2019-04-16 08:53:15 -0300 2019-04-16 08:53:15 -0300
edfalcao Ed Falcão checked-in to:
Post by edfalcao: <p>Acho que esqueci de falar aqui.</p><p>Essa minha
Tom Clancy's Splinter Cell Double Agent

Platform: Playstation 2
447 Players
7 Check-ins

Acho que esqueci de falar aqui.

Essa minha maratona de Splinter Cell se deu depois que eu comprei o Elite Echelon Collection, composto do Splinter Cell Original, o Chaos Theory, o Double Agent da 7º geração (mais sobre isso depois) e o Conviction.

Então eu zerei o Splinter Cell original, aos trancos e barrancos, como eu explico aqui. Então duas coisas me levaram a instalar o emulador PCSX2 (mesmo com medo de explodir meu computador), 1- a falta do Pandora Tomorrow, tanto na Steam quanto em qualquer outro lugar acessível, 2- a infinidade de adaptações que eu tenho que fazer pra os jogos funcionarem (estou olhando pra vocês, Steam e Ubisoft, que não lançam patches decentes pra atualizar a experiência pra computadores modernos, que fez com que nenhum dos jogos funcionassem "de primeira") e 3- Double Agent e suas duas versões.

Pra mim sempre foi natural, visto que joguei primeiro o de PlayStation 2 (6º geração) pra depois jogar o de PlayStation 3 (7º geração), e pra vocês é provável que também seja, mas aparentemente pouca gente soube dessa divisão entre Ubisoft Montreal e Ubisoft Shanghai, e a publicidade ter sido exclusiva para a 7º geração não ajudou. Até as fotos desse jogo, aqui no Alva, são da versão da "nova geração".

Dito isso: eu prefiro a versão da 6º geração. A falta de HUD, a queda de FPS constante e os menus de interação diferentes, pra mim, foram só uma "ida com a onda" que morreu logo no jogo seguinte, fazendo com que Double Agent de PS3, X360 e PC fosse só um ponto fora da curva (que talvez eu goste quando finalmente der chance, que nem foi a primeira vez que eu joguei Hitman).

Resumindo, quase choro ao jogar novamente um jogo de PS2, me sentindo com 12 anos, chegando da escola sem preocupações.

7
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...