davidvieira

Diagramador na WarpZone e bajulador de Gravity Rush. behance.net/dvdvieira

You aren't following davidvieira.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • davidvieira David Vieira
    2016-11-27 11:38:37 -0200 Thumb picture
    davidvieira checked-in to:
    Post by davidvieira: <p>Diminuir o "backlog" gigante.&nbsp;</p><p>#img#[
    Momodora: Reverie Under the Moonlight

    Platform: PC
    147 Players
    60 Check-ins

    Diminuir o "backlog" gigante. 

    3
  • davidvieira David Vieira
    2016-11-16 18:47:52 -0200 Thumb picture

    Os indicados ao The Game Awards 2016

    Medium 3416108 featured image

    The Game Awards 2016 acontecerá no dia 1° de dezembro, às 23h30 do horário de Brasília.

    Abaixo a lista dos indicados:

    ------------------------------------

    JOGO DO ANO

    Doom (id Software/Bethesda Softworks)

    Inside (Playdead)

    Overwatch (Blizzard Entertainment)

    Titanfall 2 (Respawn Entertainment/Electronic Arts)

    Uncharted 4: A Thief’s End (Naughty Dog/Sony Interactive Entertainment)

    ------------------------------------

    MELHOR DIREÇÃO

    Blizzard Entertainment (for Overwatch)

    EA DICE (for Battlefield 1)

    id Software (for Doom)

    Naughty Dog (for Uncharted 4: A Thief’s End)

    Respawn Entertainment (for Titanfall 2)

    ------------------------------------

    MELHOR NARRATIVA

    Firewatch (Campo Santo)

    Inside (Playdead)

    Mafia 3 (Hangar 13/2K Games)

    Oxenfree (Night School Studio)

    Uncharted 4: A Thief’s End (Naughty Dog/Sony Interactive Entertainment)

    ------------------------------------

    MELHOR DIREÇÃO DE ARTE

    Abzu (Giant Squid/505 Games)

    Firewatch (Campo Santo)

    Inside (Playdead)

    Overwatch (Blizzard Entertainment)

    Uncharted 4: A Thief’s End (Naughty Dog/Sony Interactive Entertainment)

    ------------------------------------

    BEST MUSIC/SOUND DESIGN

    Battlefield 1 (EA DICE/Electronic Arts)

    Doom (id Software/Bethesda Softworks)

    Inside (Playdead)

    Rez Infinite (Enhance Games)

    Thumper (Drool)

    ------------------------------------

    MELHOR ATUAÇÃO

    Alex Hernandez como Lincoln Clay, Mafia 3

    Cissy Jones como Delilah, Firewatch

    Emily Rose como Elena, Uncharted 4: A Thief’s End

    Nolan North como Nathan Drake, Uncharted 4: A Thief’s End

    Rich Sommer como Henry, Firewatch

    Troy Baker como Sam Drake, Uncharted 4: A Thief’s End

    ------------------------------------

    GAMES FOR IMPACT

    1979 Revolution: Black Friday (Ink Stories)

    Block’hood (Plethora Project/Devolver Digital)

    Orwell (Osmotic Studios/Surprise Attack)

    Sea Hero Quest (Glitchers)

    That Dragon, Cancer (Numinous Games)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO INDEPENDENTE

    Firewatch (Campo Santo)

    Hyper Light Drifter (Heart Machine)

    Inside (Playdead)

    Stardew Valley (ConcernedApe/Chucklefish Games)

    The Witness (Thekla Inc.)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO MOBILE/PORTÁTIL

    Clash Royale (Supercell)

    Fire Emblem Fates (Intelligent Systems/Nintendo)

    Monster Hunter Generations (Capcom)

    Pokémon Go (Niantic Labs)

    Severed (DrinkBox Studios)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO DE REALIDADE VIRTUAL

    Batman: Arkham VR (Rocksteady Studios/Warner Bros. Interactive Entertainment)

    Eve: Valkyrie (CCP Games)

    Job Simulator (Owlchemy Labs)

    Rez Infinite (Enhance Games)

    Thumper (Drool)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO DE AÇÃO

    Battlefield 1 (EA DICE/Electronic Arts)

    Doom (id Software/Bethesda Softworks)

    Gears of War 4 (The Coalition/Microsoft Studios)

    Overwatch (Blizzard Entertainment)

    Titanfall 2 (Respawn Entertainment/Electronic Arts)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO ACTION/AVENTURA

    Dishonored 2 (Arkane Studios/Bethesda Softworks)

    Hitman (IO Interactive/Square Enix)

    Hyper Light Drifter (Heart Machine)

    Ratchet & Clank (Insomniac Games/Sony Interactive Entertainment)

    Uncharted 4: A Thief’s End (Naughty Dog/Sony Interactive Entertainment)

    ------------------------------------

    MELHOR RPG

    Dark Souls 3 (FromSoftware/Bandai Namco Entertainment)

    Deus Ex: Mankind Divided (Eidos Montreal/Square Enix)

    The Witcher 3: Wild Hunt – Blood and Wine (CD Projekt Red/Warner Bros. Interactive Entertainment)

    World of Warcraft: Legion (Blizzard Entertainment)

    Xenoblade Chronicles X (Monolith Soft/Nintendo)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO DE LUTA

    Killer Instinct Season 3 (Iron Galaxy Studios/Microsoft Studios)

    The King of Fighters 14 (SNK/Atlus USA)

    Pokkén Tournament (Bandai Namco Studios/The Pokémon Co. International)

    Street Fighter 5 (Capcom)

    ------------------------------------

    MELHOR JODO DE ESTRATÉGIA

    Sid Meier’s Civilization 6 (Firaxis Games/2K Games)

    Fire Emblem Fates (Intelligent Systems/Nintendo)

    The Banner Saga 2 (Stoic Studio/Versus Evil)

    Total War: Warhammer (The Creative Assembly/Sega)

    XCOM 2 (Firaxis Games/2K Games)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO PARA A FAMÍLIA

    Dragon Quest Builders (Square Enix)

    Lego Star Wars: The Force Awakens (TT Fusion/Warner Bros. Interactive Entertainment)

    Pokémon Go (Niantic Labs)

    Ratchet & Clank (Insomniac Games/Sony Interactive Entertainment)

    Skylanders Imaginators (Toy for Bob/Activision)

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO DE ESPORTE/CORRIDA

    FIFA 17 (EA Vancouver/Electronic Arts)

    Forza Horizon 3 (Playground Games/Microsoft Studios)

    MLB The Show 16 (SIE San Diego Studio/Sony Interactive Entertainment)

    NBA 2K17 (Visual Concepts/2K Sports)

    Pro Evolution Soccer 2017 (PES Productions/Konami)

    ------------------------------------

    MELHOR MULTIPLAYER

    Battlefield 1 (EA DICE/Electronic Arts)

    Gears of War 4 (The Coalition/Microsoft Studios)

    Overcooked (Ghost Town Games/Team17)

    Overwatch (Blizzard Entertainment)

    Titanfall 2 (Respawn Entertainment/Electronic Arts)

    Tom Clancy’s Rainbow Six Siege (Ubisoft Montreal/Ubisoft)

    ------------------------------------

    JOGO MAIS ANTECIPADO

    God of War (SIE Santa Monica Studio/Sony Interactive Entertainment)

    horizon Zero Dawn (Guerrilla Games/Sony Interactive Entertainment)

    Mass Effect: Andromeda (BioWare/Electronic Arts)

    Red Dead Redemption 2 (Rockstar Studios/Rockstar Games)

    The Legend of Zelda: Breath of the Wild (Nintendo)

    ------------------------------------

    TRENDING GAMER

    AngryJoeShow

    Boogie2988

    Danny O’Dwyer

    JackSepticEye

    Lirik

    ------------------------------------

    MELHOR CRIAÇÃO DE FÃS

    Project A2MR

    Pokémon Uranium

    Brutal Doom 64

    Enderal: The Shards of Order

    ------------------------------------

    MELHOR JOGADOR DE ESPORTES

    Faker – Lee Sang-hyeok (SK Telecom T1, League of Legends)

    Coldzera – Marcelo David (SK Gaming, Counter-Strike: Global Offensive)

    ByuN – Hyun Woo (Starcraft 2)

    Infiltrator – Lee Seeon-woo (Team Razer, Street Fighter 5)

    Hungrybox – Juan Debiedma (Team Liquid, Super Smash Bros.)

    ------------------------------------

    MELHOR TIME DE ESPORTES

    Telecom T1 (League of Legends)

    Wings Gaming (Dota 2)

    SK Gaming

    ROX Tigers (League of Legends)

    Cloud 9

    ------------------------------------

    MELHOR JOGO DE ESPORTES

    Counter-Strike: Global Offensive (Valve)

    Dota 2 (Valve)

    League of Legends (Riot Games)

    Overwatch (Blizzard Entertainment)

    Street Fighter 5 (Capcom)

    4
  • davidvieira David Vieira
    2016-11-09 17:09:15 -0200 Thumb picture

    Assista à série "Paralelos".

    Medium 3412948 featured image

    E descubra como a pirataria e o jeitinho brasileiro explicam a cultura de games no Brasil.

    http://www.redbull.com/br/pt/games/stories/1331828...

    17
    • Micro picture
      andre_luiz · about 3 years ago · 2 pontos

      Muito bom o documentário!

    • Micro picture
      epihanor · about 3 years ago · 1 ponto

      Realmente muito bom!

  • zir0 Fernando Januario
    2016-11-08 22:08:04 -0200 Thumb picture
    Thumb picture
    26
    • Micro picture
      jorgegt · about 3 years ago · 2 pontos

      "there will be no world war 3"
      Nem Half Life 3.

      1 reply
    • Micro picture
      lukazz · about 3 years ago · 1 ponto

      gabe só sabe contar até 2 xD

    • Micro picture
      santz · about 3 years ago · 1 ponto

      Já tem meu voto.

  • le Leandro Santos
    2016-10-25 16:10:55 -0200 Thumb picture
    Thumb picture
    Post by le: <p>Finalmente o Humble Bundle voltou a fazer um pac

    Finalmente o Humble Bundle voltou a fazer um pacote bom (mas só vale até o acima da média).

    22
    • Micro picture
      bakujirou · about 3 years ago · 1 ponto

      westerados é loko, lembro de ter jogado.

      3 replies
    • Micro picture
      tecnologgamer · about 3 years ago · 1 ponto

      Os dois jogos brasileiros que eu mais quero.

    • Micro picture
      mbomnis · about 3 years ago · 1 ponto

      Se tivesse Slain! eu até pegava.

  • davidvieira David Vieira
    2016-10-20 09:58:12 -0200 Thumb picture
    Post by davidvieira: <p>:O</p>

    Medium 354870 3309110367

    :O

    8
    • Micro picture
      darlanfagundes · about 3 years ago · 3 pontos

      Até ouvi a música aqui....rsrsrsrs

    • Micro picture
      dantedias · about 3 years ago · 2 pontos

      Eu estava pensando que ninguém ia notar essa referência e fazer meme, ufa

  • 2016-09-24 02:41:45 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Faça um favor a si mesmo e compre Ni no Kuni por R$16

    Medium 343893 3309110367

    Uma das melhores coisas que pintaram no relâmpago de promoções da PSN! Espalha por aí pois é por tempo limitadíssimo.

    ► Post completo no DaiBokém!

    [@jvhazuki]

    Ni no Kuni: Wrath of the White Witch

    Platform: Playstation 3
    2243 Players
    722 Check-ins

    17
    • Micro picture
      manoelnsn · about 3 years ago · 2 pontos

      O traço me lembra Ghlibi

      2 replies
    • Micro picture
      zandryx · about 3 years ago · 2 pontos

      Jogaço mesmo, me diverti demaaais jogando ele, ainda pretendo retornar pra platinar :D

    • Micro picture
      jomarmello · about 3 years ago · 2 pontos

      Já até comprei...rsrs

  • davidvieira David Vieira
    2016-09-12 17:29:32 -0300 Thumb picture
    Post by davidvieira: <p>Galera tenho um PC com Windows 10 e gostaria de

    Galera tenho um PC com Windows 10 e gostaria de saber se alguém tem uma recomendação de "gerenciador" de emuladores, queria unificar varias emuladores em uma mesma interface.

    Obs.: Não quero necessariamente "ligar o PC e já entrar na interface.

    Existe algo do tipo?  @emula me recomenda algum?

    3
    • Micro picture
      emula · about 3 years ago · 3 pontos

      usa o retroarch que hoje é o mais de boa pra isso. aí vc pode colocar 2 interfaces por cima, emulationstation ou o hyperspin. pessoalmente não gosto de nenhuma das duas. pesam atoa. agora como vc quer fazer, é só dizer que dou uma luz. vcs falando o que querem me dão ideia do que abordar nos videis.

    • Micro picture
      iremar · about 3 years ago · 2 pontos

      sim. vc não viu o retroarch que a gente postou? olha os tutoriais que tem na persona e no canal emula do youtube. ta saindo. e modestia parte, estão bem explicados e resumidos. estou fazendo mais um hoje pra sair amanha, sobre um gerenciador de download que vai ser util. https://www.youtube.com/watch?v=jDWMIw5lR7k
      eu sei exatamente o que vc quer fazer, mas preciso saber até onde vc conhece pra saber te indicar uma solução ideal.

      1 reply
    • Micro picture
      davidvieira · about 3 years ago · 1 ponto

      Cara, quero emular NES, SNES, MEGA, MASTER, GBA, MAME, CPS1/2 e no lugar de ter vários emuladores no PC, queria saber se exite um gerenciador. Onde eu abra e possa ter todos os jogos na mesma interface.

  • jomarmello Jomar
    2016-07-20 16:18:37 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • 2016-07-18 14:45:00 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    PLAYSTATION.BLOG

    ...PLAYSTATION.BLOG LISTA 23 JOGOS QUE VOCÊ PODE TER PASSADO BATIDO.

    Uncharted 4, Dark Souls 3, Overwatch, Hitman, Doom, Ratchet & Clank… É fácil se sentir subjugado pelo número de jogos imperdíveis que foram lançados este ano. Com tantos games blockbuster devorando o seu tempo livre, é natural que algumas joias mais discretas tenham passado batido por você na primeira metade dd 2016.

    Por sorte, nessa época do ano o calendário de lançamentos se acalma um pouco antes da loucura que antecede o Natal. Então, não há momento melhor para recuperar o tempo perdido com esses títulos que você pode ter perdido.

    Se você teve dificuldades para se manter atualizado, não se preocupe – veja nossa lista com algumas das melhores ‘joias escondidas’ de 2016 até agora e veja se há alguma que você ainda não jogou.

    =====================================================

    Firewatch

    A narrativa da história raramente fica mais profunda ou envolvente do que em Firewatch. O design suntuoso e uma teia de intrigas cuidadosamente tecida transformaram o jogo em um sucesso dormente no início de 2016 e realmente surpreendeu sua pequena equipe de desenvolvimento.

    O que estou perdendo? Uma digna demonstração de como as esperiências com jogos podem ser variadas e interessantes.

    =====================================================

    Alienation

    Títulos de destaque como Super Stardust, Dead Nation e Resogun asseguraram a reputação incomparável dos desenvolvedores finlandeses da Housemarque com jogos de tiro arcade. O último lançamento deles, Alienation, adiciona sistemas de loot e progressão à fórmula vencedora para entregar uma experiência tão recompensadora quanto agradável.

    O que estou perdendo? Uma das jogabilidades twin-stick mais gratificantes que você vai encontrar.

    =====================================================

    Unravel

    O pequeno Yarny surgiu do nada este ano e roubou nossos corações. Com uma direção de arte impressionante, puzzles inocentes e temas enganosamente profundos, Unravel realmente une games e arte.

    O que estou perdendo? A estonteante costa leste da Suécia – ela foi a inspiração para os belos ambientes de Unravel.

    =====================================================

    Dirt Rally

    Em uma geração que viu muito pouco do antigamente amado gênero de rally, DiRT Rally foi uma boa surpresa. Um verdadeiro simulador em todos os sentidos, ele leva as habilidades de direção para além das corridas casuais de fim de semana.

    O que estou perdendo? Uma das experiências de direção mais perigosas, punitivas e hardcore do PS4.

    =====================================================

    Gravity Rush Remastered

    Uma combinação de animação japonesa e quadrinhos bandes dessinées franceses, Gravity Rush entregou uma versão verdadeiramente única da história clássica de super-heróis. Sua popularidade duradoura o fez ser remasterizado para o PS4 estre ano e ele nunca foi tão bonito e gostoso de jogar quanto agora.

    O que estou perdendo? Mecânicas de jogabilidade únicas que deixam você virar o mundo de cabeça pra baixo – literalmente.

    =====================================================

    Salt and Sanctuary

    A lendária série Dark Souls é, talvez, uma das mais imitadas nos últimos anos. Poucos, no entanto, honram seus progenitores tão bem quanto Salt and Sanctuary. Uma abordagem 2D para a tão amada fórmula de Hidetaki Miyazaki, ele mantém aquele coquetel mágico de combate brutal, atmosfera sombria e exploração sem fim.

    O que estou perdendo? O tipo de design de níveis esparramado que mão estamos acostumados a ver em side-scrollers 2D desde os tempos dourados de Metroid e Castlevania.

    =====================================================

    Trackmania Turbo

    Jogos de corrida arcade exagerados parecem estar tendo um revival este ano, e Trackmania Turbo está liderando o ataque. Um sucesso cult no PC, ele saltou a rampa para o PS4 este ano e conquistou aclamação da crítica no processo.

    O que estou perdendo? Uma comunidade online dedicada e pronta para acabar com você com seus buggies movidos a foguetes.

    =====================================================

    Enter the Gungeon

    Poucas coisas são tão tensas quanto sobreviver à‘Gungeon’. Como todos os rogue-likes, quando você morre, você morre, mas a morte nunca parecerá tão próxima quanto no inferno de balas de Enter the Gungeon.

    O que estou perdendo? Algumas das ‘armas’ mais interessantes e bizarras que você já viu em um jogo – que tal uma arma de ‘junk mail’?

    =====================================================

    Invisible Inc.

    Enquanto a maioria dos rogue-likes abusam da ação, a desenvolvedora Klei Entertainment chacoalhou o gênero no ano passado com Invisible Inc. Mirando em jogabilidade stealth por turnos e uma apresentação temperamental e brilhante, eles conseguiram um sucesso que chegou ao PS4 em abril.

    O que estou perdendo? Mecânicas táticas profundas e geração procedural oferecem a Invisible Inc. um potencial de replay quase ilimitado.

    =====================================================

    The Escapists: The Walking Dead

    Este ano, os desenvolvedores da Team 17 engenhosamente combinaram o seu escape-‘em-up de pixel-art The Escapists com o fenômeno de terror da TV, The Walking Dead. O resultado? Uma inocentemente estratégica porém fiel reconstrução da linha do tempo original dos quadrinhos, tudo trazido à vida à charmosa moda 8-bit.

    O que estou perdendo? O sempre durão policial Rick Grimes é um pimpolho pixelizado – quem não quer ver isso?

    =====================================================

    This War of Mine: The Little Ones

    Os desenvolvedores do 11 Bit Studios deram um tom sombrio com a adição de jovens a esse impressionante e levemente político jogo de estratégia This War of Mine. Enfatizando o horror cotidiano e o desespero dos conflitos humanos, This War of Mine – The Little Ones atravessa a obscura intersecção entre videogames e filosofia com franqueza marcante.

    O que estou perdendo? Um jogo que desafia não só suas habilidades como jogador, mas também a forma como você pensa.

    =====================================================

    Shadow of the Beast

    O sucesso cult do Amiga, Shadow of the Beast, ganhou uma atualização este ano, exclusivamente para PS4. Cheio de Easter eggs e referências, o remake não só é um ótimo jogo de ação-plataforma por si só, mas também uma celebração da colorida herança da indústria moderna.

    O que estou perdendo? Um montão de desbloqueáveis, incluindo a arte original, trilhas sonoras e até mesmo uma emulação para PS4 do jogo original do Amiga.

    =====================================================

    The Banner Saga & The Banner Saga 2

    Janeiro trouxe o lançamento para PS4 da tão aguardada sensação do Kickstarter The Banner Saga, e este mês de julho a chegada de sua sequência, The Banner Saga 2. Cheio de belas artes desenhadas à mão, uma série de personagens memoráveis e narrativas complexas e ramificadas, ambos os jogos receberam muitos elogios dos fãs e da crítica.

    O que estou perdendo? A paixão pura de três desenvolvedores que deixaram seus empregos no mainstream para fazer jogos que eles realmente amam.

    =====================================================

    I Am Setsuna

    Evocando a filosofia cçassica de design e narrativa dos mais amados RPG’s do passado, I am Setsuna finalmente chega à Europa na semana que vem. É claro que você ainda não teve uma chance de perder esse jogo, mas com a estonteante trilha sonora e a exploração top-down cheia de nostalgia, você realmente não querer.

    O que estou perdendo? O tipo de combate em grupo e narrativa que reacende boas memórias de Chrono Trigger e dos títulos clássicos de Final Fantasy.

    =====================================================

    The Witness

    Esse puzzler muito esperado do desenvolvedor de Braid, Jonathan Blow, usa com orgulho sua visão singular, evitando tendências modernas do mundo dos games com uma simplicidade incrivelmente enganadora. Constantemente reinventando seu próprio conjunto simples de regras, os puzzles geométricos lentamente desenterram um lado muito mais profundo e meditativo do jogo.

    O que estou perdendo? Um desafio cerebral que vai te fazer sentir estúpido em uma situação e um verdadeiro gênio no momento seguinte.

    =====================================================

    Assassin’s Creed Chronicles Trilogy

    Transferindo a exploração de mundo aberto e o combate da série Assassin’s Creed para uma experiência mais linear de side-scrolling foi um desafio arriscado mas recompensador. Trazendo três aventuras únicas em ambientações históricas na China, Rússia e India, a trilogia dá uma perspectiva nova para a experiência de Assassin’s Creed.

    O que estou perdendo? Design estiloso e lustroso que evoca as cores e a personalidade de cada local histórico, não só no design do mundo, mas na jogabilidade também.

    =====================================================

    Valkyria Chronicles Remastered

    Lançado em 2009, Valkyria Chronicles não é um ‘novo jogo’, mas com visual HD melhorado, performance quase perfeita e todos os add-ons originais colocados juntos, esse clássico cult nunca esteve disponível em um pacote tão completo e atraente.

    O que estou perdendo? Uma verdadeira joia da última geração – sua apresentação estilosa permanece tão impressionante hoje quanto no lançamento.

    =====================================================

    Sheltered

    Intenso, profundo e desafiador, Sheltered exige que os jogadores sejm impiedosos e não façam distinção de um jeito que poucos outros jogos ousam fazer. Simples, mas arrepiante e atmosférico, seus pontos altos desesperadores são comparáveis apenas a seus pontos baixos esmagadores.

    O que estou perdendo? Uma intensidade rara que irá despertar uma determinação sinistra até nos jogadores mais casuais.

    =====================================================

    Prison Architect Console Edition

    Atuar como arquiteto e administrador-chefe de uma instalação penal pode não parecer a premissa mais óbvia para uma jogabilidade viciante em loop, mas Prison Architect acaba alegremente com essa suposição. Extremamente difícil de parar de jogar, a Console Edition mantém toda a profundidade e liberdade da versão para PC.

    O que estou perdendo? Um jogo em que, pelo menos uma vez, o objetivo principal é na verdade manter os bandidos felizes.

    =====================================================

    Odin Sphere: Leifthrasir

    A desenvolvedora Vanillaware deu nova vida a esse clássico do PS2. Com um polimento completo em HD e uma série de ajustes no gameplay original, Odin Sphere: Leifthrasir oferece a chance de experimentar um título muito amado mas um pouco ignorado em um hardware novo e mais poderoso.

    O que estou perdendo? A segunda chance de uma joia ignorada que chegou tardiamente no ciclo de vida do PS2 e perdeu a atenção que deveria ter recebido.

    =====================================================

    Guilty Gear Xrd – Revelator

    Silenciosamente entrando no ringue dos jogos de luta no mês passado, a nova edição da longeva franquia Guilty Gear traz sua marca registrada com personagens, modos e animação 2D de ponta para o PlayStation 4.

    O que estou perdendo? Um dos jogos de luta mais elogiados pela crítica nesta geração.

    =====================================================

    Downwell

    Renegando pixels bonitos em favor de controles responsivos e justos, Downwell exemplifica o revival moderno da filosofia de design ‘jogabilidade é tudo’. Veloz, desafiador e viciante, ele remete a uma era passada dos videogames.

    O que estou perdendo? Ação crua, de fogo rápido e rogue-like como poucas.

    =====================================================

    Severed

    Trazido a você pela Drinkbox Studios – a excêntrica equipe por trás de Guacamelee – Severed combina sua colorida assinatura com belos elementos de combate em touchscreen para entregar um jogo de plataforma e aventura como poucos.

    O que estou perdendo? Uma das melhores jogabilidades touchscreen que já apareceram no PS Vita.

    ===========================

    FONTE: PLAYSTATION.BLOG.BR

    ===========================

    I am Setsuna

    Platform: Playstation 4
    81 Players
    21 Check-ins

    23
    • Micro picture
      spider · over 3 years ago · 2 pontos

      Caramba, excelente! Obrigado por chamar atenção para esses que em alguns casos passam realmente desapercebidos.

    • Micro picture
      franzito · over 3 years ago · 2 pontos

      De todos só sabia do I am Setsuna e Odin Sphere: Leifthrasir.

    • Micro picture
      batatadark · over 3 years ago · 2 pontos

      the witness e maravilhoso , estou esperando uma promoçãozinha legal para poder adquirir ,

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...