claudia_mr

Recomendo jogos não cadastrados na Alva ou com 0 posts. Faço parte do Video Games Death desde 2011

You aren't following claudia_mr.

Follow her to keep track of her gaming activities.

Follow

  • 2019-07-29 18:58:14 -0300 Thumb picture
    Post by claudia_mr: <p>Essa versão do PS1 foi uma das melhores aquisiçõ

    Medium 651246 3309110367

    Essa versão do PS1 foi uma das melhores aquisições. Da pra jogar deitada na cama de boa kkkkkk E o som é MUITO bom e a imagem também.

    Eu amo esse jogo, uma hora vou falar melhor dele; mas foi o primeiro jogo que eu vi que trata sobre uma pessoa que tem um transtorno de personalidade sério; uma pena que não lançou fora do Japão :c

    23
    • Micro picture
      kipocalia · 3 months ago · 2 pontos

      Deve ser legal essa telinha no ps1, por causa da resolução do mesmo. É bem bacana.

      1 reply
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Puxa, essa telinha é sonho de consumo até hj aqui. No ML é bem cara, até as paralelas U_U
      Não conhecia esse Maria ai, é estilo D tbm?

      9 replies
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      Que massa, queria tbm! Anyway, nunca tinha visto esse jogo lol

      1 reply
  • 2019-07-27 21:13:57 -0300 Thumb picture
    Post by claudia_mr: <p>Comprei semi novo (mas os objetos de dentro esta

    Medium 650870 3309110367

    Comprei semi novo (mas os objetos de dentro estavam todos fechados e novos), só que foi MUITO bom, pois já estava no Brasil e com preço muito abaixo do eBay. Fiquei SUPER feliz no dia (comprei ano passado), pois eu achava que eu ia demorar muito tempo pra conseguir importar essa edição.

    Catherine

    Platform: XBOX 360
    682 Players
    43 Check-ins

    17
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Não é fraca não, só nas collection edition.hehe Essa cdeve custar uma nota hj em dia,
      Eu tenho só a ed normal do Ps3, ams ta de bom tamanho.

      1 reply
    • Micro picture
      rcukierti · 3 months ago · 2 pontos

      Love is Over edition XD

      1 reply
    • Micro picture
      speedhunter · 3 months ago · 2 pontos

      Ostentação! :D. Parabéns pela a aquisição.

  • 2019-07-25 18:50:10 -0300 Thumb picture
    Post by claudia_mr: <p>Os dois chegaram pelo correio no mesmo dia xD&nb

    Medium 650509 3309110367

    Os dois chegaram pelo correio no mesmo dia xD 

    Eu prefiro os primeiros CT, mas eu adoro o Clock Tower 3, mesmo com aquele lance de batalha que a Alyssa parece uma menina mágica, e com aqueles últimos inimigos que eu achei meio nada a ver kkkkkkkkkk Joguei MT esse jogo já.

    Eu sempre amei Tales of, mas acabei que nem joguei muito esse ainda 💔 Depois que eu entrei na faculdade eu andei diminuindo MUITO meu ritmo em rpgs, pois eu vicio muito fácil, e acabo optando por jogo que eu zero mais rápido; mas com certeza eu vou jogar nas férias de dezembro/janeiro ❤️❤️ 

    14
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Belas aquisições! CT3 ficou caido com as flechas de luz mas ainda tem clima maneiro. Ao menos é melhor q os do ps1.hehe

      Quis por muito tempo na coleçao mas nunca consegui.hehe
      Hj o preço nao compensa pra mim. Um dos q ainda quero é o hauting ground...mas ta incompravel tbm u_u

      3 replies
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      O Tales of eu também gosto bastante, apesar de nunca ter tido oportunidade de conhecer a maioria. o Clock Tower só joguei aquele de SNES, tenho pretensão de finalizar ele qualquer dia desses e seguir para os próximos :3
      Anyways, ótimas aquisições o/

      2 replies
    • Micro picture
      srdeath · 3 months ago · 2 pontos

      Esse CT 3... ainda tenho ele aqui do sorteio da VGD kkkk <3

      1 reply
  • 2019-07-24 19:30:42 -0300 Thumb picture
    Post by claudia_mr: <p>Alguns jogos originais que eu tenho! Esse Phanta

    Medium 650183 3309110367

    Alguns jogos originais que eu tenho! Esse Phantasmagoria big box foi um dos melhores achados ❤️

    21
    • Micro picture
      msvalle · 3 months ago · 3 pontos

      Também tive esse Phantasmagoria, pena que eu perdi... =/
      Parabéns pela excelente coleção!

      4 replies
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      Caraca, so raridades. Esse D longbox deve valer uns 300 pila hj em dia.
      Esse pack com os 3 timb raiders nunca vi no ml tbm o_0
      Maciac mansion fisico, city of list children... Bela coleçao!

      Esse kof 96 é do AES ou teve pra pc tbm?

      3 replies
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      Quantas pérolas hein! Todos estão em bom estado?

      2 replies
  • 2019-07-23 17:50:13 -0300 Thumb picture

    Quebra-Cabeça de Corpos

    Essa semana eu vou ter que ficar mais ausente MESMO, então, só para não deixar aqui totalmente parado, eu trarei posts mais rápidos recomendando brevemente jogos ou postando fotos de alguns jogos meus. 

    Hoje vim recomendar um indie game feito no RPG Maker que se chama Body Elements (feito por Kona5. Criador também de Sukutte e Akemi Tan, dois ótimos jogos). 

    É dito que existe uma moça Serial Killer que desmembrou totalmente todas as suas vítimas e os pedaços foram achados no apartamento dela; e o seu personagem está internado em um lugar onde ficam pessoas que cometeram diversos crimes como esse ou menos mórbido.

    É um jogo que tem uma história, mais em arquivos que você pode ler; mas ele é mais focado em gameplay que consiste em procurar objetos e usá-los, alguns puzzles e exploração de ambiente. Também tem outras coisas mórbidas que é melhor descobrirem jogando.  Alguns lances da história acabam sendo intuitivos também.

    É um ótimo jogo; simples, mas interessante. Tem alguns cenários bizarrinhos que são super legais e surpresas interessantes durante o jogo. A música parece ser original e grudou muito na cabeça quando joguei.

    O jogo é gratuito. Baixem aqui: https://rpgmaker.net/games/5979/downloads/

    Eu cadastrei o jogo aqui na Alvanista: http://alvanista.com/games/pc/body-elements

    29
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 5 pontos

      Ok, oficialmente vc é a rainha dos indies e rpg maker obscuros da Alva.hehe
      Confesso q tenho um certo ranço com jogo feito no rpgmaker mas bate a curiosidade com esses q ta indicando.XD

      10 replies
    • Micro picture
      kipocalia · 3 months ago · 2 pontos

      O personagem me lembrou Lisa.

      1 reply
  • 2019-07-22 21:32:19 -0300 Thumb picture

    Judith é um jogo curto, tenso e marcante

    Boa noite! Hoje vou falar de um jogo indie em primeira pessoa feito por Terry Cavanagh. Ele não é curto como Siren Head (jogo que eu falei sobre, umas semanas atrás), mas continua sendo um jogo curto (10-30 minutos, estipulo).

                         “Judith é um jogo sobre controle”

    É um jogo que já fazem anos que eu joguei, mas vez ou outra eu ainda penso nele, e também por isso que eu resolvi trazer ele aqui.

    Nele você controla Jeff, um homem que alugou um lugar super antigo que esteve abandonado durante anos, para que ele pudesse se encontrar mais discretamente com sua amante. O jogo começa com os dois se encontrando em frente a antiga construção, e assim que a moça adentra o lugar e Jeff a segue, ele percebe que ela sumiu.

    O jogo possui mais personagens do que aparenta, e quando cada um deles fala algo, a cor do diálogo muda dependendo do personagem; recomendo que prestem atenção nessas cores para ficar melhor ainda diferenciá-los. 

    Ele tem jogabilidade e gráficos bem simples (consiste em ler diálogos, explorar o castelo e interagir com objetos), porém ele é super imersivo com uma atmosfera tensa e uma história comovente. O uso de sons e música nesse jogo é MUITO bom, e por isso eu recomendo que usem fone, ou joguem com volume alto, pois é uma das mágicas do jogo. Como eu disse antes, ele é tenso, porém de uma forma diferente, que não direi aqui para não estragar a experiência.

    É um jogo gratuito e pode ser baixado aqui: http://distractionware.com/blog/2009/04/judith/

    Existe algo na história desse jogo que eu percebi, e que eu dividirei com vocês , porém contém MUITOS SPOILERS, e recomendo vocês lerem após terminarem o jogo.

    Enquanto eu jogava, eu percebi que a história do jogo se assemelha muito ao conto de fadas O Barba Azul (de Charles Perrault); e por ele ser meu conto preferido do gênero, foi mais um dos motivos do jogo ter me marcado tanto.

    A seguir eu vou resumir o conto para vocês, porém quem preferir ler o conto, já que o mesmo é curto e pode ser facilmente achado para ler online, é só pular o meu resumo e ler o resto da postagem. Vou avisar onde ele termina.

    RESUMO DO LIVRO

    O Barba Azul é um nobre extremamente rico e cheio de propriedades, porém ele é temido por várias pessoas por ser considerado extremamente feio e ter uma enorme barba azul; além disso, ele já foi casado algumas vezes e ninguém sabe o que aconteceu com suas esposas, que desapareceram.

    Um dia ele se interessa por uma jovem, e para conquistá-la ele leva ela e sua família para seu castelo, onde eles passam dias vivendo com fartura e diversão.

    Eles acabam se casando, e um dia o Barba Azul precisa viajar durante alguns dias e por isso confia todas as chaves do castelo a sua esposa, porém com a condição de que existe um quarto que ela jamais deve abrir em hipótese alguma, senão ele ficaria tão irado com ela, que ninguém poderia segurá-lo.

    Quando o Barba Azul já não estava mais no castelo, ela acaba desobedecendo-o e abre o quarto proibido. Ela fica horrorizada ao ver que dentro desse quarto estão as ex-esposas de Barba Azul, brutalmente mortas. Ela sai do quarto em pânico, porém a chave ficou manchada de sangue, e não existe nada no mundo que conseguiu tirar a mancha.

    O Barba Azul retorna e pede as chaves de volta. Sua esposa tenta enrolar ao máximo, porém ela acaba tendo que entregar as chaves a ele. Seu marido percebe que a chave está suja e que isso significa que ela entrou no quarto, e diz que terá que matá-la por isso. Ela suplica por um tempo para que ela possa rezar, e ele permite, mas diz que Ela não poderá ficar nem um minuto a mais do que ele cedeu.

    Porém, ela é salva da morte no último minuto por seus quatro irmãos, que matam o Barba Azul. Com a morte do marido, ela fica com toda a herança e da uma parte para sua família.

    FIM DO RESUMO

    Apenas o resumo da história não se assemelha tanto ao jogo, mas existem outras versões e interpretações de O Barba Azul, e como eu gosto demais da história, eu conheço algumas delas, e são elas que me fazem lembrar do jogo.

    Uma das que eu conheço é uma Ópera que chama O Castelo do Barba Azul (Béla Bartók compôs a ópera e Béla Balázs escreveu a história). O  jogo é quase uma versão interativa da história dessa ópera.

    Nela, Barba Azul e sua nova esposa Judith (pois é, até no nome) estão no castelo do nobre juntos pela primeira vez. O castelo é todo escuro, e Judith pede para que o Barba Azul abra todas as portas para que entre ar e luz; ele recusa dizendo que certas portas não devem ser abertas, e pede para que ela o ame sem fazer perguntas; porém ela insiste muito para que ele abra todas as portas, e o Barba Azul acaba cedendo.

    Cada porta que ele abre acaba revelando simbolicamente partes de quem ele é, que antes ficavam escondidas na escuridão. Dentre alguns dos quartos estão um aposento cheio de jóias, um calabouço com sangue, um belo jardim e um rio de lágrimas (igualzinho no jogo). 

    Depois de abrir todas as portas menos uma, ele suplica para a esposa dizendo que aquela porta especificamente nunca deve ser aberta; e ela insiste dizendo que escutou boatos de que ele pode ter matado suas antigas esposas, e que ela desconfia que isso possa ser verdade, e que elas podem estar escondidas naquele quarto, bem como o sangue dos quartos anteriores podia ser delas, e que o rio  seria repleto de lágrimas de suas antigas esposas.

    O Barba Azul acaba abrindo a porta, só para revelar que lá dentro estão suas ex-esposas todas vivas e cobertas de jóias pesadas; e ele acaba fazendo Judith se juntar a elas e a tranca lá dentro. 

    Outra menção que farei, é de um livro que eu li que chama As Sete Esposas do Barba Azul (escrito por Anatole France). O livro apresenta outra versão do conto, onde Barba Azul tem uma barba tão preta que faz com que ela pareça ser azul, e que como ele é extremamente feio, todas as mulheres que casaram com ele, foi por interesse a sua riqueza.

    Não só isso, mas também é dito que o Barba Azul não matou nenhuma delas; elas morreram por outras causas trágicas, e ele encontrou cada uma delas logo que cada uma morreu, e foi colocando elas em um quarto por puro apego, e as encheu de jóias. E na realidade, no rio são lágrimas dele e não delas.

    Espero que tenham gostado do jogo e das histórias que eu apresentei!

    23
    • Micro picture
      santz · 3 months ago · 2 pontos

      Achei que era um MOD de Minecraft.

      1 reply
    • Micro picture
      heymannuel · 3 months ago · 2 pontos

      Gostei muito, é simples e feito para contar história. Realmente, foi legal passar o tempo.

      1 reply
  • 2019-07-21 23:31:45 -0300 Thumb picture

    Presencie Eventos Paranormais em Paranormal Syndrome

    Boa Noite! Hoje falarei de outro Survival Horror feito no RPG Maker. Também vou deixar alguns links úteis para que possam jogá-lo.

    Nesse jogo você controla Mikoto, uma garota que é apenas uma estudante. Um dia, sua melhor amiga, Yuka, decide realizar um ritual que é parte de uma lenda urbana. Algo errado acontece, e a garota acaba deixando uma mensagem de voz para Mikoto, mas sem dizer uma palavra.

    Mikoto preocupada decide ir a casa de sua amiga, e depois disso se vê no meio de uma série de eventos paranormais, se deparando com três Lendas Urbanas; e é o foco da história do jogo, três lendas criam ''vida'', e em cada fase, a personagem precisa lidar com uma delas.

    E no meio dessa confusão, um policial (Hitoshi), um jornalista (Tsuyoshi) e um especialista em eventos paranormais (Shouta), foram envolvidos no caso de Mikoto, e farão o que for preciso para ajudá-la.

    Assim como vários dos jogos que eu posto aqui, ele é focado em explorar ambientes, conversar com outros personagens, coletar itens e eventualmente lidar com alguns perigos.

    Em seguida falarei das três Lendas Urbanas que aparecem no jogo, se vocês quiserem descobrir jogando, não leiam a seguir; se eu falar algo de cada lenda que eu considero spoiler, vai ter um aviso antes.

    Hitori Kakurenbo (One-man hide and seek)

    Na história dessa lenda, uma garota colegial precisa fazer um trabalho na escola sobre Lendas Urbanas. Ela escolheu a Hitori Kakurenbo. Essa lenda se trata de um ritual, que deve ser feito com um boneco de pelúcia que tenha braços e pernas, e seja pequeno. Quem fizer o ritual, deve tirar todo o ''algodão'' de dentro do boneco e encher com arroz, e algo que tenha seu DNA. Depois disso deve costurá-lo com uma linha vermelha, e mergulhá-lo em uma banheira (ou algo do tipo) com água.

    SPOILER

    Depois de dizer certas palavras ''mágicas'', a pelúcia vai começar a andar por aí te procurando (e te matar se te achar). Nesse momento começa um jogo de esconde-esconde. Ele estará com uma faca (que em certa parte do ritual você usa e deve deixar com ele), e ficará vivo até que você ''vença'' o jogo.

    FIM DO SPOILER


    KuneKune

    KuneKune se trata de um Yokai, ou seja, um fantasma, monstro, algo do gênero. Similar ao Slender Man. O KunKune é descrito como uma criatura humanóide, longa, magra e toda branca. Ele aparece de dia, e sempre em campos ou em raros casos, onde tem mar. Ele pode ser visto de longe, mas se aparecer em uma cidade, será visto todo preto ao invés de todo branco.

    SPOILER

    Se alguém tocá-lo, ou chegar muito perto, KuneKune matará essa pessoa, caso contrário, irá ignorá-la. Dizem que quem olha muito para ele, também pode ficar louco.

    FIM DO SPOILER

    Saru-Yume (Monkey Dream)

    Saru-Yume acontece dentro de um sonho. Uma pessoa irá sonhar que está em uma estação de trem, metrô, algo do gênero. Quando adentrá-lo, terão vários passageiros, todos sem reação. Logo, a pessoa começará a escutar anúncios no trem. Algo como ''Próxima parada, Ike-zukuri! Ike-zukuri é a próxima''. A pessoa irá perceber que isso não é um nome de estação, é um prato japonês, onde um cozinheiro experiente corta um peixe em pedaços, mas de um jeito que ele continuará vivo, e você o come desse jeito.

    SPOILER

    Depois disso, a vítima escuta um grito, e vê anões com máscaras de macaco, que cortam um passageiro em pedaços, como se fosse o prato. Isso se repete, até que chega a vez de quem está sonhando. A pessoa pode acordar com a força do pensamento, mas o sonho pode continuar a assombrá-la. Se a vítima for morta no sonho, morre na vida real, mas como ataque cardíaco.

    FIM DO SPOILER

    O jogo é realmente muito bom, muito bom mesmo. A história foi muito bem bolada, como os conflitos finais do mesmo. As músicas parecem ser originais, e o jogo é muito dinâmico. E eu amei os personagens do jogo, principalmente o Hitoshi. Quando eu fui baixar o jogo, eu só sabia que ele girava em torno de lendas urbanas japonesas, e isso já foi super atrativo para mim; o jogo realmente detalhou muito bem as lendas, bem como a a experiência de ''passar por elas''

    PARA BAIXAR E JOGAR

    Para fazer o download do jogo, você deve cumprir uns passos antes.

    Primeiro deve mudar o local do seu computador para Japão.

    Depois instale o RPG MAKER 2000 RTP

    https://tkool.jp/support/download/rpg2000/rtp

    E o jogo aqui:

    http://www.mediafire.com/file/9t4h746pd7e4dtu/Paranormal_Syndrome.lzh/file

    Você só conseguirá jogá-lo sempre que seu computador estiver em Japonês.

    Bem, é isso galera! Espero que tenham gostado; realmente recomendo o jogo pois me marcou muito.

    37
    • Micro picture
      marcelomalss · 3 months ago · 2 pontos

      Ô lôco. Game sinistro! Oo"

      1 reply
    • Micro picture
      mastershadow · 3 months ago · 2 pontos

      Parece o Corpse Party do PSP/3DS

      1 reply
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      Bem interessante. Marcando aqui pra baixar depois. Sempre fico fissurado em história que envolvem lendas urbanas de culturas diferentes

  • 2019-07-20 22:32:25 -0300 Thumb picture

    Bury, o Jogo ''Proibido''

    Boa Noite! Eu andei sumindo daqui, e esses dias estarei meio ausente mesmo, por isso, só para eu não sumir totalmente, trarei posts mais simples.

    O título de hoje, é devido ao fato de que o jogo Bury, feito no RPG Maker, teve várias restrições por parte do criador (Hachisuka) entre elas:

    -Redistribuir o jogo, seja postando links de download ou fazer uploads do mesmo.

    -Traduzir o jogo e espalhar a tradução, pois com isso, o jogo pode perder a essência.

    -Dar spoilers em reviews

    -Gameplays/Detonados

    Porém, mesmo com o autor proibindo, alguém ilegalmente traduziu o jogo e acabou soltando na internet; não sei se ainda existe algum download do jogo traduzido, já que o criador derrubou alguns links.

    Por isso, vim falar dele mais como uma curiosidade, pois foi o único jogo indie que eu vi onde isso ocorreu. Nada impede de baixarem o jogo original.

    O jogo gira em torno de uma criança chamada Coco, que perdeu seu diário, que é muito importante pra ela; e crê que ele está perdido em uma bela mansão que fica isolada em um lugar cheio de flores e árvores. A menina decide adentrar a mansão e acaba descobrindo que ela não está vazia como aparenta.

    O jogo ao mesmo tempo que lembra um conto de fadas infantil, também tem alguns elementos de jogos de horror e uma atmosfera sombria e até dramática; por isso também que ele me atraiu tanto, ele basicamente tem várias características que eu costumo procurar nos jogos.

    É uma pena que poucas pessoas acabam tendo acesso ao jogo, pois ele merecia MUITA visibilidade, mas o autor com certeza tomou essa decisão por razões cabíveis (cheguei até a pensar em trocadilhos com o nome do jogo quanto ao fato do próprio jogo ser muito ocultado).

    Ele também é extremamente bem desenhado, cheio de referências clássicas (como Agatha Christie, por exemplo) e tanto a história do jogo em geral, quanto o background dos personagens, também são super bem feitos. Como toda boa história, também tem suas surpresas. 

    Ele também tem vários elementos fantasiosos, como criaturinhas interessantes que você veria em filmes do Studio Ghibli.

    24
    • Micro picture
      emphighwind · 3 months ago · 2 pontos

      Acho meio estranho os motivos do criador, mas welp, achei linka da versão traduzida no uboachan, qualquer dia dou uma olhada.

      2 replies
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 1 ponto

      Caramba, esse parece ser meio assustador mesmo, pena que a complicação pra achar o jogo traduzido é tremenda "-"

  • 2019-07-19 23:11:03 -0300 Thumb picture
    claudia_mr checked-in to:
    Post by claudia_mr: <p>FINALMENTE COMPREI</p>
    Stardew Valley

    Platform: PC
    452 Players
    239 Check-ins

    FINALMENTE COMPREI

    16
    • Micro picture
      lukenakama · 3 months ago · 2 pontos

      Parabéns, jogo excelente.

      2 replies
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      Melhor investimento, esse jogo é incrível! <3

      2 replies
    • Micro picture
      rodrigockp · 3 months ago · 2 pontos

      Não vai se arrepender, mas lembre-se, vc tem uma vida que precisa ser vivida, esse jogo rouba ela, não deixei isso acontecer hahahhaha

      2 replies
  • 2019-07-16 20:50:48 -0300 Thumb picture

    Controle uma Criança Conscientemente Psicopata em Emily Enough

    Com esse título parece que estou falando de algo que possa ser extremamente mórbido, porém no Adventure Point and Click: Emily Enough Imprisoned, não é bem assim.

    Não que o jogo não tenha seu humor ácido, pois ele tem, mas esse jogo acaba sendo tão casual, que em certos momentos nem parece que a personagem fez o que fez.

    Emily é uma garota que, se não me engano, está completando 11 anos (por ai); vem de uma família rica e é considerada uma criança genial.

    E logo no inicio, nos deparamos com uma intro onde toca uma música com um estilo que Tarantino provavelmente usaria em seus filmes, e Emily nos é apresentada comemorando seu aniversário, sentada na ponta de uma enorme mesa olhando para a frente, e do outro lado da mesa, distantes dela estão seus pais e dois empregados observando a menina e prontos para escutar suas exigências.

    Depois de um diálogo entre a criança e seus pais, percebemos primeiramente que Emily claramente não tem vocabulário e trejeitos comumente infantis, e que ela age com prepotência perante os adultos.

    Acontece algo que não contarei em detalhes (pois a mágica está em assistir a Intro), mas isso resulta em Emily sendo mandada para um Hospital Psiquiátrico.

    A menina logo que chega no lugar, reclama do hospital cheirar mal, ter uma aparência ruim e não ter nenhum maleiro para carregar sua mala até seu quarto; e abismada com tudo isso, a menina diz que precisa fugir, e é onde a trama começa.

    Um dos lances que eu acho interessante nesse jogo, são justamente os personagens. Em alguns momentos, vendo um diálogo entre Emily e algum paciente ou funcionário do Hospício, chega curiosamente a passar pela sua cabeça, vendo apenas aquela conversa, que Emily é mais ''sã' que a maioria deles, e isso é apenas mais uma das artimanhas que Emily consegue fazer com a gente.

    Emily é tão ''consciente'' de seus atos, e os ''aceita'' tão bem, dizendo ''eu sou assim e pronto'', que você se pega  olhando para ela ansioso em ver sua jornada e o que mais ela tem a dizer e fazer; a gente em certo momento não olha mais para a menina pensando no que ela fez, mas como uma criança realmente genial, interessante e até graciosa. Claro, rolam muitas outras cenas no jogo que fazem com que a opinião de quem joga vá flutuando, mas isso varia de cada jogador.

    O jogo com certeza tem desafios interessantes e personagens mais interessantes ainda, onde todos são carismáticos e peculiares. O cenário deprimente (ou apenas solitário) do jogo com certeza traz uma ambientação condizente com o que rola no Hospital onde Emily foi parar.

    O jogo foi feito por Logan Worsley, e é completamente indispensável para quem gosta de jogos indie, ou simplesmente de quem gosta de um jogo completamente ótimo em todos os requisitos.

    Pode ser baixado aqui: https://www.adventuregamestudio.co.uk/site/games/game/602/

    29
    • Micro picture
      jcelove · 3 months ago · 2 pontos

      visual é até alegrezinho pra uma temática perturbadora. Vou ver se consigo conferir depois. a lista só cresce XD

      1 reply
    • Micro picture
      gus_sander · 3 months ago · 2 pontos

      Mais um pra dar uma olhada colocado aqui na lista lol

      2 replies
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...