

    Slay the Spire

    Plataforma: PC
    13 Jogadores
    8 Check-ins

    4
  • farusantos Farley Santos
    2019-01-21 15:05:36 -0200 Thumb picture

    Análise: Pikuniku

    O charme de Pikuniku está em sua estranheza, representada por um mundo colorido e cheio de personagens e situações inusitadas. A aventura de Piku é repleta de puzzles simples, porém divertidos, que exploram a movimentação marcante do personagem, além de vários incentivos para vasculhar todos os cantos. Outro ponto muito legal é o tom bem humorado dos diálogos e situações, que consegue abordar com leveza alguns temas sérios. Breve e bem amarrado, Pikuniku é uma experiência prazerosa e única.

    Análise completa

    Pikuniku

    Plataforma: PC
    1 Jogadores

    5
  • farusantos Farley Santos
    2019-01-20 21:57:59 -0200 Thumb picture
    <p>Depois de anos em desenvolvimento, Katana ZERO f - Alvanista

    Depois de anos em desenvolvimento, Katana ZERO finalmente será lançado em março.

    Na pele de um samurai nos tempos modernos, temos que explorar cenários 2D e matar todos os inimigos que aparecem pela frente. Só há um pequeno detalhe: o protagonista morre com um único golpe. Sendo assim, precisaremos atacar com precisão e velocidade. Para ajudar, o samurai tem poderes de manipulação de tempo, o que permite golpear os inimigos com cuidado — e até mesmo rebater balas.

    Katana ZERO conta com ação estilosa, visual bonito e vibrante, e um sistema que parece ser bem interessante e frenético. Sai em março para PC e consoles, já quero muito :)

    Katana ZERO

    Plataforma: PC
    1 Jogadores

    5
  • farusantos Farley Santos
    2019-01-20 09:43:59 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Me encontrei com alguns amigos e jogamos Super B - Alvanista
    Super Bomberman 5

    Plataforma: SNES
    3401 Jogadores
    22 Check-ins

    Me encontrei com alguns amigos e jogamos Super Bomberman 5 no próprio SNES com cinco jogadores com a ajuda daquele acessório Multitap. A última vez que joguei esse jogo eu tinha uns 12 anos mais ou menos (e hoje tenho mais que o dobro dessa idade, haha)

    Meu amigo tem vários controles e o acessório para o multiplayer. Esse controle do Famicon é bonito demais, não resisti e tirei essa foto <3

    Eu não lembrava o quão divertido é esse jogo. É um misto bem balanceado de sorte (para conseguir bons itens) e estratégia. Com cinco jogadores humanos as partidas ficaram bem intensas, todo mundo conseguindo voltar depois de já ter sido derrotado antes — saber o ganhador era algo imprevisível.

    E me surpreendi também em como o jogo continua ótimo mesmo para os padrões de hoje: muitas arenas com características bem distintas, visual carismático, música boa, controles precisos. Inclusive, para mim, esse é infinitamente melhor que o último lançamento da franquia, Super Bomberman R (que eu achei fraquíssimo).

    No mais, com certeza vou me reunir mais vezes com os amigos para jogar Bomberman 5 :)

    9
    • Micro picture
      costadelli · 1 mês atrás · 2 pontos

      super bomberman r é uma piada, só a capa é bonita huaeuhheu se pudesse devolver, eu teria devolvido!

      2 respostas
  • farusantos Farley Santos
    2019-01-15 21:17:40 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Comecei agora Tales of Vesperia: Definitive Edit - Alvanista
    Tales of Vesperia: Definitive Edition

    Plataforma: Nintendo Switch
    9 Jogadores
    1 Check-in

    Comecei agora Tales of Vesperia: Definitive Edition no Switch

    Eu já tinha jogado um bocado no Xbox 360 e, sinceramente, nunca entendi esse "endeusamento" todo em cima do jogo (povo falando que é o melhor Tales de todos e blablabla, nunca concordei). 

    Mesmo assim, resolvi dar uma segunda chance ao jogo com essa edição definitiva. Joguei muito pouco e já me incomodou o sistema de combate travado (principalmente levando em conta os títulos recentes da série) e alguns aspectos técnicos, porém sei que melhora quando mais coisas forem desbloqueadas.

    Enfim, continuarei jogando e espero mudar de opinião.

    10
    • Micro picture
      manoelnsn · 10 dias atrás · 2 pontos

      É algo parecido com o que ocorre com os RPGs da Sega: a galera endeusa eles por falta de opção no console. Xbox 360, tal como o Megadrive e o Master System, eram extremamente escassos de RPGs japoneses, daí quando aparecia algum legalzinho, a galera já hypava.

      Vesperia eu tô jogando e tá se saindo um tales of ok, e tirando o protagonista e o cell shading lindão, ele não tem muita coisa pra se sustentar com uma alcunha dessas de melhor jogo da franquia...

      1 resposta
  • farusantos Farley Santos
    2019-01-08 09:18:32 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Gosto muito de roguelikes e também aprecio cardg - Alvanista
    Slay the Spire

    Plataforma: PC
    13 Jogadores
    8 Check-ins

    Gosto muito de roguelikes e também aprecio cardgames, sendo assim fazia um tempo que estava de olho em Slay the Spire. Joguei um pouco e gostei bastante do que vi.

    No jogo, controlamos um personagem que escala uma torre repleta de monstros e perigos. O combate é todo baseado em cartas, cada uma dela faz uma ação como atacar, defender ou executar uma técnica especial.

    A base do sistema de batalha é bem simples e a complexidade vem da sinergia das cartas e montagem de combinações poderosas. Em uma das minhas partidas, por exemplo, eu conseguia vários pontos de defesa facilmente ao utilizar uma carta que criava barreiras toda vez que eu atacava. Já outra estratégia que usei bastante foi me fortalecer por um único turno e em seguida usar uma técnica que enfraquecia e atacava todos os inimigos.

    Pelo caminho, vamos fortalecendo o herói com relíquias com habilidades passivas (eu peguei uma que criava cinco pontos de escudo ao utilizar três ataques no mesmo turno) e novas cartas. Um mapa que muda sempre, vários personagens diferentes e muita variedade de habilidades e cartas trazem variedade às partidas.

    Gostei bastante do que joguei, é bem viciante, principalmente os combates mais complicados. Só não curti muito a direção de arte, parece um pouco amadora, porém os sistemas compensam esse detalhe. De qualquer maneira vou continuar jogando até ele sair do Acesso Antecipado no final de janeiro.

    7
  • farusantos Farley Santos
    2018-12-30 17:48:28 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Gosto bastante de roguelikes e nas minhas pesqui - Alvanista
    Dungreed

    Plataforma: PC
    1 Jogadores
    1 Check-in

    Gosto bastante de roguelikes e nas minhas pesquisas descobri Dungreed. Aproveitei a sale do Steam e comprei, gostei bastante :)

    No jogo, uma cidade foi engolida por um calabouço (!) e como um guerreiro precisamos explorar o local em busca dos habitantes "raptados".

    Na prática, é um jogo de ação e plataforma com várias armas e equipamentos diferentes. Como é de costume, a disposição dos mapas é gerada proceduralmente e cada partida é bem distinta da outra. Dungreed está mais pra roguelite, pois muitas coisas são mantidas entre as partidas, como o nível do personagem (o que permite melhorar alguns atributos), parte do dinheiro e até equipamentos.

    É mais simples que outros roguelikes, mas não deixa de ser bem legal. Por sorte não parece impossivelmente difícil, por mais que já apanhei bastante, haha

    6
  • farusantos Farley Santos
    2018-12-29 12:35:08 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Finalmente chegou meu Smash Bros. Ultimate, depo - Alvanista
    Super Smash Bros

    Plataforma: Nintendo Switch
    161 Jogadores
    68 Check-ins

    Finalmente chegou meu Smash Bros. Ultimate, depois de mil atrasos :)

    Eu estava jogando antes na conta de um amigo, aí como sabia que teria que recomeçar do zero quando o meu chegasse eu nem olhei direito certos modos. Agora tô testando o modo Spirits e World of Light, não é lá grandes coisas, mas é menos pior do que eu imaginava.

    8
    • Micro picture
      filipessoa · 2 meses atrás · 2 pontos

      Agora é jogar e se divertir bem muito!

  • farusantos Farley Santos
    2018-12-25 18:00:18 -0200 Thumb picture
    farusantos fez um check-in em:
    <p>Ninjin: Clash of Carrots é um título produzido p - Alvanista
    Ninjin: Clash of Carrots

    Plataforma: Nintendo Switch
    1 Jogadores
    1 Check-in

    Ninjin: Clash of Carrots é um título produzido pelo estúdio brasileiro Pocket Trap.

    O jogo combina beat'em up e shoot'em up de maneira bem legal. No controle de um coelho (ou raposa) ninja, precisamos derrotar ondas de inimigos com ataques de espada e lançando kunais. Os inimigos aparecem em formações complicadas e novos tipos de oponentes surgem constantemente, forçando mudança de estratégia constantemente.

    Ninjin também tem muitas opções de customização na forma de armas, acessórios e enfeites. As armas mudam significativamente a jogabilidade por causa de suas características diferentes: já encontrei uma "espada" que era um grande tronco (bem lenta, mas muito poderosa); facas de ataque veloz, porém de curtíssimo alcance; um disco que rebate pela tela ao ser lançado; e mais.

    Joguei pouco, mas já curti bastante o que vi :)

    6
Continuar lendo &rarr; Reduzir &larr;
Carregando...