chronoxplay

Aqui você vai encontrar gameplays, detonados e dicas de jogos organizados por franquias de jogos.

You aren't following chronoxplay.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • jcelove José Carlos
    2019-07-21 22:36:00 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    10 Super Bosses difíceis de esquecer

    Medium 3734499 featured image

    Em Jrpgs,tornou-se comum encontrar, geralmente no fim do jogo ou no post game, bosses opcionais muito mais difíceis de derrotar que o final boss,  sendo alguns deles um verdadeiro teste de domínio das mecânicas de batalha, já que a velha manha de upar até nível 99 quase sempre não basta contra os melhores deles. E é desses casos que quero lembrar hoje.

    Como tem uma galera jogando/rejogando FF VII ultimamente por aqui, me recordei de um, ou melhor dois grandes exemplos de superbosses que pra muitos foram os primeiros a causar susto e trauma por um bom tempo.

    Levante a mão quem não penou pra criar chocobos  visando conseguir a desejada summon Knights of the round, só pra perceber que nem ela sozinha consegue derrotar os Emerald e Ruby Weapon!...

    Com essa "agradável"recordação,  resolvi listar mais alguns superbosses que exigem mais que level 99 pra se vencer, OU são uma esponja de hp tão gigantesca que se você não causar uma dano monstruoso vai perder pelo cansaço.

    Séries como FF e SMT e Kingdom Hearts sempre trazem desafios assim e vou citar alguns dos meus favoritos (se é que posso chamar assim) e outros que nem cheguei a encostar mas que são lendários e obrigatórios em qualquer listinha do tipo. Não se trata de um top, nem de uma seleção definitiva, só algumas lembranças traumáticas mesmo.

    Emerald e Ruby Weapon (FF VII)

    Com certeza os superbosses mais icônicos dos JRPGs, ao menos aqui no ocidente, já que muita gente começou no gênero com o clássico do PS1 e se traumatizou quando encostou o submarino sem querer no Emerald Weapon, sendo OBLITERADO em segundos ou ficou curioso com a misteriosa garra vermelha no deserto perto da Gold Saucer e se viu numa batalha impossível sem aviso.

    Emerald é o mais temido dos dois pq tem mais hp e bate FORTE e sem pena, um segundo pra respirar e provavelmente sua party já morreu. Ruby é UM POUCO mais tranquilo, mas o jogador precisa saber o esquema de preparação antes da luta pra não ver seus companheiros jogados pra fora da batalha. Pra ambos, além de level 99 é preciso uma estratégia bem amarradinha com materias em master e muitos combos de ataques pra ter uma chance. Ainda assim é bem fácil perder num momento de vacilo. Ambos tem muito mais hp que qualquer inimigo do jogo e fazem o Sephiroth em sua ultima forma parecer um bebê.

    Elizabeth/Theo e Margaret (Persona 3 Portable, também em Persona 3/FES e Persona 4)

    Ah, as duas ajudantes (ou seu irmão Theo, caso jogue com a protagonista feminina) do Igor em P3 e 4 são amáveis...até vc ter que encara-las em batalha e ver o satanás da apelação de dano 9999 em forma de secretária de vestido azul.

    Citei especificamente a versão portátil do P3, porque ele tem batalhas contra as duas e  são bem mais dificeis que em suas aparições em P3 e P4, já que no P3P você precisa farmar itens especificos pra invocar as fusion spells, ao contrário de só gastar MP como era no P3 original.

    A Margaret estreou como superboss no P4, mas apesar de difícil e de exigir vitória em um limite de turnos especifico e uma estratégia eficiente, com muito grind e a persona certa da pra vence-la mais tranquilamente.

    Já na sua aparição bônus em P3P ela vem com um esquema que exige que o jogador cause 5000hp de dano a cada 10 turnos usando ataques específicos, caso contrário ela mata instantaneamente. Tendo o level e personas certas, sabendo a ordem de ataque não é tão difícil, mas ainda é bem mais trabalhoso que no P4.Um deslize e magia sem defesa de dano 9999 na cara, quantas vezes for preciso pra te matar.

    Já a Liz é uma das superbosses mais difíceis que á enfrentei até hoje. A única que me exigiu usar uma CALCULADORA pra contar o dano causado a cada turno porque só se tem uma unica chance de mata-la quando conseguir causar 9999 de dano, caso contrário ela recupera todo o HP e volta-se a estaca zero num loop infinito até você não ter mais item nenhum. Foram meses de sofrimento até conseguir derrota-la

    Hitoshura (Digital Devil Saga)

    O protagonista de SMT 3 Nocturne é talvez vais lendário e difícil superboss da série (tem a Liz e do Philemon, o Stephen no mais recente jogo da franquia, SMT IV apocalypse no páreo também, dificil escolher...). Em sua aparição no primeiro Digital Devil Saga ele vem acompanhado por seu exército de demonios numa batalha opcional que da arrepios em quem jogou até hoje de tão apelão que é. Não tive o "prazer" de jogar DDS 1 mas a dificuldade dessa batalha é lendária e poucos são os que podem se orgulhar de ter vencido o MC mais querido da série sem ser trucidado numa sequencia de press turns infinita até o hp da party zerar.

    Philemon (Persona 2 Eternal Punishment)

    A quem diga que a dificuldade de Philemon, que resolve testar a turma da Maya se o jogador for corajoso (ou maluco) o suficiente pra desafia-lo no final de P2 EP, é ainda maior que a do Hitoshura no DDS.

    Não se chega a um consenso porque a turma que jogou SMT 3 e DDS é bem maior que a de Persona 2, mas o bicho é difícil de encarar. Confesso que nem tentei quando joguei EP....

    Sephiroth (KH 1 e 2) 

    Suegindo como uma batalha secreta na arena do mundo do Hercules, Sephiroth foi uma bela surpresa quando jogamos o primeiro KH. Bela não foi a forma como ele nos tratou já que Seph aparece em toda sua imponência e poder com sua masamune e ataques impossíveis de se defender até você ter level 99, e muito item de cura e magia, além de muitas tentativas até decorar os inúmeros padrões das várias fases que ele assume na luta.

    No KH 2 a batalha contra ele já era esperada e fica ainda melhor já que rola um evento com os personagens de FF VII (e o Squall do FF VIII) antes e depois da luta. No 2 ele é um pouco mais fácil mas ainda exige muita preparação e reflexo a seus ataques rápidos pra se ter uma chance.

    Sim, você pode dizer que ainda assim Seph não é nem de longe o pior superboss da série, que sempre traz bosses insanos em suas versões finais, mas com certeza é o mais icônico.

    Ethereal queen (Valkyrie Profile e Star Ocean)

    Quem teve o prazer de jogar os games mais famosos da saudosa Tri-Ace até o final deve ter tido o "prazer" de encarar a rainha. Boss recorrente nos jogos da empresa, aparecendo em quase todos os Star Ocean, nos Valkyrie Profile 1 e 2 e no obscuro mas muito bom, Radiata Stories do PS2 (só pra citar os mais importantes). Também conhecida como Iseria queen , ela tem ataques fortíssimos e hp infinito sendo que geralmente chegar até onde se batalha com ela já é um desafio sinistro (que tem saudades da Seraphic Gate?)

    Yiazmat (Final Fantasy XII)

    Yiazmat é o ultimo monstro da quest de caçadas do jogo e a fecha com grande estilo tendo absurdos 50 MILHÕES de HP, o que torna um verdadeiro teste de paciência. A não ser que você tenha uma estrátegia muito eficiente, pode levar várias horas sem sequer chegar perto de mata-lo. É tanto hp que o jogo permite que você fuja da batalha e volte depois até conseguir matar o infeliz.

    Ele ao contrário da maioria dos bosses dessa lista não assusta tanto (apesar do tamanho), se conseguir chegar nele provavelmente tem condições de vencer. O chato é a demora e o potencialmente traumático risco de sua gambit falhar por algum motivo e seu healer cura-lo com um RENEW no final da luta XD

    Parei após 30min quando joguei no ps2 e nunca mais voltei. O save ta no MC esperando pra retornar algum dia.

    Erde Kaiser (Xenosaga 2 e 3)

    Erde Kaiser é uma summon galhofa estilo robô gigante de super sentai que pode ser obtida fazendo uma longa quest no decorrer do primeiro episódio de Xenosaga. O trabalho compensa pois além da palhaçada na invocação o ataque dele retira 9999 de hp de qualquer inimigo do jogo podendo matar o final boss com apenas um turno.

    Nos episodes 2 e 3, Erde Kaiser passou a ser também um superboss opcional. NO 2 a turma da Xion pode encarar o desafio da Dark Erde Kaiser se vizer todas as 40 sidequests do jogo, no 3 é possível encontrar a versão final da Erde Kaiser mais ou menos no fim do game, sendo uma batalha insanamente difícil ja que vc enfrenta um robô gigante sem poder usar os seus robôs gigantes. Nunca derrotei nenhuma das duas versões U_U

    Asura (Vagrant Story)

    Vagrant Story é um dos jogos com curva de aprendizado mais desnecessariamente longas EVAR. Jogo a mais de 10 anos e nunca dominei seu complexo sistema de afinidades e upgrade de armas e equips. Essa dificuldade é expressa pelas dezenas de bosses que você encontra no jogo e que podem ser resistentes a todas as armas que vc possui se não tiver preparado elas. Ashley, o bravo protagonista de nádegas a mostra pode estar OP em uma dungeon, matando todos os inimigos tranquilamente e de repente dar de cara, sem aviso, com um boss onde nenhuma arma causa mais que 3hp de dano de uma hora pra outra.

    Asura é o píncaro dessa cadeia de perversidade do jogo. Aparecendo na dungeon extra hardcore carinhosamente chamada de Iron Maiden b2,  e acessível apenas no NG+, a monstra de 4 braços  vem coroar uma sequência de 8 bosses difíceis por sí só nesta agradável área. Dificilmente você vai conseguir causar mais que 10hp de dano por ataque nela na primeira vez que encontra-la. Some isso a magia de regeneração que ela invoca constantemente recuperando bem mais que os 10hp que seus ataques tiram MAIS  buffs de ataque e defesa também constantes além de mais que o dobro do HP do ultimo boss e temos uma longa e frustrante peleja pela frente.

    Eve (Parasite Eve)

    Parasite Eve não é u jogo  muito difícil. O cinematic RPG da Squaresoft pode ser terminado tranquilamente em 15h, sem traumas. O problema vem se você ficar tentado a explorar a dungeon extra do NG+ que é nada menos que o famoso Crysler Building, outrora maior prédio do mundo, e ver que tem que subir 77 andares "vazios", mas lotados de inimigos e bosses difíceis a cada 10 andares. Se conseguir suportar a dificuldade e chatice da subida encontra a verdadeira final boss do jogo e algumas revelações sobre o passado da protagonista Aya Brea, SE conseguir derrotar a apelação em forma de mutante verde voadora que é a menina.

    Se você curte JRPG certamente tem sua listinha de bosses traumáticos também. Aproveite pra citar, preferencialmente bosses opcionais, já que tem muito boss surpreendentemente sinistro no meio dos jogos (tipo o Miguel em Chrono Cross) mas esses não tem jeito e geralmente se arruma maneira de passar. Conta ai pra nois^^

    Final Fantasy VII

    Platform: Playstation
    9832 Players
    255 Check-ins

    84
    • Micro picture
      salvianosilva · about 2 months ago · 3 pontos

      Platinei o FF XII no ps4 e a luta contra o Yiazmat foi pura adrenalina haha

      1 reply
    • Micro picture
      thecriticgames · about 2 months ago · 2 pontos

      J posso dizer com oruglho que encarei algumas dessas batalhas e vivi pra contar história como a EVE e o Sephiroth nos dois KHs, ja encarei tambem a Elizabeth no P3 mas jamais consegui derrota-la, ainda farei isso um dia.

      3 replies
    • Micro picture
      manoelnsn · about 2 months ago · 2 pontos

      Eu ignorei a maioria dos super bosses, hauhauha

      Eu só enfrentei a Iseria Queen, queria usar o Lezard, Brahms e Freya na equipe XD

      5 replies
  • diegogonz Diego Gonz
    2019-07-22 02:10:25 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Jogar videogame pode ser benéfico para a saúde

    Medium 3735052 featured image

    Desinformação injusta produz “demonização” de jogos eletrônicos, mas a atividade pode ser extremamente positiva para o desenvolvimento cerebral

    Desde o surgimento dos primeiros consoles de videogame, há mais de trinta anos, existe um amplo debate social sobre a influência dessa forma de entretenimento no comportamento dos jogadores, especialmente dos mais jovens e, teoricamente, mais influenciáveis. Vários estudos surgiram nas últimas décadas para mostrar os benefícios e desvantagens dos videogames que podem ser exercidos na vida dos usuários. Mas, afinal, eles causam ou não um efeito negativo sobre quem está jogando?

    Mesmo com estudos bem fundamentados, o debate ainda permanece e gera controvérsia. No início de 2019, após um jovem invadir a escola em que estudou, em Suzano (SP), e disparar tiros e golpes de machado em estudantes e funcionários, a polêmica voltou à tona. À época do crime, o autor do livro “Videogame e Violência”, Salah Khaled Junior afirmou, durante uma audiência pública da Comissão de Seguridade Social e Família, que a única ajuda que um game pode dar para uma ação como o assassinato seguido de suicídio que ocorreu em Suzano é em relação à sua apresentação estética.

    Existe outro dado que coloca em xeque a afirmação de que jogos de videogame influenciam os mais jovens a cometerem crimes – os jogos mais violentos são jogados, em sua maioria, por pessoas com mais de 32 anos de idade. Essas informações contrapõem o que disse o vice-presidente da República, o General Hamilton Mourão, também à época do crime. “Hoje a gente vê essa garotada viciada em videogames e videogames violentos. Só isso que fazem. Quando eu era criança e adolescente, jogava bola, soltava pipa, jogava bola de gude, hoje não vemos mais essas coisas. É isso que temos que estar preocupados”, disse ele à imprensa.

    Um estudo feito durante dez anos, que acompanhou o comportamento de jovens em diferentes situações, contraria a crença de Mourão. Publicado na British Medical Journal, a pesquisa faz parte do "UK Millennium Cohort", um relatório do Reino Unido que observou como as crianças podem ser afetadas psicologicamente pelos produtos do mercado do entretenimento – mais precisamente aqueles em que o usuário fica de frente para uma tela, incluindo TVs, smartphones e os próprios videogames. Mais de 11.000 crianças a partir dos cinco anos de idade foram submetidas a vários testes de exposição diária a diferentes formas de conteúdos, tanto na televisão quanto nos consoles.

    Após uma década, os pesquisadores constataram que assistir mais de três horas à TV por dia pode aumentar as chances de desenvolver problemas comportamentais em jovens com idades entre cinco e sete anos. Por outro lado, de acordo com o estudo, os videogames não exercem nenhum efeito negativo nas características pessoais das crianças, como comportamento e atenção, nem ajuda a desenvolver doenças emocionais. A mesma conclusão vale para meninos e meninas. Diante disso, vale a pena se perguntar – se os videogames não fazem mal, é possível que façam bem? Veja a seguir algumas situações em que os jogos eletrônicos são benéficos.

    Videogames são benéficos para desenvolver os níveis de atenção

    Em um tempo em que as pessoas estão cada vez mais dispersas graças às redes sociais, o videogame pode ser um bom antídoto para manter o foco e a atenção em níveis satisfatórios. Uma pesquisa, realizada no Centro Médico Beth Israel, de Nova York, descobriu que até cirurgiões podem se beneficiar de uma boa partida de videogame. A habilidade para realizar as cirurgias do tipo laparotomia foi maior nos profissionais que jogavam por cerca de três horas por dia.

    Jogos eletrônicos promovem o convívio, especialmente em centros urbanos

    O tempo em que os pais deixavam seus filhos por horas a fio brincando na rua e interagindo com crianças e adolescentes das redondezas infelizmente terminou. Com a crescente sensação de insegurança nas grandes cidades, juntar uma turma de amigos ficou mais difícil, mas o videogame pode ajudar até nisso. Mesmo com a cultura de jogo online, estar em contato com outras pessoas é vital para o desenvolvimento social dos jovens.

    Os games certos podem ajudar no raciocínio lógico

    Jogos de estratégia, em que é preciso encontrar a solução certeira, estimulam o raciocínio. Para ultrapassar os obstáculos do videogame, é preciso tomar as atitudes certas, o que favorece o pensar lógico. A vontade de vencer impede que a criança simplesmente desista frente à dificuldade. Junto ao desenvolvimento do raciocínio lógico, vem uma boa lição de perseverança, que será útil na vida adulta. Além disso, a melhora é progressiva, já que cada fase é um pouco mais difícil que a anterior.

    O videogame pode promover mais interações familiares

    Os males atribuídos aos jogos eletrônicos podem ser facilmente atribuídos ao isolamento, e não aos jogos em si. Na verdade, apesar dos altos preços dos games no Brasil, jogar videogame pode ser útil para unir a família, não apenas por ter possibilidade de jogos em grupo, mas porque permitem que os pais se envolvam no universo da criança. Pais e filhos ganham juntos, perdem juntos e se divertem juntos. Isso aumenta a cumplicidade e a parceria.

    47
    • Micro picture
      santz · about 2 months ago · 4 pontos

      Se for botar na balança, videogame traz mais benefícios que malefícios. Só consumir com moderação que está tudo certo.

    • Micro picture
      kess · about 2 months ago · 2 pontos

      Agora, coloca na cabeça dos não-gamers que traz benefícios? Uma briga pra conseguir botar algum senso na cabeça dessas criaturas!

    • Micro picture
      artigos · about 2 months ago · 1 ponto

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • chronoxplay Santiago
    2019-09-10 10:08:03 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Oi pessoal,</p><p>Para quem gosta de jogar Summo

    Oi pessoal,

    Para quem gosta de jogar Summoners War, fiz um vídeo mostrando como faço as masmorras de Cairos após a atualização com o nerf da Shaina. Meu time não é focado para fazer o mais rápido possível, mas deixa a run safe.

    Em Necropolis, eu ainda continuo usando ela, porque na parte do chefe já não funcionava as skills de redução e aumento de barra mesmo.

    Também comento que a Abigail teve maior destaque para fazer as masmorras, já que ela tem duas skills com redução de barra e tem uma líder skill muita boa.

    Abraços!

    3
  • chronoxplay Santiago
    2019-09-02 22:23:26 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Oi pessoal,</p><p>Lá no canal saiu o último víde

    Oi pessoal,

    Lá no canal saiu o último vídeo da gameplay de Megaman X3.

    Nessa gameplay eu optei por matar o Bit e Byte de vez para enfrentar outros chefes nas fases finais. Ah, também matei o Vile.

    Além disso, eu peguei a Golden Armor e a espada do zero, que por sinal é bem apelona. Basta duas espadas para derrotar qualquer chefe. Até mesmo o Sigma, rsrs.

    No início apanhei bastante, mas depois o jogo foi tranquilo. Não recomendo começar por esse jogo se você nunca jogou Megaman X.

    Abraços!

    Mega Man X3

    Platform: SNES
    4499 Players
    91 Check-ins

    8
  • chronoxplay Santiago
    2019-08-22 22:40:14 -0300 Thumb picture

    Pesquisa de Conteúdo de Jogos para o Canal

    Oi pessoal, 

    Eu sou o Santiago e estou fazendo uma pesquisa para poder trazer novos conteúdos de jogos no canal do YouTube e outras plataformas.

    Eu comecei com o canal para me motivar a jogar os jogos que estavam pendentes na minha lista há muito tempo,  postando conteúdo de gameplays. A criação do canal também  serviu como uma válvula de escape para sair um pouco da rotina de trabalho e aprender coisas novas nesse mundo de edição de vídeos e produção de conteúdo.

    Como o canal do YouTube é pequeno, não tenho acesso aos recursos de pesquisa na própria plataforma para poder ter um feedback e saber a opinião do público de jogadores.

    Venho aqui pedir a colaboração de vocês para participar da pesquisa respondendo as questões no link: 

    https://forms.gle/G9GLzrAtohZnLAWC7

    Você acha que a pesquisa poderia ter mais alguma informação relevante?


    Obrigado!

    26
    • Micro picture
      arthurdias25 · 26 days ago · 2 pontos

      Já respondi e me inscrevi no canal, curti bastante o conteudo
      Vou acompanhar com certeza :D

      1 reply
    • Micro picture
      filipessoa · 26 days ago · 2 pontos

      Respondido e republicado, sucesso aí rapaz ;-) Eu aproveitei pra me inscrever com a conta do meu canal (eu só tinha feito com a pessoal) ^-^

      1 reply
    • Micro picture
      lendaryo · 26 days ago · 2 pontos

      Ta lá Patrão, espero q se divirta produzindo conteúdo kkkk

      1 reply
  • chronoxplay Santiago
    2019-08-20 18:44:43 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Oi pessoal,</p><p>A Capcom anunciou a versão bet

    Oi pessoal,

    A Capcom anunciou a versão beta do Megaman X Dive que será disponibilizado para 30 mil jogadores testarem o jogo. Para concorrer a seleção é preciso se cadastrar seu email do gmail que você usa no Android no site da Capcom de Taiwan até dia 22 de Agosto. 

    O resultado dos jogadores elegíveis sai dia 23 de Agosto.

    Abraços!

    6
    • Micro picture
      gennosuke6 · 28 days ago · 2 pontos

      Cadastrado! Eu não sou fã de jogos mobile, mas é Megaman, né! kkkkkk. Tenho que pelo menos testá-lo.

    • Micro picture
      chronoxplay · 28 days ago · 2 pontos

      Isso ae! Vai ter até conteúdo de PvP. Tomara que a Capcom acerte com esse jogo.

  • chronoxplay Santiago
    2019-08-18 04:26:26 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Continuando as gameplays da série de Megaman X,

    Continuando as gameplays da série de Megaman X, eu comecei a postar os vídeos de Megaman X3. Resolvi colocar um vídeo por chefe, porque estou bem enferrujado com o jogo. E na minha opinião esse Megaman X3 é bem difícil. Não recomendo que comecem com esse jogo se você não está acostumado com os jogos de Megaman X.

    Acho que para conhecer a série é legal começar pelo Megaman X4. 

    Logo sairá as gameplays de Megaman X4 quando acabar os de Megaman X3.

    Sairá um vídeo por dia de segunda à sexta de cada fase da gameplay.

    Eu escolhi em matar de vez os chefes secundários (Bit e Byte) para enfrentar novos chefes nas fases finais. Se tiverem alguma dica comenta ae. 

    Abraços!

    Mega Man X3

    Platform: SNES
    4499 Players
    91 Check-ins

    14
    • Micro picture
      gennosuke6 · about 1 month ago · 2 pontos

      Acho que pra conhecer a série X, o melhor seria o Megaman X. Tá bom, sou suspeito pra falar isso, pq é o meu favorito dos X's, seguido pelo X4. kkkkkk.

  • chronoxplay Santiago
    2019-08-16 21:45:43 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Comprei um Nintendo Switch num viagem que fiz pa

    Medium 654347 3309110367

    Comprei um Nintendo Switch num viagem que fiz para o Japão.

    Não conheço muitos jogos pro console. Quais vocês me recomendam?

    Em geral gosto de quase todos dos tipos de jogo!

    Abraços!!

    5
    • Micro picture
      lukenakama · about 1 month ago · 2 pontos

      Boa.
      Os que eu tenho e gosto são:
      Zelda Botw, Mario Odyssey, Hollow Knight, Stardew Valley, Mega Man X Legacy Collection.

      2 replies
  • chronoxplay Santiago
    2019-07-31 11:19:22 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>Com a atualização do segundo despertar, acho que

    Com a atualização do segundo despertar, acho que fui um dos poucos a começar despertando a Neal.

    Ela tem um grande potencial na Siege War de 4* para atacar com algum mob atacante lento.

    Vou trazer vídeos mostrando como uso ela nas Siege War.

    Summoners War

    Platform: Android
    76 Players
    24 Check-ins

    5
  • chronoxplay Santiago
    2019-07-31 02:34:51 -0300 Thumb picture
    Post by chronoxplay: <p>A Capcom anunciou novo jogo de Megaman X que ser

    A Capcom anunciou novo jogo de Megaman X que será lançado no oriente para plataformas mobile - Rockman X Dive (Megaman X Dive). O novo jogo vai ser disponibilizado gratuitamente para Android e iOS. A história do jogo vai envolver eventos nas fases dos jogos das franquias da série X, onde os chefes vão estar misturados.

    Eu acho que esse jogo é um teste da Capcom, para possivelmente trazer a continuação da série X com o Megaman X9. Talvez esse jogo seja lançado ainda nesse ano de 2019. O que vocês acham?

    5
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...