caramatur

I do not kill with my gun (...) I kill with my heart.

You aren't following caramatur.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • 2019-07-17 09:04:16 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Super Famicom: O 16-bits da Nintendo

    Medium 3734134 featured image

    Apesar do lançamento do PC Engine, Mega Drive e suas versões americanas, tanto o NES quanto o Famicom ainda eram as plataformas favoritas. Com uma vasta e rica biblioteca de qualidade, a Nintendo não se via pressionada a lançar a sua plataforma de 16-bits. O protótipo NES 2 trazia um design todo esquisitão, mas em 21 novembro de 1990, no Japão, a Nintendo lança o Super Famicom, seu console de próxima geração que chegou desbancando suas concorrentes, mesmo com uma biblioteca mínima inicialmente. O lançamento foi tão intenso que o governo do Japão teve de intervir e pedir para que empresas não lançassem mais novos consoles em dias de semana, como foi o caso.

     Com uma carcaça branca e cinza, o console trazia botões de força, reset e um para ejetar o cartucho, que era inserida na parte de cima. Vinha com um novo padrão de entrada para controles. Por dentro, vinha equipado com a CPU Ricoh 5A22 de 16-bits com 3,58 MHz, 128 KB de RAM e um chip dedicado de som da Sony, o S-SMP. O conjunto de GPU trazia 8 modos para trabalhar com planos de fundo e principal, permitindo parallax e uma ampla opções de cores dependendo do modo escolhido. O modo mais famoso, o Mode 7, permite escalonar e rotacionar uma camada usando transformações matriciais. O aparelho chegou ao mercado japonês custando ¥ 25.000, um pouco mais caro que o Mega Drive.

     O controle padrão do videogame segue o mesmo estilo do NES, com direcional à esquerda, start e select no centro e botões de ação a direita, que agora somam 4 (A,B,X e Y) e dispostos em forma de losango, cada um com uma cor. Há também mais 2 botões de ação situados na parte de cima do controle, os chamados L e R, posicionados de forma ergonômica. Tomando como exemplo o chip MMC em cartuchos de NES para dar mais possibilidade aos jogos, a arquitetura do console foi desenhada para dar suporte nativo a possíveis chips que poderiam vir no futuro e competir com as novas gerações. Os cartuchos seguiam um estilo arredondado com uma belíssima arte desenhada na parte frontal.

     A Nintendo foi ousada e trouxe apenas 2 jogos no lançamento do aparelho. F-Zero, um jogo de corrida futurista que mostrava as possibilidades do Mode 7 e Super Mario World, novo jogo da franquia de maior sucesso. Até o final do ano de 1990, mais 6 jogos foram lançados, 3 originais (Bombazul, Pilotwings e ActRaiser) e 3 portes (Final Fight, Gradius III e Populous). Mesmo com um catálogo muito menor que as concorrentes, o novo jogo do Mario superou todas as expectativas dos fãs. Com este videogame, temos o início da primeira grande guerra dos videogames, no Japão, contra o PC Engine e nos EUA, futuramente, contra o Genesis.

    @andre_andricopoulos, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @noyluiz, @marlonildo, @joanan_van_dort, @volstag, @manoelnsn, @shuichi, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @fredson, @kb, @sergiotecnico, @srdeath, @melkorbelegurth, @avmnetto, @spider, @denis_lisboadosreis, @rogerlopezx [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    44
    • Micro picture
      manoelnsn · about 18 hours ago · 5 pontos

      Acho lindão o super famicom, até mais do que o snes americano

      2 replies
    • Micro picture
      artigos · about 17 hours ago · 2 pontos

      Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    • Micro picture
      spider · about 16 hours ago · 2 pontos

      Texto bonito! Quando fala da estreia do SNES, até hoje lembro daquele histórico Globo Repórter que apresentava o SuperNintendo, e as novas tecnologias, como o mode 7. Era de encher os olhos!

  • 2019-07-17 10:51:54 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    [Ajuda] Memoria Ram

    Medium 648464 3309110367

    Essa belezinha veio com 8GB de ram (Ta rodando RE2 Remake consumindo no maximo 6GB durante a execução, na media de 50/60 FPS, substitui o HD por um SSD de 480GB). Compensa colocar outra memoria ram de 8GB, totalizando 16GB? (Se alguem tiver alguma dica de otimização e bem vinda tambem)

    Resident Evil 2 Remake

    Platform: PC
    137 Players
    72 Check-ins

    20
    • Micro picture
      gus_sander · about 16 hours ago · 3 pontos

      Se ele tiver suporte a 16GB de ram e caso você tenha pretensão de jogar alguns jogos que necessitem de 8GB+, sim

      4 replies
    • Micro picture
      ederpezawm · about 10 hours ago · 2 pontos

      Você substituiu o HD ou adicionou um SSD M2?

      3 replies
    • Micro picture
      ederpezawm · about 10 hours ago · 2 pontos

      Compensa colocar mais um pente de 8GB. É o melhor que da para fazer para aumentar o desempenho desse note. A diferença vai ser pouca para a maioria dos jogos.

  • 2019-07-17 12:57:55 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • gan0nd0rf Luis Gomes
    2019-07-17 13:15:38 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    Post by gan0nd0rf: <p>A versão de pc na Windows store tá mais barata q

    A versão de pc na Windows store tá mais barata que a de one, mas é play anywhere. 

    Comprei, depois foi só procurar no one pra instalar. 

    https://www.microsoft.com/pt-br/p/resident-evil-7-...

    Resident Evil 7 biohazard

    Platform: Xbox One
    135 Players
    58 Check-ins

    32
    • Micro picture
      lukenakama · about 14 hours ago · 3 pontos

      Play anywhere é algo muito bom pra consumidor e devia ser levado mais a sério pelas outras empresas.

    • Micro picture
      typhonite · about 14 hours ago · 2 pontos

      HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    • Micro picture
      ryou · about 14 hours ago · 2 pontos

      O ponto aqui é essa sua conexão com download a 63 Mbps. Deve rodar um Stadia bonito!

      3 replies
  • mastershadow mastershadow
    2019-07-17 17:23:33 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    ​Diálogos alternativos do Shadow

    Faz tempo que não posto quase nada de interessante do Final Fantasy VI,meu game favorito, então ai vai uma coisa bem curiosa, para os amantes dessa obra prima e , principalmente, aos fãs do ninja Shadow.

    Isso é uma coisa que eu descobri sozinho, la pelo ano de 2002, jogando a versão do PS1, devido a curiosidade em saber o que aconteceria se ignorasse o Shadow em certos pontos.

    Isso é algo que eu NUNCA  vi em nenhum lugar da internet,  se alguém  já viu isso, por favor me manda até  um link só por curiosidade!

    O fato que descobri, é que  dependendo onde você decide conhecer o Shadow, seus diálogos sofrem alterações,em alguns pontos são coisas minímas, mas muito interessantes.

    Primeiro exemplo: Se você não entrar no PUB em South Fígaro no inicio do game e não conversar com Shadow ali no balcão,você só o verá mais tarde na casa do pai de Gau,portanto você o conhecerá ali,aparecendo aquela descrição do personagem e tudo mais.

    Neste ponto o seu diálogo muda um pouco, mais precisamente aquele trecho onde ele explica para Sabin e Cyan,as atividades dos soldados do Empire tentando invadir Doma.

    Segundo exemplo: Você também pode não entrar no PUB, e não entrar na casa do pai de Gau quando estiver com Sabin e Cyan. Ai você só conhecerá Shadow em Kohligen,onde ele estará no PUB. 

    Neste ponto, ao invés da frase que ele usaria ''So meet again'' Shadow se apresenta com uma frase totalmente nova no jogo, ele diz o seguinte: ''I have forsaken the world...some people call me of Shadow.''

    Após se apresentar, o diálogo segue o mesmo, onde ele pede dinheiro pra alimentar interceptor,em troca de seus serviços.

    Terceiro Exemplo: Se deixar pra conhecer o ninja na quarta vez em que encontrá-lo, onde é obrigatório o encontro,já que General Leo apresenta ele ao grupo que vai a Crescent Island, Shadow vai se apresentar com a mesma frase ''I have forsaken the world...some people call me of Shadow.'' 

    Parece  que no Script original do FFVI,tem um diálogo não usado também, "Never before met" onde Shadow diria que nunca tinha encontrado o grupo antes, a linha de texto  ainda pode ser encontrada na ROM de Snes, mas acabou sendo descartada na versão final.

    Só acho estranho a própria FF Wikia nao falar das alterações nos diálogos do Shadow.

    E de brinde ,um Wallpaper  de qualidade duvidosa que montei no jurássico período de 2002,usando uma ferramenta de extração de Cgs de games de PS1.


    Download tamanho original:

    Final Fantasy VI

    Platform: Playstation
    743 Players
    18 Check-ins

    29
    • Micro picture
      rax · about 10 hours ago · 1 ponto

      interessante.Não sabia dessa.

    • Micro picture
      ryou · about 10 hours ago · 1 ponto

      Boa! Também não sabia desses detalhes. Em relação a ele só sabia mesmo aquele de esperar até o último instante pra pular.

    • Micro picture
      manoelnsn · about 10 hours ago · 1 ponto

      Sempre pego o Shadow logo no começo, mato ele e só revivo no phantom train, ahuahua

  • galathar Victor Hugo Vasconcelos
    2019-07-17 19:36:46 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Problemas com os analógicos dos joy-cons? Dá uma olhada nesse vídeo

    Se você tá com problemas nos analógicos dos joy-cons do Nintendo Switch, que ficam se movendo sozinhos (e irritando bastante), não gaste seu rico dinheirinho trocando os joy-cons: tudo  pode ser resolvido facilmente.

    O problema é causado pela entrada de poeira no mecanismo dos analógicos (durante o uso cotidiano mesmo), o que pode fazer com que os analógicos fiquem dando falsos inputs e gerando movimentos nos jogos (por exemplo, o Mario ficar andando pra esquerda sozinho no Super Mario Odyssey, sem você sequer tocar no analógico).

    No vídeo, o cara mostra como limpar o seu joy-con e resolver o problema: basta aplicar um pouco de spray limpa contatos no mecanismo do analógico. É rápido, prático e resolve o problema na hora. Sem falar que o spray limpa contatos é bem baratinho e poderá ser usado diversas vezes para limpar os controles.

    Já tava com esse problema há algumas semanas, fiz hoje a limpeza, e os controles estão 100% novamente, sem absolutamente nenhum problema. Devo fazer essa limpeza novamente a cada 6 meses. Não gaste R$400 num par de joy-cons novos: com os R$15 do limpa contatos você resolve o problema e garante a manutenção dos controles por diversos anos.

    Super Mario Odyssey

    Platform: Nintendo Switch
    616 Players
    181 Check-ins

    7
    • Micro picture
      mbc07 · about 1 hour ago · 1 ponto

      Pena que o problema não é tão simples. O drift começa a acontecer com o desgaste da membrana de carbono presente dentro do analógico, que se solta aos poucos e vira pó.

      O limpa contatos é apenas uma solução temporária, eventualmente a membrana se desgastará completamente e não fará mais contato algum, quando chegar nesse ponto o analógico morre de vez e limpa contato nenhum vai resolver.

      Uma solução definitiva é desmontar o Joy-Con e trocar o analógico, encontrado por cerca de 30 reais no Mercado Livre...

  • 2019-07-16 08:53:00 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Combo#165 [MS-DOS] (1990): Loom & Ultima VI: The False Prophet

    A LucasFilm Games lança outro jogo usando o Scumm, mas ao invés da clássica interface de verbo e objeto, o jogo usa notas musicais que vão fazer o protagonista Bobbin usar sua magia para interagir com o ambiente, como fogo, visão no escuro, etc. Na história, os anciãos da vila são transformados em cisnes e Bobbin se vê sozinho na ilha. Equipado com um bastão, ele deve usar diferentes magias para resolver os quebra-cabeças pelo cenário. - Mais uma nova forma de interação com jogos adventure. O uso de notas musicais para usar magias é bem inteligente, principalmente com magias secretas se tocadas ao contrário. Os gráficos são bem detalhados e sombrios e a trilha sonora, apesar de não ser constante, é muito boa.

    Nota pessoal: ★★★☆☆

    ----------------------------------------------------------------------

    ----------------------------------------------------------------------

     Para tirar proveito da nova placa de vídeo VGA no mercado, o sexto jogo da série se reinventa e conclui a segunda trilogia. Ao invés de usar diferentes perspectivas, o jogo todo se passa com a visão oblíqua, que garante maior consistência, pois o nível de detalhes na tela de jogo é surpreendente. O jogo adota também um sistema de ícones a série. A história basicamente é sobre o resgate de Lord British contra a raça de demônios, gárgula. - A série mais longa de RPG traz uma experiência magnífica. Os gráficos do jogo estão absurdamente coloridos e detalhados. A nova interface com ícones ajuda, mas ainda é possível usar o texto para quem está acostumado. O combate permanece tático, porém, muito mais dinâmico e rápido.

    Nota pessoal: ★★★☆☆

    @andre_andricopoulos, @cleitongonzaga, @jack234, @old_gamer, @ziul92, @mardones, @porlock, @darlanfagundes, @jokenpo, @darth_gama, @armkng, @lgd, @noyluiz, @marlonildo, @joanan_van_dort, @volstag, @manoelnsn, @shuichi, @gus_sander, @willguigo, @thecriticgames, @fredson, @kb, @sergiotecnico, @srdeath, @melkorbelegurth, @avmnetto, @spider, @denis_lisboadosreis, @rogerlopezx [Quem quiser ser marcados nas próximas postagens, é só botar nos comentários]

    Ultima VI: The False Prophet

    Platform: PC
    21 Players

    32
    • Micro picture
      msvalle · 2 days ago · 3 pontos

      Loom é muito bom, eu fiquei encantado na época ao descobrir as melodias para fazer as coisas.

      1 reply
    • Micro picture
      spider · 1 day ago · 2 pontos

      Loom eu não conhecia, e Ultima eu nunca me dediquei... mas sei reconhcer o clássico.

      1 reply
    • Micro picture
      gus_sander · 1 day ago · 2 pontos

      Achei interessante a pegada do Loom

      1 reply
  • 2019-07-16 10:37:09 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • supermarcosbros マルコス・アントニオ
    2019-07-16 16:07:07 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Xbox Game Pass

    Night Call – 17 de Julho

    Metal Gear Solid V: The Phantom Pain – 18 de Julho

    The Banner Saga 3 – 18 de Julho

    For the King – 25 de Julho

    Killer Instinct: Definitive Edition – 25 de Julho

    Resident Evil 4 – 25 de Julho

    21
  • 2019-07-16 16:52:44 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...