danielgfm

Fã do Mega Drive, da AMD e da Plataforma PC (Emuladores são foda)

Você não está seguindo danielgfm.

Siga-o para acompanhar suas atualizações.

Seguir

  • danielgfm DoomGuy
    2019-02-03 19:24:33 -0200 Thumb picture
  • danielgfm DoomGuy
    2019-02-03 18:27:51 -0200 Thumb picture

    Maldito Calor...

    Que não me permite ficar sentado no local onde tá o Notebook para jogar um pouquinho... não rola ficar o dia todo com calor nos coro...

    10
  • danielgfm DoomGuy
    2019-02-03 10:46:06 -0200 Thumb picture

    Vakinha...

    Depois de 4 meses pensando em fazer esta campanha, assim o fiz. Espero que o texto seja necessário para entender minha situação.

    https://www.vakinha.com.br/vaquinha/um-notebook-para-se-criar-conteudo

    17
  • danielgfm DoomGuy
    2019-01-27 19:55:03 -0200 Thumb picture
  • comudomega Mega Drive
    2019-01-27 18:22:46 -0200 Thumb picture
    Thumb picture
  • danielgfm DoomGuy
    2019-01-27 17:18:36 -0200 Thumb picture

    As Vezes eu me pego no passado...

    Medium 3700288 featured image

    A frase do artigo é um sentimento que, vez ou outra, domina completamente a minha linha de pensamento durante um dia da semana. Me pego pensando, e muito, sobre o passado, sobre tudo que eu ouvi, vi e senti nos tempos idos e penso se eu poderia ter aproveitado mais se tivesse mais consciência daquilo que eu tinha em mãos.

    O perigo de pensar neste período do tempo é que o sentimento de nostalgia que vem agregado a isto pode extirpar parte da nossa experiência no presente e acabar de não termos uma satisfação com o jogo, o filme, o seriado que estamos experimentando hoje.

    As nossas memórias são extremamente perigosas e podem nos levar para um caminho que pode se tornar um ciclo vicioso sem fim e, assim, cairmos na armadilha que o passado era melhor.

    Ainda assim, não podemos abstrair aquilo que nós sentimos, ao contrário disto, pois se assim o fizermos acabaremos por perder muito daquilo que é importante para o nosso caráter e o nosso jeito de ser.

    As lembranças, as experiências, as vivências destes tempos idos nos fazer ser o que somos e, com elas, temos muitas histórias para contar e isto não podemos deixar de lado.

    Os dias de jogos sem fim. As loucuras nas locadoras ou nos fliperamas de bar (ou rodoviária). As lidas e "relidas" naquelas maravilhosas revistas de videogame. As muitas locações e frustrações que tivemos ao longo de nosso tempo gamer nos anos de 1980 e 1990 nunca serão desfeitas, pois está em nossas mentes e corações.

    O que temos na atualidade é uma democratização maravilhosa do meio gamer, onde, qualquer um, em qualquer plataforma, pode estar jogando um título qualquer e estar dentro deste mundo fantástico que é do videogame.

    Seja aquele jogador de Freefire, seja aquele que joga paciência ou Candy Crush, ou o estrategista por detrás de Civilization, aquele que planeja ultrapassar o Mario no Super Mario Kart, ou salvar o mundo mais uma vez em Final Fantasy, Dragon Quest, Rage, Fallout - não o 76 ou que quer simplesmente causar a desordem  e o caos numa partida de OverWatch, World of Warcraft ou de Team Fortress 2, somos todos jogadores e temos como direito se divertir e, como obrigação, permitir que todos se divirtam.

    Sou daqueles que o pessoal chama de Retrogamer, eu prefiro os jogos dos anos de 1980 e 1990 aos que são lançados na atualidade e não é por falta de PC bom.

    Não vou atrás das atuais plataformas - PS4 e XBoX One - porque, até o presente momento, existem apenas uns 10 jogos, em cada plataforma exclusivos - ou nem isso -, que tenho vontade de comprar e ter um console por causa de apenas 10 jogos não rola gastar o dinheiro a toa.

    Mas, por mais que eu não seja um gamer atualizado, com um console de mesa ao alcance, não vou ficar dizendo a torto e direito que não se tem nada a se jogar nesta geração, como eu disse, tem uns 10 jogos para mim, e vários multiplataformas que saíram para PC, só que, o passado me preenche com uma gama de jogos ímpar e, assim, tenho vários títulos para jogar, só me falta, ainda, é tempo para tanto.


    Se pegar no passado não é ruim, o problema real é ficar preso a este e nunca experimentar o novo, por mais desafiador que seja.

    26
    • Micro picture
      pauloaquino · 19 dias atrás · 2 pontos

      Imagina no caso da música...

      2 respostas
    • Micro picture
      aleferrer · 15 dias atrás · 2 pontos

      Concordo com seu texto, principalmente no que fala da "diversão" pois para mim é o mais importante nos games. Muito se fala de gráficos, jogabilidade, que antes era isso e agora aquilo, mas cada geração tem seus parâmetros. Eu achava sensacional os gráficos do Master, pq eu vinha do Atari e depois veio o Mega Drive onde falávamos que era perfeito e assim foi e sempre, independente da plataforma, bits, gráficos o que valia era a diversão e é isso que sempre procuro.

    • Micro picture
      artigos · 13 dias atrás · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • danielgfm DoomGuy
    2019-01-27 09:30:56 -0200 Thumb picture

    Aqueles controles estranhos... ou nem tanto...

    Medium 3700231 featured image

    Ahhh como eram bons os tempos áureos dos anos de 1990. Claro que não tínhamos as facilidades de que temos hoje com tudo ao alcance de um dedo, mas, ainda assim, para mim, o mercado gamer parecia ter uma importância maior para com o consumidor do que nos dias de hoje.

    E por conta deste pensamento que passa na minha mente, me lembrei dos controles da Quickshot que a Tectoy vendia como se fossem autorizados pela SEGA e, claro, a empresa japonesa sequer sabia da existência destes produtos e se sabia nunca fez questão de deixá-los como produtos licenciados para serem usados em seus consoles.

    Isto se dá pelo simples fato que não é encontrado o logo da SEGA em nenhum das caixas que a Tectoy produziu no Brasil dos controles da QuickShot, e, a partir disto, percebe-se que o produto não é autorizado pela SEGA.

    Ainda assim, apesar deste contraponto - e contratempo - nada impedia que a gente não ficasse babando por estes controles, alguns bem estranhos, como o Tipo Asa acima.

    Quem não se lembra das propagandas que tínhamos tanto na Revista Videogame, como na Ação Games e na SuperGame (especializada para produtos SEGA)?

    Eu não tinha Master System, mas era louco para ter um controle tipo arcade profissional como este aqui embaixo.

    Desta forma, é assaz dizer que apesar das minhas grandes críticas que eu tenho hoje para com a Tectoy - e a porcaria que ela está "re"lançando em nome da nostalgia, ainda tenho que dar o braço a torcer por tudo que ela fez para o mercado gamer no passado.

    Se não fosse esta empresa brasileira é bem provável, possível que o vislumbre dos games no Brasil seria bem diferente do que temos hoje. Foi por conta desta empresa que a Nintendo e a Sony vieram a abrir os olhos para o nosso país.

    A Nintendo veio com ao Brasil com a PlayTronic - união da Estrela, Gradiente e a empresa mãe do Mario - e, por muito pouco, a própria Tectoy iria ser a distribuidora oficial dos produtos da Sony no Brasil na área de jogos eletrônicos - uma grande cagada ter deixado isto passar, mas era tudo incerto naquele momento.

    Bom, mas não dá para chorar pelo leite derramado e lição perdida é lição aprendida e a vida gamer continuou naquele momento e é uma delícia relembrar dos momentos de antigamente, assim como ver este controle sem fio da Quickshot.

    Bons tempos, estes dos anos de 1990.

    37
    • Micro picture
      shucrute · 19 dias atrás · 5 pontos

      Esse fundo quadriculado do Master me transportam pro passado com uma facilidade que poucas coisas conseguem...

      3 respostas
    • Micro picture
      tassio · 19 dias atrás · 2 pontos

      Esse primeiro controle tipo manche eu tenho até hoje mas não esse da linha quick shot, é um da Dynacom mas que é muito bom também, até hoje o tenho aqui e (acho que) funcionando.

    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 19 dias atrás · 2 pontos

      Kkkk...eu lembro dessas novidades!!-
      Queria todos.

  • danielgfm DoomGuy
    2018-12-30 20:04:43 -0200 Thumb picture
  • danielgfm DoomGuy
    2018-11-17 10:30:49 -0200 Thumb picture

    Consolize o seu Game Gear!

    Game Gear de Mesa

    Se todo mundo, como Hobby, fizesse o que o Neto faz – cada um em seu espectro de conhecimento, certamente já teríamos carros voadores e hologramas.

    Ver um vídeo que ele fez no dia 16/11/2018, onde ele mostra o seu projeto final de Game Gear na carcaça de um Master System é uma demonstração – seguindo o passo a passo do Neto no site dele – você pode fazer isto e, quem sabe, até mesmo chegar onde um outro cara chegou fazendo isto daqui abaixo:

    Leia mais em:

    https://www.comunidademegadrive.com.br/artigos/game-gear-consolizado/

    13
    • Micro picture
      tassio · 3 meses atrás · 1 ponto

      O Neto pega o melhor chip de vídeo de Master System (O Sony CXA alguma coisa, o mesmo usado no Mega Drive) e coloca no lugar dos Motorolas ruinzões dos Master System que a Tec Toy comercializou no Brasil na década de 90. O cara é um monstro!

    • Micro picture
      tassio · 3 meses atrás · 1 ponto

      Acho que a primeira rom de Sonic 2 com a Hidden Palace colocada certinha no contexto do jogo foi ele que fez, mas não lembro direito, o cara que fez, o fez muito bem, ele refez a fase, e a colocou como um acesso dentro da Mystic Cave, naquela parte que se você cair da ponte, fica preso no buraco com espinhos sem saída.

  • danielgfm DoomGuy
    2018-11-14 19:43:04 -0200 Thumb picture

    Roms. Saiba onde baixar!

    Este ano de 2018 foi bem interessante, e estressante, para com aqueles que gostam de emulação. De um lado vimos alguns sites por aí morrerem porque a Nintendo fez, novamente, uma nova caça às bruxas – parece até ser algo cíclico, do outro, vimos outros sites insurgirem a esta caçada.

    Um dos sites de Roms e Emuladores que sofreu um baque – mas que não apagou os arquivos – foi o Emuparadise e muitos ficaram temerosos com a possibilidade de se baixar roms e isos.

    Leia mais:

    https://www.comunidademegadrive.com.br/artigos/roms-saiba-onde-baixar/

    39
    • Micro picture
      marcela · 3 meses atrás · 2 pontos

      Muito bom! Valeu pelas recomendações, tava hoje mesmo pensando em alternativas ao Emuparadise ;)

      9 respostas
    • Micro picture
      emphighwind · 3 meses atrás · 2 pontos

      Lembro que eu usava bastante este romulation na época do DS, inclusive não sei se ainda tem, no fórum dele tinha várias roms pre-patcheadas de jogos de DS inclusive alguns undubs que é complicado de achar em qualquer outro canto.

      Hoje em dia uso mais o nicoblog/cdromance que não está listado ai.

      1 resposta
    • Micro picture
      reasel · 3 meses atrás · 2 pontos

      a um tempo atrás eu postei aqui no alva um tutorial de como baixar no emuparadise através de um plugin., n sei se ainda funciona.
      mas onde eu costumo baixar roms é portalroms, nicoblog, e cdromance

      2 respostas
Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...