2017-04-08 17:20:47 -0300 2017-04-08 17:20:47 -0300
brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas Featured

NÃO estamos na pior geração de consoles!

Single 3478340 featured image

Editado em 30/04/2017. Mais um tópico foi adicionado.

Editado em 18/08/2017. O título foi mudado e algumas partes do texto foram alteradas

OBS: Esse será o último artigo postado semanalmente, o que não quer dizer que deixarei de postá-los.

OBS2: O WiiU não conta!

Diante dos(vários) fatos ocorridos na atual geração, é bem fácil encontrar pessoas dizendo que "estamos na pior geração de consoles" por vários motivos, segundo elas. Hoje, venho aqui para responder 5 desses argumentos e provar que a atual geração não é toda essa tristeza que muitos pintam. Sem mais delongas, vamos começar.

"Existem remasters demais, e de qualidade duvidosa"

Realmente, há muitos jogos remasterizados e remakes entrando no mercado. sendo que vários deles são meros "1080p e 60FPS"(às vezes nem isso) e sequer reúnem todo o conteúdo disponível. Mas como ela começou?

Para não me estender muito, vou resumir as causas dessa onda de remasters e remakes(ou os 2 juntos, como em Resident Evil): a tentativa de brincar com a nostalgia dos jogadores; lucros mais rápidos(o motivo está no próximo tópico), e por último, a preocupação dos desenvolvedores em atualizar suas obras. Este último pode soar irreal, mas há casos como esse, apesar de raros, como o do Uncharted Nathan Drake Collection, que traz os 3 jogos do PS3 com um ótimo upgrade nos gráficos, modo de speedrun e legendas e dublagem em português. Sem contar os remasters considerados necessários, como Grim Fandango Remastered e Final Fantasy XII(recém-lançado).

Enfim, vamos para o próximo ponto:

"Os jogos estão rareando, demorando muito tempo para serem desenvolvidos e com poucos jogos bons"

A imagem acima mostra a evolução de polígonos da Lara Croft original(1996) em comparação com a Lara Croft refeita(2007). Realmente é uma evolução e tanto. Porém, a evolução de detalhes é tão grande quanto à evolução do trabalho para torná-lo real. Qualquer um sabe disso. Mas e seu disser que o tempo médio para desenvolver um jogo(2 a 5 anos, considerando algumas variáveis, como criação de engine, plataforma, tipo de jogo, etc.) é o mesmo desde a 5ª/6ª geração?

Claro que sempre existiram e sempre existirão os chamados "development hell", situações onde um jogo demora MUITO para ser lançado por diversos motivos(alguns exemplos são The Last Guardian, FFXV, Nioh, etc.), mas a impressão de que "os jogos demoram para serem lançados" está longe de ser real. O que acontece é que os jogos são anunciados cada vez mais cedo(coisa de 1 a 2 anos do lançamento) para atender ao Império do Hype(olha ele aí de novo!). Dessa forma, se ocorrer um adiamento ou se o anúncio for cedo demais, a impressão que fica é essa.

"Mas Bruno, como você pode dizer que um jogo demora o mesmo tempo que um jogo de 10/15 anos atrás, se é mais difícil desenvolver?" Eis a resposta: aumento dos número de empregados envolvidos(roteiristas, programadores, artistas, etc.). Basta ver um making of de qualquer jogo para perceber que há muita gente envolvida. Há 20/15 anos isso seria considerado uma "superprodução"(para se ter uma ideia, FFVII contou com a participação de mais de 120 desenvolvedores e foi um dos jogos mais caros de sua época e até para os padrões atuais), mas hoje é apenas normal.

Inclusive há quem diga que temos poucos jogos baseado nesse argumento. Quem diz isso esquece de 2 coisas: 4 anos depois do lançamento dos consoles, já temos vários jogos bons, como Horizon Zero Dawn, NieR:Automata, Bloodborne,Uncharted 4,etc. E em segundo lugar, geralmente é entre 2/4 anos que a nova geração passa a valer a pena. São poucos os consoles que já chegam botando o pau na mesa.

Dito tudo isso, vamos para o próximo argumento:

"As empresas querem transformar os consoles atuais em PCs"

Essa é a reclamação mais comum de gente que não gostou do PS4 Pro e Project Scorpio. Segundo elas, por causa deles, os consoles de mesa vão virar PCs e tornar os seus primogênitos ultrapassados. Claro que, quando os rumores de ambas as melhorias começaram a surgir, o correto era que se esperasse o lançamento desses consoles aprimorados. Mas se você reclama que o PS4 e o Xbox One se tornarão ultrapassados, saiba do seguinte: eles já eram ultrapassados em 2013.

 Apesar de terem prometido jogos a 1080p e 60FPS, Sony e Microsoft seguraram bastante o potencial de seus consoles na tentativa de não encarecer os mesmos ou tornar difícil o desenvolvimento. O resultado:a realidade bateu na porta logo no início. Uncharted 4 foi prometido a 60FPS, mas tal framerate se encontra apenas no multiplayer. Bloodborne mal consegue se manter a 30FPS. Xbox One dificilmente atinge a resolução Full HD. O limite gráfico de ambos já foi atingido várias vezes e acredito que dificilmente será superado. Esses consoles aprimorados vieram para consertar-ou, pelo menos, amenizar- esse problema.

"Mas ao fazer isso, elas vão matar os primogênitos" Me responda uma coisa:Você precisa desses consoles aprimorados?Você tem a TV ideal(4K e com HDR) para aproveitar as imagens geradas? Para um jogo ter diferenças perceptíveis entre o console base e o melhorado, é necessário que ele seja adaptado para o console melhorado. E não são todos os jogos que recebem. E mesmo os que recebem(e os que serão lançados a partir de agora), não é uma melhoria muito grande. No máximo, essas melhorias estão focadas em detalhes, como antialisng melhor, framerate mais estável, etc. Mudanças que dificilmente você percebe no calor da jogatina. Em outras palavras, é igual o povo do celular:reclama quando um top de linha é anunciado justo quando ele compra o anterior, mesmo quando as diferenças entre eles são puramente "processador-câmera-tela" ou, às vezes, nem isso.

Claro que nem tudo são flores. O lado ruim dessas melhorias é que elas podem ser banalizadas e com diferenças cada vez maiores. Felizmente, por focar no público hardcore, não acho que tenha grandes chances de ocorrer.

"Os jogos decepcionam cada vez mais"

 Sim, amigo(a)... e a essa altura você já deveria saber que isso acontece não porque os jogos pioraram, mas por causa do... HYPE!

Sim, eu sei que a essa altura você deve estar achando que acredito que o Hype é o culpado por todos os problemas da indústria e que se o tirarmos de cena, tudo será solucionado e os videogames serão perfeitos e atingirão as massas de vez. Isso não é verdade, o Hype inclusive é BOM(ainda pretendo escrever mais detalhadamente sobre isso), mas tudo em excesso faz mal. A verdade é que o Hype criado em cima de um game(tanto por parte da empresa responsável quanto pelos players) acaba dando me*** na maior parte do tempo, dando assim a impressão que os jogos estão piorando. Mas se tirarmos os óculos do Hype, percebemos que estávamos errados(pelo menos na maioria dos casos).

É uma das coisas mais comuns acontecer o seguintes: o jogo(altamente hypado) lança, ele não é tão bom quanto se esperava, o jogo é massacrado pelos críticos e jogadores afetados pelo hype, e depois de um tempo(alguns meses), começa a aparecer gente dizendo que o jogo não é tão ruim assim. E na maior parte dos casos, essa gente aumenta com o passar do tempo...

Você entendeu. Próximo!

"Downgrades ocorrem com cada vez mais frequência"

O jogo acima é simplesmente o exemplo mais famoso de downgrade, assim como a empresa responsável. Junto com o downgrade, veio uma série de preocupações e ânsias nunca antes vistas na história deste país. E também (mais) uma falsa impressão.

Para quem ainda não sabe, downgrade é quando os gráficos/mecânicas de um jogo são piorados em comparação com o que foi visto anteriormente. Mas ao contrário do que muitas pessoas acreditam, o downgrade não é algo que foi adotado recentemente. Muitos jogos apresentados vários anos atrás sofreram downgrade no produto final, como Halo 2 e Metal Gear Solid 4. Explicando de forma resumida, o downgrade pode ocorrer por diversas razões. Dentre elas: dificuldade de desenvolvimento(se uma demo é apresentada em uma conferência, não quer dizer que o jogo estava pronto); prazo apertado; evitar a disparidade entre PCs e consoles; e, por último, a boa e velha sacanagem.

O problema é que o público perdeu a confiança nas empresas(várias delas, não todas) por vários motivos, e o senso comum gamer passou a achar que a causa de qualquer downgrade é a última razão listada acima. Para piorar a situação, são pouquíssimas as desenvolvedoras que admitem que um jogo sofreu downgrade e dizem o porquê disso. 2 exemplos são a CD Projekt Red e, por incrível que pareça, a Ubisoft.

Enfim, vamos para o último ponto:

OBS: Para estabelecer se houve downgrade ou não, o produto final é comparado com o que foi apresentado originalmente, pois algumas vezes ocorre casos como o de Uncharted 4, cujos gráficos sofreram downgrade se comparados com a E3 2014, mas que são melhores do que foi apresentado na E3 2015

"A evolução dos novos consoles é puramente gráfica"

Esse motivo tem seu fundo de verdade. Não ocorreu uma grande evolução da 7ª para a 8ª geração, em comparação com as outras. Mas se você estudar a evolução das gerações, você percebe que isso já era esperado, ao contrário do que muitos alardeam.

A evolução das gerações foi lentamente diminuindo. Partindo da 4ª para a 5ª geração, por exemplo, os jogos partiram para o 3D, criando uma revolução nos games, além de terem muito mais espaço em mídia(nesse caso, o CD). Na 6ª geração, o nível de evolução foi tão bom quanto. Os gráficos evoluíram ainda mais, os personagens passaram a ter rosto e alguns elementos gráficos podiam até ser comparados com a realidade. Isso sem mencionar a invenção da jogatina online. Já quando a 7ª geração chegou, a evolução foi bem menor. Apesar de possibilitar a criação de interfaces gráficas mais elaboradas e a instalação de patches, tanto para software, quanto para hardware(leia-se atualizações de sistema), a evolução estava começando a diminuir...e  agora estamos na geração atual.

O que eu quero dizer com tudo isso é: a evolução entre gerações não vai ser sempre a mesma. Já chegamos no momento em que há pouquíssima coisa para se evoluir(pelo menos com a tecnologia que temos no momento). As únicas coisas que sobraram para serem evoluídas drasticamente é a tecnologia procedural nos jogos, processamento em nuvem e...só isso. Creio que a partir da 9ª geração veremos evoluções mais, digamos, "comuns" do que revolucionárias.

Considerações finais

Só porque esses argumentos são mentiras ou meias verdades não quer dizer que essa geração é uma maravilha e que todos que discordam devem se calar. Ela tem uma série de problemas que devem ser resolvidos, como jogos bugados, Hype, e mais algumas coisas. Eu pessoalmente considero a 6ª geração como a melhor, por combinar uma grande evolução com jogos fo***. Não tem problema em considerar a atual geração como a pior. O problema é usar os argumentos lamentáveis que foram listados. Você consegue pensar melhor que isso, eu garanto.

E pronto! Esse foi o fim de mais um artigo. Se você concorda com a afirmação no título, ou discorda de meus posicionamentos, argumente calmamente(rimou!) e de forma racional, sem ser cegado pela nostalgia.Se você tem alguma crítica, sugestão ou elogio, não se esqueça de comentar. Se gostou, não esqueça de dar like.

Até mais pessoal!

Horizon Zero Dawn

Platform: Playstation 4
1374 Players
772 Check-ins

51
  • Micro picture
    danilodlaker · about 2 years ago · 4 pontos

    Estou acompanhando essa geração desdo ano passado, e estou gostando muito. Antes quando eu discutia com os meus amigos a gente conversava muito sobre gráficos, ninguém nunca se importou muito para resolução. E atualmente pra min se tiver acima de 720p já está de bom tamanho, o que importa mesmo é a narrativa do jogo e gameplay. Um exemplo disso é o Quantum Breake, um jogo que roda a 900p, uma história interessantíssima principalmente pra quem gosta de viagem no tempo e ainda tem uma série com um put* elenco. Mas muitos desmereceram o jogo, por ser curto e por ter uma baixa resolução.
    As desenvolvedoras podem demorar muito para lançar seus jogos, mas pelo hype que elas fazem acaba atrapalhando na produção do jogo, fazendo a produtora o lança-lo com bugs inicialmente mas depois lança alguns patchs (exemplo The Witcher 3).
    O problema dessa geração pra min são três: preocupação com resolução e fps, hype e jogos do ano.

    2 replies
  • Micro picture
    megaxbr · about 2 years ago · 3 pontos

    Essa geração está cheia de erros, porém possui muitos acertos que não podem ser ignorados. Não digo que é a pior que já presenciei, diria que está longe de ser a melhor.

  • Micro picture
    venomsnake · about 2 years ago · 2 pontos

    Sinceramente não vejo muitos problemas na nova geração ( One, PS4, Switch/Wii u).
    O switch portou alguns jogos do wii u e a biblioteca dele ainda vai aumentar. PS4 e One já possuem uma lista enorme de bons jogos lançados e muitos bons ainda vão sair, sobre eles serem iguais a PC´s, qual o problema nisso ?
    Jogos demora pra sair ? Normal, se fosse um trabalho fácil sairia Gta 6 hoje e amanha o 7, alem de não ser um trabalho dos mais fáceis ainda é feito por uma equipe que recebem ordens ( que em alguns casos acaba atrapalhando mais do que ajudando). O único grande problema que eu vejo nessa geração é a briga por resolução ( como já sabemos, resolução não é gráfico), a maioria da população tem em casa TV´s 720/1080p , pouca gente tem uma que suporte 4K, sinceramente é bacana que agora os consoles estejam se atualizando para o padrão 4K, o problema é que é um pouco cedo pra isso. Sobre remaster´s, Xbox 360 e PS3 também tiveram uma boa quantidade de Remaster´s mas nada se fala sobre isso.

    1 reply
  • Micro picture
    andre_andricopoulos · about 2 years ago · 2 pontos

    Toda geração passa por erros e acertos...
    Eu sinceramente tô de boa nela, me divertindo pacas.
    Fodam se os REMATERS, eu simplesmente não compro pois já os conheço...
    ...
    Também não acho que games estão demorando para serem feitos....
    ...
    A questão de descredulo perante algumas empresas / promessas são compreensíveis... O grande segredo é não entrar no hype... até o seu real lançamento...

  • Micro picture
    papm22 · almost 2 years ago · 2 pontos

    Ótimo artigo!

  • Micro picture
    grandealf · almost 2 years ago · 2 pontos

    Acho até que vivenciamos umas das melhores (talvez não a melhor, mas tão perto disso que nem faz tanta diferença)! Além de todos os pontos pró geração atual, é possível citar mais alguns, como por exemplo:

    As narrativas vêem melhorando muito e constantemente. Se compararmos a história do game atual com a de alguma geração anterior, é possível ver uma riqueza de detalhes, um história emocionante ou divertida. Até jogos puzzle têm aparecido com alguma cutscene que aprofudam o jogo!

    Todo mês jogos gratuitos são jogados na sua cara. Outro grande ponto pró geração atual são os jogos gratuitos para assinantes da psn ou live. Mesmo vc pagando uma pequena quantia pela assinatura, um gamer, com menos poder aquisitivo ou que pode desprender menos grana para um hobby, sabe que todo mês ele vai ter ao menos um jogo pra jogar, sejam bons ou ruins (e o da psn esse mês ta faustop. Just Cause 3 e Infamous 2nd Son)!

  • Micro picture
    skywaka · over 1 year ago · 2 pontos

    Há coisas que o povo não considera algumas coisas:
    *não é fácil programar um game, muito menos criar a arte e a narrativa (embora muitos tenham deixado esse último a desejar);
    *mesmo que o jogo venha com erro, logo recebe um update QUASE SEMPRE GRATUITO que o conserta. Bugs em GTA: San Andreas existem até hoje. Bugs de GTA 5 são constantemente corrigidos;
    *os gráficos melhoraram consideravelmente: vejam a evolução de monster hunter, por exemplo;
    *muitos remakes, mas muita demanda. O povo pede por games todos os anos, e eles levam mais tempo que isso para serem produzidos. Remakes são uma ótima saída, até pq o povo compra do mesmo jeito que um jogo novo

  • Micro picture
    artigos · almost 2 years ago · 1 ponto

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

    1 reply
  • Micro picture
    eileen · almost 2 years ago · 0 pontos

    Eu acho que essa é a pior geração sim =/

    6 replies
Keep reading → Collapse ←
Loading...