You aren't following colonel.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • fonsaca Adriano Luís Fonsaca
    2017-04-21 18:14:03 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Hidromel dos bons, selo fonsaca de pode confiar!

    Afinal, produzido por mim, kkkkkkkk!

    ______________________________________________________________________________

    E aí, gosta de vinho? Que tal experimentar "vinho de mel"?

    Hidromel a bebida dos deuses!
    Produto artesanal curitibano já disponível para compra online.
    Podem comprar diretamente comigo mesmo se forem daqui, só entrarem em contato aqui via mensagem.

    Link para compra: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-861091519-h...

    The Lost Vikings

    Platform: Genesis
    182 Players
    5 Check-ins

    31
    • Micro picture
      onai_onai · over 2 years ago · 3 pontos

      PELAS BARBAS DO FONSACA! Tu devia abrir uma taverna. Hehehe...

      1 reply
    • Micro picture
      old_gamer · over 2 years ago · 3 pontos

      Que isso! Estou surpreso ! Vai vender tudo!

      1 reply
    • Micro picture
      riki_samejima · over 2 years ago · 2 pontos

      Eitaaaaa! Olha aí o nosso amigo escondendo o ouro todo esse tempo! hahahaha

      5 replies
  • 2016-10-31 11:23:19 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    E aí, querem um Mega Drive original novinho de fábrica?

    A Tectoy, empresa responsável por lançar produtos da Sega no Brasil,  anunciou a pré venda de um Mega Drive com a carcaça original, 22 jogos na memória, saída para fone de ouvido, entradas para cartão SD e fitas!

    Tudo isso por R$399,00.
    Ou R$379,05 no boleto.

    De ressalva, tem o fato de não existir saída HDMI igual ao NES Mini. *
    Quem sabe, entradas USB e controles sem fio tbm seriam uma boa.
    Sonhando demais, opção de salvamento instantâneo (ok, aqui forcei a barra, 16-bits não é tão impossível de se jogar sem save state).
    A Tectoy justifica com o aumento de preço do produto final algumas dessas não inclusões  segundo o site Tecmundo.

    http://www.tecmundo.com.br/video-game-e-jogos/1111...


    Todavia, o console parece compensar para retrogamers que se interessam, por exemplo, em ter um Mega Drive original + Mega Everdrive (periférico que permite colocar jogos via SD em Megas antigos). Possivelmente, será só colocarmos roms no cartão que dará pra jogar toda biblioteca.

    Outra importante informação: "Mas a melhor notícia é que o Mega Drive é de fato, um console legítimo. Os componentes, embora não sejam os mesmos do console original, pela óbvia razão de que tais peças não são mais fabricadas, cumprem o papel de fazer o console funcionar, aceitar fitas e nos levar de volta aos inesquecíveis anos 90, a época em que os videogames conheceram muitos clássicos, que são queridos e jogados até hoje. O esforço da Tec Toy ter desenvolvido um console deste padrão é digno sim de aplausos, por colocar no mercado nacional uma ótima opção de jogatina retrô, facilitando na questão de logística e atendimento. Na prática, não é só o Mega Drive que retorna, a Tec Toy (em separado, mesmo, tal como era nos anos 90) também está em ótima forma, oferecendo o mesmo suporte e atendimento que a fez sinônimo de Sega no Brasil nos anos 90." **

    O console será enviado por volta de junho de 2017.


    * Essa ressalva e parte do texto são referências ao text do usuário @tiagoandrade.

    ** Fonte: http://www.arkade.com.br/mega-lancamento-tectoy/

    Visualizem a pré-venda do console em:
    http://www.tectoy.com.br/pre-venda-mega-drive-edic...

    Post por: @fonsaca

    Turbo OutRun

    Platform: Genesis
    147 Players
    1 Check-in

    35
  • colonel Filipi Garcia
    2016-10-30 11:31:12 -0200 Thumb picture
    colonel checked-in to:
    Post by colonel: <p>#img#[359020]</p><p>Incentivado pelo brother @fo
    The Legend of Zelda: Twilight Princess

    Platform: Nintendo Wii
    6136 Players
    365 Check-ins

    Incentivado pelo brother @fonsaca a registrar minhas impressões sobre Twilight Princess (Wii) que terminei a cerca de dois meses atrás, surgiu um tempo livre e resolvi postar aqui. Então seguem minhas observações, para o caso de alguém ter paciência de ler:

    Inicialmente, cabe o registro de que sou jogador de Zelda acostumado com os jogos 2D. Joguei e finalizei praticamente todos os jogos da série, passando por The Legend of Zelda do NES atéA Link Between Worlds (3DS). Apenas não joguei ainda o mais recente Triforce Heroes (3DS) e o famigerado Four Swords Adventures (GC). Aliás, @fonsaca agora não temos desculpa mais, vai ter que rolar a jogatina desse aí hehe.

    De jogos 3D da série, tenho pouca experiência: apenas finalizei Ocarina of Time (64). Joguei duas vezes Majora’s Mask e larguei pois me deu dor de cabeça a loucura de voltar no tempo e nisso perder algum item e ter que fazer tudo novamente.

    Enfim, o fato é que sou essencialmente um jogador retrô que nunca se adaptou plenamente a jogos 3D, talvez por isso o jogo me deu mais dor de cabeça do que deveria.

    Optei por jogar Twilight Princess antes de The Wind Waker pelo medo de estranhar o visual cartunesco deste. Achei que as chances de seguir em frente com um game com pegada “realista” seria maior. E de fato, eu estava certo. O game tem uma atmosfera bem pesada com alguns momentos que lembram filme de terror. Curiosamente, é justamente a atmosfera e o enredo em si o que mais me agradaram, A dinâmica do Link com a Midna é cativante e me fez querer continuar com o jogo mesmo em alguns momentos de cansaço. Outros personagens têm algum destaque como Telma, Renado e Colin mas nada realmente impactante. Em geral servem apenas como pano de fundo para alguma situação envolvendo alguma quest da jornada do Link o que é o padrão nos Zeldas que joguei.

    O que me trás à parte que não gostei do jogo: achei o jogo pouco inovador, quase um Ocarina of Time requentando.

    Por exemplo, a estrutura do enredo é esquemática e por demais semelhante à Ocarina e mesmo outros games da série. A mesma ideia de ”estamos de boa, rola treta, 3 dungeons pra resolver a parada, resolvido? Nããããão, reviravolta pois deu merda e fomos enganados, vamos começar tudo novamente, mais algumas dungeons e agora vai! Batalha final!”

    Sem grandes novidades nas armas ou coletáveis. Ah, o mapa é maior, o que só torna mais cansativo a procura por mais pedaços de coração em espaços maiores e vazios.

    A jogabilidade também me incomodou em alguns pontos. Achei o Link “lobo” mal aproveitado, depois de um primeiro momento de novidade se torna uma experiência limitada e repetitiva. Uma pena.

    Também não gostei do uso do Wiimote. Embora você possa fazer alguns movimentos com a espada, em geral você pode ficar repetindo o mesmo golpe básico pra derrotar 90% dos inimigos. Como jogador conservador, prefiro o bom e velho controle clássico de botões.

    Por fim, as dungeons são um primor como todos os games da série. Gostei em especial do mapa da Forest Temple, puzzles da Lakebed Temple e dinâmica da Temple of Time. Visualmente, achei a City in the Sky belíssima, porém provavelmente minha inaptidão com jogos 3D mencionada anteriormente somada ao uso de clawshots nos Zeldas 3D (que acho uma bosta) me fizeram demorar o triplo do tempo. Não vou entrar em detalhes, mas uma parte em específico dessa dungeon quase me fez receber a tela de “game over”, o que seria um prodígio em um jogo essencialmente fácil, como este Twilight Princess.

    Creio que estes pontos que se destacaram para bem ou para mal na minha experência gamística. Talvez pareça que gostei pouco do game, o que não é verdade. Achei The Legend of Zelda: Twilight Princess um game bonito, com uma temática que me agradou muito e uma dinâmica entre os personagens principais que vale a jornada. Mas é pouco inovador, bastante repetitivo e em alguns pontos realmente cansativo.

    Sei que muitos gamers adoram este jogo mas minha experiência foi essa, um tanto “dividida”. Por favor não me joguem pedradas por isso.

    21
    • Micro picture
      fonsaca · about 3 years ago · 2 pontos

      Check-in? Poxa, isso podia ser um "artigo" ou "crítica", kkkk!
      Muito bom, fico feliz que tenha feito.
      Temos mesmo que jogar o Zelda do GC!

      Vamos aos comentários, tentarei resumir...
      Com esse seu texto maior, fico mais aliviado em estar claro que o jogo não é ruim e parece ser o que espero, rsrs. Aliás, qual sua nota pra ele? Entra na sua lista de "favoritos"?
      Lembro dos seus comentários "negativos" referentes as similaridades com o Ocarina e tal. Afinal, a série está precisando se reinventar mesmo. Quem sabe o novo Breath of the Wild sope novas brisas pra série (A Nintendo está vendendo ele como um "sucessor" do Zelda do NES).
      Nesse ponto reforço: cuidado com o Wind Waker! Apesar de mtos elogiarem e dizerem que é "diferente" do Ocarina (o cenário e o mar, meio que são).
      Resumidamente, acho que dá pra falar só isso.
      Lembrando de mais coisas, comento novamente, rsrs!

      Acho que é isso, bora para os outros Zeldas. Vamos zerar toooooooodos!
      Muawawawawawawaa!

    • Micro picture
      colonel · about 3 years ago · 2 pontos

      huahuahauhauha acabei me empolgando e escrevendo mais do que deveria. E nem me lembrava que tinha a parada de "crítica" aqui. O Alvanista deu uma mudada desde a última vez que postei algo.

      Cara, eu daria um 7,5 ou 8 pois é um jogo visualmente muito bem trabalhado. É um bom jogo, só perdeu o fôlego comigo, experiência pessoal mesmo. Não chega a ser um jogo favorito para mim.

      Acho que todo jogo pós Ocarina tenta ser "o jogo que vai superar Ocarina of Time". Ocarina parece um paradigma, um "padrão de qualidade" que todos os jogos seguintes tentam copiar e superar. Quem sabe o Breath of The Wild consegue se desvincular no clássico e criar uma coisa totalmente nova pro universo da série. É torcer.

      Teste The Wind Waker aqui no Wii essa semana e curiosamente não me pareceu com muita queda na qualidade de imagem na TV de plasma. De qualquer forma vou aguardar chegar um cabo video componente pra ver qual é a diferença.

      E vamos jogar e zerar rodos sim huehueheuheueheuhee

    • Micro picture
      fonsaca · over 2 years ago · 2 pontos

      Relendo aqui, concordo com várias questões: lobo mal aproveitado e espaços vazios muito grandes pra procurar os corações e outras coisas.
      Wii mote deve ser pq esse jogo foi feito pro Game Cube, mas portado de última hora. Acho que só o Skyward Sword pode dizer se realmente é chato usar o controle diferente ou não.
      Já sobre inovação eu me pergunto: qual Zelda inova?
      A série costuma inovar com alguns conservadorismos, sempre.
      Apesar do Ocarina ter migrado tudo pro 3D, mesmo esquema de DGs.
      Esse novo Breath of Wild mudou mta coisa, mas no cerne tem mta coisa igual (a mecânica de cavalgar é quase a mesma, a lógica das DGs meio parecida). Tem várias inovações em questões de mecânicas e tal, mas eu desgostei bastante do mundo aberto. Suas "possibilidades infinitas", geraram várias limitações para a série.
      Enfim, um dia quero q vc jogue e me diga o que acha.

  • fonsaca Adriano Luís Fonsaca
    2015-08-23 13:28:27 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    fonsaca checked-in to:
    Post by fonsaca: <p>Sunset Riders, Knights of the Round,&nbsp;Teenag
    Mario Kart 64

    Platform: N64
    10738 Players
    60 Check-ins

    Sunset Riders, Knights of the Round, Teenage Mutant Ninja Turtle, International Superstar Soccer Deluxe, Street Racer e, por fim, Mario Kart 64. Todos jogados em 3 pessoas.
    Reafirmando: nada como jogar multiplayer pessoas de verdade ao seu lado. 

    17
    • Micro picture
      luansilva2000 · about 4 years ago · 3 pontos

      Com certeza, multiplayer local sempre será melhor!

      1 reply
    • Micro picture
      artoriasblack · about 4 years ago · 2 pontos

      podem ter outros Mario Kart mais modernos, mas esse é o melhor de todos

      4 replies
    • Micro picture
      onai_onai · about 4 years ago · 2 pontos

      Acho ele legal também, mas acho que ficaria mais interessante se desse pra participar dos campeonatos com mais de um jogador, assim como no Super Nintendo.

      1 reply
  • colonel Filipi Garcia
    2015-06-13 18:14:27 -0300 Thumb picture
    colonel checked-in to:
    Post by colonel: <p>Apenas registrando o zeramento. 03 horas e 20 mi
    Mega Man 9

    Platform: Playstation 3
    442 Players
    52 Check-ins

    Apenas registrando o zeramento. 03 horas e 20 minutos. 

    Não fosse a loja de itens, e o jogo seria dificílimo. 

    Mas sabendo usar os itens é um jogo "apenas" difícil.

    Gostei bastante, digno dos games no Nintendo.

    15
    • Micro picture
      colt47 · over 4 years ago · 4 pontos

      Megaman 3 é o meu favorito , é um dos poucos megaman que eu me dediquei a zerar

      1 reply
    • Micro picture
      katsuragi · over 4 years ago · 3 pontos

      O joguei muito em meu Wii e acho ele um jogo sensacional com uma dificuldade bem justa em minha opnião.

    • Micro picture
      fonsaca · over 4 years ago · 2 pontos

      Quando terminar o 10 tbm, quero que me conte sobre as historinhas dos jogos!

  • 2015-05-12 17:23:43 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    HQ - Super CEP - Um Herói Brasileiro

    Medium 3069220 featured image

    Quer pular a ladainha? Acesse gratuitamente o quadrinho em:

    https://www.facebook.com/media/set/?set=a.81560148...

    AJUDEM COMPARTILHANDO!

    ________________________________________________

    ARTIGO

    Muitas vezes ficamos presos, meio que sem querer, em acompanhar a cultura estadunidense e japonesa no que diz respeito à quadrinhos, jogos e animações.

    X - Men é muito bom, mas só isso que o mundo, composto de quase 200 países, é capaz de oferecer?


    Às vezes também, a resposta mais automática para a pergunta: "você acompanha narrativas de outros países ou brasileiras?", é um sonoro não!

    Goku é o cara! Será que não existe um "cara" aqui no Brasil?


    Talvez nossa resistência à obras feitas por outras nacionalidades que não sejam as do "cartel cultural" tenha a ver com o fato de muitas delas, especialmente as que tentam nos divulgar, sejam conceituais demais, longe do nosso conhecimento e mundo comum. Quem sabe o reverso também acontece, muitas histórias parecem meras cópias do que já conhecemos.

    Contudo, obras culturais criadas fora do eixo mais difundido, são sim, aprazíveis ao público.

    Lembram-se do quadrinho inglês V de Vingança ou do francês Asterix ou ainda do ítalo-multi-nacionalidades Corto Maltese?

    É em inglês, mas é feito no Reino Unido!

    Franceses também sabem desenhar!

    Corto Maltese, o marinheiro solitário envolvido nos mais diversos conflitos militares. E... ele fala com corvos?

    Pois é, todos eles não foram criados nos EUA ou Japão, mas são famosos por aí. E o público é unânime em dizer que são grandes obras.

    Por isso venho aqui falar de uma história em quadrinho nacional feita com o objetivo de agradar ao público como você ou eu.
    Feita nos moldes que conhecemos, mas com a sua originalidade e detalhes singulares. Detalhes os quais nos levam a um quadrinho próximo à nossa realidade, mas sem cair nos clichês narrativos brasileiros.

    Apresento pra vocês Super CEP.

    Não é estadunidense, não é japonês, mas dá conta do recado!


    Super CEP é um herói estudantil que luta para defender jovens e professores de vilões e corruptos.

    É um projeto de história em quadrinhos online gratuita e de fácil acesso, com publicações de 02 páginas inéditas semanalmente.

    E aí, vamos dar uma olhada mais de perto?

    É só acessar: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.81560148...

    Super Cep diz: "Vem ler fio, você não irá se arrepender!"

    Post por: @fonsaca

    26
  • fonsaca Adriano Luís Fonsaca
    2015-02-16 21:27:49 -0200 Thumb picture
    Thumb picture
    fonsaca checked-in to:
    Post by fonsaca: <p>Não sou fã de jogos de futebol e o jogo tem uma
    FIFA Soccer 13

    Platform: Playstation 3
    1693 Players
    170 Check-ins

    Não sou fã de jogos de futebol e o jogo tem uma série de problemas, mas gente, como multiplayer "na vida real" (com pessoas sentadas no sofá ao seu lado) é divertido. Até um jogo que, provavelmente, eu nunca jogaria sozinho, fica muito divertido.
    Destaque da jogatina @colonel e outro amigo nosso.

    10
    • Micro picture
      onai_onai · almost 5 years ago · 3 pontos

      Eu também só gosto de futebol se tiver outras pessoas jogando, e do meu lado, não online. Jogos online são divertidos mas nada é melhor do que ter pessoas ao lado, ver suas reações, rir com elas. É por isso que sempre reuno um pessoal aqui em casa pra jogar jogos de tabuleiro e RPG.
      Hoje em dia há uma espécie de retardo coletivo onde as pessoas preferem mais interagir online do que com as pessoas que vivem ao seu redor. Eu tinha raiva quando no meu trabalho chamava alguém pra lanchar e a pessoa ficava com os olhos pregados no carai do celular, se eu tomasse ele e jogasse na parede estaria fazendo um favor. Mas tenho certeza que não seria compreendido.
      Foda maior ainda é quando o pessoal se reunia e começava cada um a falar do celular, tablet, ipad, diabo a quatro, que tinha, quanto custou, geralmente muito caro.
      E o pessoal ria quando eu dizia que preferia comprar jogos de tabuleiro. Eu rebatia: - Tu pagou não sei quanto nessa porcaria e duvido que ele dure dois anos na tua mão, faz mais de dez anos que comprei o WAR e até hoje me divirto com ele. - Ninguém tinha argumento pra isso.

      8 replies
    • Micro picture
      mastershadow · over 4 years ago · 3 pontos

      "O cara quer jogar de cuequinha na casa dele kkkkkkk"

      Eca,senti nojo lento isso...kkkkk

      4 replies
    • Micro picture
      riki_samejima · almost 5 years ago · 2 pontos

      Isso me lembra de uma história sobre os novos tempos q encaramos na dificuldade de se chamar os camaradas para uma jogatina. Escutei essa história num podcast:
      O cara chama o vizinho dele pra jogar um futiba e o outro diz:
      -Opa, já vou! Liga o seu aí, q eu ligo o meu!
      Vizinhos, cara! Vê se pode?! Prefere jogar online na casa dele!

      3 replies
  • fonsaca Adriano Luís Fonsaca
    2015-01-07 21:08:59 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Intro do A Realm Reborn

    De quebra fiquem tbm com o "ending do jogo". Acho que não é spoiler, pq é o fim da versão anterior e agora a história se passa no futuro desse ending aí (creio eu). Na real nem sei se é o fim, mas enfim, é uma cena com o Gaius e sua gunblade.

    Nota: por mim o Gaius ganha o prêmio de melhor vilão dos FFs da sétima geração de consoles. Se duvidar, ganha como o melhor dentre a sexta e sétima.
    Nem mesmo o FF Type-0, com todo o seu esplendor de enredo, conseguiu um vilão tão interessante.

    Final Fantasy XIV Online: A Realm Reborn

    Platform: Playstation 3
    365 Players
    47 Check-ins

    10
    • Micro picture
      paulolol22 · almost 5 years ago · 2 pontos

      Caraca vei ja tinha visto mas ainda me impressiono cada vez que vejo to sentindo que se for jogar vô te que descola teclado e mouse pra ps 3

      5 replies
    • Micro picture
      diogoskark · almost 5 years ago · 2 pontos

      Na verdade, se tu analisar bem, ele nem era tão vilão, visto que ele tinha um trunfo pra livrar os Primals de Eorzea.

      1 reply
    • Micro picture
      diogoskark · almost 5 years ago · 2 pontos

      Ah, e o vídeo da introdução tem um desfecho em CGI quando tu derrota o turn 12 na última coil.

      1 reply
  • colonel Filipi Garcia
    2015-01-06 15:03:28 -0200 Thumb picture
    colonel checked-in to:
    Post by colonel: <p>Check-in que é quase check-out. </p><p>Nos prim
    God of War

    Platform: Playstation 3
    4792 Players
    166 Check-ins

    Check-in que é quase check-out.

    Nos primeiros dias do ano resolvi me redimir de um dos meus pecados gamísticos, que era não ter jogado decentemente God of War. Joguei algumas vezes com meu irmão, que simplesmente acha este o melhor game da face da terra. É tipo “Zeus no céu e Kratos na terra”. Rsrs

    De fato, é um jogo bacana e até entendo porque a geral adora.

    Mas a jogabilidade é extremamente repetitiva. Dificuldade razoável, alguns puzzles interessantes mas nada desafiador. Ao menos no final o jogo se torna mais difícil e não mais fácil, como o Chain of Olympus e o Ghost of Sparta.

    Gostei da releitura que o game tem da mitologia grega e tals, mas a história e o personagem... mééé, por favor não me apedrejem mas eu realmente não acho o Kratos um grande personagem. É um badass chato pra cacete.

    E pra mim, se o protagonista não convence... puts o jogo já perde muitos pontos.

    Enfim, ainda assim estou quase platinando. Consegui terminar os desafios dos deuses com um pouco na sorte no maldito décimo desafio. Falta terminar em menos de 5 horas, o que não parece difícil com a roupa de vaca (magia infinita).

    Mais pra frente jogarei o II, III e Ascension.

    7
  • fonsaca Adriano Luís Fonsaca
    2015-01-06 10:15:35 -0200 Thumb picture
    Thumb picture
    fonsaca checked-in to:
    Post by fonsaca: <p>E ontem deu certo a jogatina com o @colonel!<br>
    Final Fantasy XIV Online: A Realm Reborn

    Platform: Playstation 3
    365 Players
    47 Check-ins

    E ontem deu certo a jogatina com o @colonel!
    Falando via Skype deu pra nos localizarmos bem mais facilmente.
    Das outras vezes que joguei, fui um lobo solitário e achei tudo ok, mas tentando fazer jus ao nome de jogo multiplayer, senti que o game não facilita a vida de quem quer interagir nos primeiros leveis.  Nem dá pra formar party ou dividir experiência logo de cara.
    Enfim, vamos ver se mais pra frente a coisa melhora pra nós.

    Acima, @colonel com seu Marauder, Jacinto Pinto.
    Opa, meu personagem ficou atrás dele e, com esse nominho que ele pôs, o negócio ficou sugestivo.

    Meu Ninja Banana, que de ninja só tem o espírito, dando uma checada nos sets dos outros jogadores.

    Indo as compras!


    Continuando com essa minha mania de ficar atrás dos outros.

    A crise do nerd solitário: esses caras que estão na foto são meus amigos, tá? Não encontrei eles por acaso.

    A crise dos nerds solitários: Agora a equipe aumentou!


    A crise do nerd solitário 2: Evocando um summon ultra básico que ninguém dá bola pra ver se chamo a atenção.

    Momento ostentação: Também quero ser chique como esse cara e andar num cavalo de Odin tunadão!

    Por fim, acima e abaixo, os noobs pobres botam ordem no servidor Malboro. 

    9
    • Micro picture
      colonel · almost 5 years ago · 2 pontos

      huhauhauhruahruh @fonsaca

      Ontem foi massa! Bendito Skype e você pra me ensinar o básico do básico (tipo correr).

      Agora peguei o esquema.

      1 reply
    • Micro picture
      salvianosilva · almost 5 years ago · 2 pontos

      De repente meu primo encontra vcs no jogo, ele ta jogando a versão de PS3 tbm :)

      4 replies
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...