brunothebigboss

Um gamer comum, com interesses incomuns e opiniões baseadas no senso crítico.

Você não está seguindo brunothebigboss.

Siga-o para acompanhar suas atualizações.

Seguir

  • zandryx Elisandro Vianna
    2018-10-19 13:57:20 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
    46
    • Micro picture
      onai_onai · 4 dias atrás · 2 pontos

      Na minha cabeça tocou até aquele som de quando os guardas avistam o Snake! Hahahahaha...

    • Micro picture
      jaquearan · 4 dias atrás · 1 ponto

      Huahuahuahuahu

    • Micro picture
      volstag · 4 dias atrás · 1 ponto

      Hahahahhahaahaha

  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-10-18 08:58:27 -0300 Thumb picture

    Minha "Situação Gamer"

    "Mas espera Bruno, o que é essa 'Situação Gamer' que você se refere?"

    Basicamente, o que está acontecendo com a minha situação nos games no geral. Também ajuda a elucidar alguns dos motivos do meu longuíssimo hiato por aqui.

    Vamos lá...

    PlayStation 4, PlayStation 3 e PC

    (Os dois consoles da parte de cima ainda estão na minha lista de desejos...) (E não, não tenho imagens de PC para mostrar aqui)

    Tirando o fato de que estou preso demais nesse computador por motivos de que tenho coisas importantes a fazer (é sério gente, MESMO), não havia nenhum motivo para eu ficar sem ir jogar lá... até algumas semanas atrás.

    Porque, por algum motivo que eu não sei, o HD Externo foi para o saco - corrompeu todos os jogos. Como resultado, TIVE QUE EXCLUIR TUDO! Os digitais já estão sendo reinstalados, mas os jogos físicos dá um desânimo de colocar o CD, um por um, só para reinstalar... um saco isso

    Quanto ao PS3, ele não tinha problema algum, os CDs que eu tinha usado que estavam sujos ou riscados mesmo. Além disso, ele fica no meu quarto, então tudo resolvido, certo?

    Bom, quando eu fui jogá-lo, percebi que o volume da minha TV estaa simplesmente INCONTROLÁVEL. Se eu tentasse aumentar, ia para 100, e se reduzisse, ia direto para 0. E bem, é inviável para mim jogar no volume máximo, então temos mais esse problema. Por sorte, meu pai conhece um técnico aqui na cidade para a gente ir consertar, mas a procrastinação bate forte às vezes...

    Quanto ao PC, é simplesmente preguiça mesmo. Comprar pela Steam ou pela Origin é cansativo (pago com boleto), e mesmo quando me interesso, simplesmente não tenho vontade de comprar. O PS3 e o PS4 me interessam mais.

    Claro que isso tudo não significa que eu parei de jogar completamente. Minha irmã, um dia desses, até me chamou para ajudá-la no Resident Evil 4. Mas casos como esse não me interessam contar, pois só faço Check-in dos jogos que eu vou até o final. Então...

    É basicamente isso. Espero que tenham achado a ideia do quadro interessante, talvez outras pessoas se interessem... e também espero que a minha ausência tenha sido mais esclarecida.

    Abraço gente!

    11
    • Micro picture
      mastermune · 5 dias atrás · 2 pontos

      Eita cara, espero que melhore logo a sua situação e vc volte logo, vc faz posts muito bons aqui no alva xD

      1 resposta
  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-10-14 11:45:09 -0300 Thumb picture

    Os reviews falsos

    Basicamente, esse vídeo é outro motivo para eu ter me preocupado com a minha escrita algum tempo atrás

    (Falando assim, parece que foi pouco tempo, mas como a minha aparição tá toda inconstante, parece que não foi recente...)

    E aí, já acharam algum review falso? O que os fez pensar que aquilo era um?

    Discutam...

    8
    • Micro picture
      brunothebigboss · 9 dias atrás · 1 ponto

      Aliás, agora eu fui ver a timeline e percebi que tem um aviso no Alvanista que propagandeia o programa de apoio.
      Só dizendo aqui, sei que outros repararam nisso...

  • miss_dani Dani Patiné
    2018-10-02 10:12:02 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Eu sei que já foi divulgado...

    Mas só passei mesmo para reforçar para o pessoalzinho que não sabe...

    A nossa querida rede Alvanista nos traz muita alegria e é um lugarzinho super bacana pra fazer amigos e conversar sobre jogos e outras coisas.

    Mas às vezes ela precisa de nossa ajuda. Por esse motivo, estou aqui para falar sobre o Apoia.se, que assim como o nome já diz é um site onde podemos dar um apoio à rede. Sei que algumas pessoas já estão sabendo e ajudando, mas se você ainda não sabia, aqui está o link =) https://apoia.se/alvanista

    O bom é que dá pra doar R$1 por mês, que pode parecer pouco, mas com certeza vai fazer muita diferença para a rede!

    E se você não puder ajudar no momento (como eu, que estou há 3 anos desempregada e toda lascada, kkkk... mas assim que puder ajudarei) compartilhe esse post, que também vai ajudar muito =D

    91
  • 2018-10-02 10:10:16 -0300 Thumb picture
    Thumb picture
  • thecriticgames Matheus Pontes
    2018-10-01 18:25:18 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    O Futuro da Nossa Rede.

    Medium 3675629 featured image

    Ola pessoas, alguns de vocês devem me conhecer como thecriticgames, autor de trocentas criticas que alguns de vocês aparentemente leem se os olhos não sangrarem, ou como o autor dos Know Your Demons sobre Shin Megami Tensei através da persona @l_am_thou ou ainda como O Crítico do site e dos podcasts do pessoal do @joystickterrivel, mas hoje venho até vocês pra um papo rápido sobre as doações e o futuro da nossa rede, porque eu sou segundo que o @gustavobiazoli e @filipessoa (acho que foi ele que inventou esse nick) o Bruce Wayne do Alvanista.

    Sim, direto ao ponto foi eu que doei a quantia exorbitante pro Alvanista, pelo futuro da nossa rede depois de toda a semana dos pesadelos que tivemos, e estou agora tentando também descobrir o porque definitivo de ter feito isso kk, mas digo rápido que fiz isso na integra pela galera, ou por uma parte dela pelo menos, claro eu queria essa rede funcionando e me preparei pro fim dela como algumas pessoas observaram, mas o pessoal se voltou pra doação através da pagina do Apoia-se, só que muita gente daqui, GENTE demais não tem condições de doar valor algum, há uma minoria de pessoas que doam pouco e muita gente da rede ta desempregada porque realmente esta foda a situação de desemprego por todo o Brasil, sem contar a galera que já é pai ou mãe, isso quando não é um pai ou mãe desempregado.

    Eu, sendo o porco capitalista que sou entendo o valor do dinheiro, pra rede e pra todo mundo, eu não vou doar essa quantia mensalmente, ela vai cair pra algo mais dentro do meu orçamento (uns 20 reais ou menos mensais talvez), mas eu quis justamente dar valor a esses 1528 reais doados a rede pra tirar um peso das costas de vocês mesmo, eu doei por quem  não podia doar já que eu sei a diferença que a grana faz pra quem não tem doei também e por quem fez do Alva seu repertório de conteúdo como eu, seja o @manoelnsn com "Os Dias de Holy" seja o @hard_frolics com seu canal do YouTube de composições próprias para games, seja o @vinicios_santana_3 com a sua HQ que homenageia Castlevania e que to devendo a arte ainda (Sorry :v) a HQ Hunter e tantos outros com projetos próprios e similares por aqui. Apesar de ser o mão de vaca ultra que sou me sinto muito bem porque minha doação deu um um forte gás na rede, quando eu doei só havia 16 doadores eu acho la no Apoia-se https://apoia.se/alvanista#_=_ agora o numero já esta em 43 pessoas :)

    Se for pra fazer algo que eu não costumo fazer eu tento apelar :v

    E o que eu quero de vocês em troca disso? Nada realmente, eu fiz porque eu tinha condições no momento de ajudar a rede, amanhã talvez eu não tenha isso, mas digo para cuidarmos da nossa rede, isso eu digo seja com as doações quem puder, da forma que pudermos e se pudermos. O patriarca da rede @sikora inclusive me ligou pra me agradecer (alem de relatar o bizarro CSI realizado por ele pra descobrir minha identidade secreta :v) e quem já leu no Apoia-se na área de recompensas sabe do premio máximo que eu consegui pelo valor "behemotesco" da minha doação e que sim, vou tentar ajudar o Alva com isso e até o próprio Sikora me perguntou sobre o assunto mas eu não sabia responder no momento e por isso também este post, de que formas poderíamos melhorar, popularizar e ajudar o Alva? já li ideias boas como contactar a galera do 99 vidas ou fazer um vídeo de apresentação do Alva,  e a área e hora de reunirmos ideias e sugestões pode ser aqui e agora.

    OBS: Na espera pelas minhas recompensas @sikora :V:

    Meu nome é Matheus, mas podem me chamar de O Crítico, eu não tenho blog próprio ou canal no YouTube, eu só tenho essa rede aqui que é o que vocês também tem ;)

    Tales of Phantasia

    Plataforma: SNES
    950 Jogadores
    119 Check-ins

    176
    • Micro picture
      sikora · 22 dias atrás · 18 pontos

      Cara, mais uma vez, não sei nem como agradecer, fiquei realmente surpreso, sentimentos múltiplos:
      - caracas como assim, amanhã ele deve ligar dizendo que era 15 reais e digitou errado;
      - caracas, agora vou ter que dar um jeito de implementar todos os perks que prometi;
      - nossa, certamente isto foi uma doação pontual, as pessoas vão achar que os problemas acabaram e que já tem muita gente doando;
      Enfim, para efeitos práticos, estamos providenciando a migração da Alvanista, o que poderá causar sérias turbulências na rede, vou postar algo sobre isto depois, mas é imprescindível para redução de custos e para servir como um pontapé inicial para as melhorias que vem por aí!

      5 respostas
    • Micro picture
      filipessoa · 22 dias atrás · 8 pontos

      Primeiramente aqui fica o meu muitíssimo obrigado pra ti, @thecriticgames, por ter salvado só a melhor rede social do mundo, essa situação de desemprego e falta de verdinhas infelizmente é uma realidade pra muitas pessoas aqui desse país miserável e ver gestos altruístas como o seu ainda me dão esperanças por dias melhores, por mais complicado que seja manter essa perspectiva nos dias atuais. "Ah, mas foi só uma doação..." Negativo, isso deu um puta gás no Apoia.se e agora tem muitas pessoas que espero eu que manterão um valor mensal pra rede. Então: obrigadíssimo mil vezes!
      Sobre as melhorias pro site, existe uma postagem feita há um tempão pelo ilustríssimo @brunothebigboss sobre como mellhorar a Alvanista: http://alvanista.com/brunothebigboss/posts/3534335-como-melhorar-o-alvanista. Foram postas muitas ideias legais nesse artigo (que inclusive virou destaque) e valeria a pena uma releitura para a transposição de mais ideias para a rede.

      3 respostas
    • Micro picture
      manoelnsn · 22 dias atrás · 6 pontos

      Então a identidade do Bruce Wayne foi revelada! E rapaz, do jeito que tu faz tanta coisa ao mesmo tempo, e ainda trabalha pra se aposentar cedo, não imaginava que fosse tu, ahuhaua

      Entretanto penso que, se tivesse essa grana na mão, teria feito o mesmo. Não sei se te dou um parabéns por ter feito essa doação ou te digo um muito obrigado por investir nesse nosso singelo canto azul na internet. Fica um obribéns ou um paragado, hauhauha

      O Alva é uma rede muito querida pra mim, eu diria que é o lugar onde mais consegui interagir com mais pessoas(mesmo no extinto orkut ou no VK eu converso apenas com pouquíssima gente), sem contar que voltei a rabiscar por causa dos posts da rede também, e hoje empesteio a mesma com meus garranchos toda semana, huahauhauhaua

      Anyway, quanto ao que melhorar na rede... Eu me sentiria satisfeito com rascunhos pras reviews(acho que o senhor também). E ajudar... Talvez com algumas propagandas?

      6 respostas
  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-09-24 17:56:14 -0300 Thumb picture

    O que podemos aprender com o fechamento da Telltale Games?

    Medium 3673566 featured image

    OBS: Imagens meramente ilustrativas

    No dia 21 de setembro deste ano, 2018, o mundo dos games entrou em polvorosa após a notícia da falência da Telltale Games. A empresa já passava por uns perrengues já há algum tempo (chegarei a isso daqui a pouco), mas ninguém esperava que algo assim iria acontecer. Além de todas as demissões (com direito a violações de direitos que chegaremos daqui a pouco), todos os projetos em desenvolvimento até então foram cancelados (menos o Minecraft Story Mode), INCLUINDO A TEMPORADA FINAL DE THE WALKING DEAD, QUE SÓ RECEBERÁ METADE DOS EPISÓDIOS PREVISTOS!!!!

    Tudo isso deixou o pessoal bem p*to com a situação. Muitos discutem o porquê da falência ter ocorrido, mas como não sou um especialista em negócios (e também por não haver muita informação disponível), vou partir para outro caminho: ao invés da clássica "receita para o desastre", vamos ver, como está no título (dã), o que a gente aprendeu com todo essa desgraça.

    Vamos começar com o motivo principal da falência (precisamos saber disso para elencar o que nós descobrimos depois):

    O Motivo da Falência

    OBS: Vale lembrar que falência é quando uma empresa não consegue mais arcar com suas dívidas e precisa vender suas propriedades físicas e intelectuais para que o faça, e isso geralmente ocasiona o fim da empresa.

    Segundo tweets de ex-funcionários da Telltale, a empresa faliu pois, após o recebimento do GOTY no antigo VGA pelo TWD original, os chefões se empolgaram demais e a empresa cresceu muito além do que poderia. Isso, somado ao fato de que apenas o TWD original deu algum lucro a empresa, gerou em diversos prejuízos ao longo dos anos e muitas demissões (como visto no artigo acima). A empresa não fez muita coisa para impedir isso (funcionários eram contratados poucas semanas antes da falência, e continuava lançando jogos episódicos a granel), e o resultado é o que nós vimos alguns dias atrás

    A falência da empresa veio pela incompetência e trouxe caos, arrependimento, e uma pitada de violações de direitos trabalhistas. Segundo esses mesmos tweets, os funcionários não receberam qualquer indenização e foram notificados de suas demissões no dia 20-21 e tiveram que deixar o prédio da Telltale às pressas. No entanto, nem todos os funcionários foram demitidos: atualmente, uma equipe tapa-buraco de 25 pessoas continua na empresa para finalizar The Walking Dead e Minecraft Story Mode. Nem preciso dizer o destino dos 25 após terminarem os jogos.

    Esse foi o resumo do motivo da falência da empresa. Só essa recapitulação nos mostra 3 coisas:

    O trabalho na indústria dos games pode ser pior do que se imaginava

    Todos sabem que fazer um jogo é complicado: leva anos, é preciso se dedicar, e ainda há a pressão dos prazos impossíveis. Já saíram alguns artigos no jornalismo de games, como esse do The Verge (que, ao que tudo indica, não teve grande repercussão na época), sobre práticas de trabalho tóxicas nos games (nesse caso, na própria Telltale), mas com as revelações acima, o artigo foi redescoberto, e junto dele, diversas preocupações.  Eu até pensei em enumerar os pontos aqui, mas no meio das minhas pesquisas, eu encontrei 4 artigos a respeito (infelizmente, todos em inglês) que acho que serão o bastante para acender uma luz na preocupação do pessoal:

    -Esse do Polygon

    -Esse da Eurogamer

    -Essa também do The Verge

    -Esse da Techspot (de onde tirei algumas informações)

    Creio que seja o suficiente. Mas tem algo que faltou nesses artigos, que também é um dos itens para se aprender:

    Ritmo industrial (ou "callofdutyzação") não é garantia de sucesso

    Esse ritmo que eu mencionei é algo que impregnou a indústria dos jogos "maiorzão" nos últimos anos, e sempre era dita como algo lamentável (embora do ponto de vista do público, e não da empresa/funcionários), mas que funcionava, e isso felizmente se provou errado. Mas vamos aos fatores disso:

    Eu falei anteriormente que a Telltale lançou TWD, venceu o GOTY da maior premiação dos games, e começou a crescer (mesmo que demais). Pois bem, ela veio com os jogos novos seguindo o mesmo esquema do TWD, o mesmo motor gráfico e até mesmo uma narrativa parecida. No entanto, isso foi problemático por 2 razões: The Walking Dead em 2012 já tinha sofrido críticas dos jogadores por ter um final único (as escolhas apresentadas pelo jogo não o mudavam em quase nada); não só esse problema (que é grande coisa considerando a proposta do jogo), mas tem a saturação. Combine isso com vários jogos ao ano (wikia da Telltale aqui. Perceba na lista de jogos publicados como desde a fundação eles publicavam vários títulos ao ano) e temos críticas e avaliações negativas aumentando ano a ano, enquanto as principais concorrentes (Quantic Dream, Supermassive Games e Dontnod) só melhoravam jogo após jogo. A Telltale até tinha seus defensores no início, mas depois de um tempo os haters venceram os fanboys, que já não tinham muita coisa para defender.

    Dando o gancho para o terceiro (e último) ponto, uma das coisas mais criticadas pelos "odiadores" era a prática de negócios da Telltale, que incluía o Passe de Temporada. Falando nele...

    Passe de Temporada precisa ser revisto

    Rockstar Games, a inventora dessa polêmica prática (pois é)

    Confesso que eu era um dos que defendiam o Passe de Temporada, pois era (pelo menos na teoria) como assinatura de mangá: vinha tudo no pacote só (quiçá custaria menos que comprar separado) e ainda podia ter um bônus no meio! Agora eu tive que rever essa prática...

    Além de terem as óbvias deformações(Passe anual e até pseudo-passes [que não liberam todo conteúdo] é um exemplo disso), ainda criou-se mais esse problema: como os jogos episódicos ficarão caso a empresa acabe no meio da produção? No caso do TWD, a solução foi cancelar os dois episódios finais e fazer o que dá no segundo episódio (que ainda não saiu, mas já posso prever grandes mudanças no roteiro). Mas existem casos um pouco mais complexos até em jogos mais convencionais (leia-se "jogos completos sem episódios"), como no caso a seguir:

    Final Fantasy XII esteve em desenvolvimento por quase 6 anos, e isso por uma série de motivos. Um deles foi a troca de diretor: no meio do desenvolvimento (e perto do lançamento, que estava cotado entre 2004-2005), Yasumi Matsuno  precisou ser substituído devido a motivos inexplicados até hoje (a lenda mais comum é a que ele teve problemas de saúde devido a excesso de trabalho), e os diretores substitutos, Hiroyuki Ito e Hiroshi Minagawa (outras figuras importantíssimas da Square Enix, pesquisem se quiserem saber o que eles e o Yasumi fizeram lá na empresa) fizeram diversas alterações na história, sendo a mais conhecida a mudança de protagonista. Além disso, eles colocaram o designer veterano Akitoshi Kawazu no time, que é conhecido por fazer RPGs não convencionais como Romacing SaGa e Legend of Mana. Nem preciso dizer a quem os fãs atribuem pela bagunça que é o terceiro ato...

    (Que eu não sei como é pois ainda não passei do tutorial... vou ir até o final só para constatar)

    Embora a influência dessas mudanças seja negada pelos desenvolvedores, muitos fãs duvidam disso pelas mudanças acachapantes de um momento a outro e- já deu pra entender né? O diretor saiu e a coisa foi radicalmente diferente

    No caso de jogos episódicos, isso é ainda mais complexos. Nos piores casos, o jogo pode ficar assim mesmo, inacabado. Mesmo que outra empresa se voluntarie para terminar o jogo, ainda há algumas dúvidas válidas, como: a equipe será mantida? Se não, quem serão os substitutos? Podem haver mudanças no roteiro? Reajustes de preço ocorrerão?

    Essas são só algumas dúvidas possíveis...

    Conclusão

    Certamente não é bacana quando uma empresa entra em falência, mas sempre que isso acontece, é bom não cair no conto de só falar bem do morto; é importante reconhecer seus erros e acertos (por menores que sejam, na minha opinião), para que situações assim não voltem a acontecer. RIP Telltale

    Espero que tenham gostado do artigo. Novamente peço desculpas pela ausência, mas garanto que até o final do ano retornarei com tudo aqui.

    Abraço e até mais !)

    The Walking Dead: The Game

    Plataforma: Playstation 3
    2064 Jogadores
    188 Check-ins

    65
    • Micro picture
      leopoldino · 29 dias atrás · 3 pontos

      Não mudaram o motor gráfico nem mecânica de jogo, assim o pessoal perde o intetesse rápido. Tem que ser igual Street Fighter, fazendo sempre igual mas com algumas diferenças.

    • Micro picture
      cartsugo · 29 dias atrás · 2 pontos

      Triste, estava esperando pelo game do Stranger Things...

      2 respostas
    • Micro picture
      manhundead · 29 dias atrás · 2 pontos

      Li uma matéria extensa na Kotaku US sobre isso hoje, pena os últimos jogos não terem refletido em vendas na mesma intensidade da popularidade deles, e uma lição importante sobre a logística por trás das coisas e a necessidade de conhecer seus limites.

  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-09-20 16:57:20 -0300 Thumb picture
    brunothebigboss fez um check-in em:
    Não pensei que teria que vir ao Alvanista para fala - Alvanista
    The Sims 4

    Plataforma: PC
    886 Jogadores
    322 Check-ins

    Não pensei que teria que vir ao Alvanista para falar de algo que não fosse games, mas não tenho escolha.
    É o seguinte: vocês viram que o Chrome atualizou esse mês em comemoração aos 10 anos, e mudaram algumas coisas, né? Deveria ficar melhor para todos, mas não foi pra mim...
    Ontem, o meu navegador atualizou automaticamente para essa nova versão. Acessei ao meio-dia, só que aí começou meu pesadelo, o Chrome travou na aba em que estava anteriormente, só que foi tão grave que o computador quase foi levado junto e apelei para o Ctrl + Alt + Del. Reiniciei e ai ficou bom pelo resto do dia. Foi o que achei
    Daí hoje eu fui acessar e TAVA PIOR AINDA! Eu tentei tirar algumas abas para ficar mais leve, só que o navegador tava tão fudido que eu não conseguia fazer absolutamente nada ali. Reiniciei o computador 3 vezes e não adiantava, e na quarta vez, o computador finalmente agiu e me deu a opção de fechar o navegador, e eu fiz.
    Até agora tô usando o Firefox e o Opera para usar. Transferi parte das minhas abas ao Firefox (deu pra ver que sou acumulador, nê?) e vim a essa rede querida para ver se dava para resolver o problema, e se mais alguém tá sofrendo.
    Obrigado pela ajuda, e aproveitando para tentar propagandear minha volta daqui a um tempo (acreditem, a situação irá melhorar), peço uma Genkidama para ajudar!
    ... brinks!

    22
    • Micro picture
      _gustavo · 1 mês atrás · 2 pontos

      Eu uso o Vivaldi e não mudo por nada aqui, tem funções que o Opera tinha antes de adotar a Chromium como engine (o Vivaldi é feito pelo ex-CEO da Opera), como o empilhamento de abas, um gerenciador de favoritos muito completo e é até possível dividir a mesma aba em 2 e abrir duas paginas diferentes na mesma aba

      2 respostas
    • Micro picture
      filipessoa · 1 mês atrás · 1 ponto

      Repassado pra ver se alguém também conhece o problema. Uso essa versão nova do Chrome já faz um tempinho breve e nunca passei por esses problemas. Na verdade, creio que nunca tive nenhuma experiência próxima ao que aconteceu contigo na vida.

    • Micro picture
      onai_onai · 1 mês atrás · 1 ponto

      Eu só uso o Firefox mesmo e nunca vi motivo para sequer testar outro navegador. De qualquer forma isso que você passou é uma chatice mesmo...

  • brunothebigboss Bruno dos Anjos Seixas
    2018-09-08 15:48:41 -0300 Thumb picture

    Uma coisa que andei pensando

    No momento, estou fuçando pouco o Alvanista (IREI VOLTAR COM TUDO DEPOIS, EU JURO!!!!), mas uma das coisas que eu mais faço nas vezes que eu entro aqui é olhar reviews de outros usuários, e um dos que mais leio é o do @manoelnsn. Uma coisa que eu percebi é que o estilo dele é radicalmente diferente do meu. Se vocês já leram resenhas minhas, devem saber que eu escrevo no "estilo Zangado", que é mais ou menos esse aqui:

    -Análise organizada em tópicos

    -Política de evitar dar spoilers

    -Escrita simples e direta, porém relativamente formal

    E olhando as críticas do amigão Manoel, eu percebi algumas coisas em comum:

    -A crítica flui (ou seja, não tem tópicos como "História", "Audiovisual", "Gameplay", etc.)

    -Spoilers a rodo

    -Espontaneidade e escrita mais informal

    Dando uma olhada nos outros dois usuários que mais vejo resenhas (@juninhonash e @thecriticgames), percebo que também possui um padrão de resenha. O Critic tem o diferencial de fazer legendas para fotos e uma escrita também formal, e o Nash tem uma escrita mais informal ainda.

    Com tudo isso em mente, eu resolvi uma autoavaliação das críticas que eu já fiz (a propósito, pretendo fazer mais :) ), e a minha opinião foi que tá bom do jeito que tá. Mas e vocês? Acham que tá bom do jeito que tá, ou precisa melhorar algo, ou mesmo mudar o estilo completamente?

    Me digam, quero ver o feedback de vocês! Como eu disse, pretendo fazer mais quando retornar, e por isso estou de olho nesse tipo de coisa.

    Abraço, gente!

    42
    • Micro picture
      manoelnsn · 1 mês atrás · 6 pontos

      Eu também percebo essa diferença nas reviews dos usuários aqui da rede.

      Também cito o @fonsaca que faz de um modo bem peculiar, ou mesmo o @jclove. ) @mateusfv tem seu jeito próprio de analisar e o @mastermune igualmente, é bem legal ver que cada um tem seu modo diferente de ver determinado game, e muitas vezes percebem até as mesmas coisas!

      Enfim,q uanto ao seu questionamento, acho que quem deve dizer isso é você. Como disse, tu tem seu próprio jeito de analisar e se alguma coisa está te incomodando, tu pode mudar isso e tentar coisas novas. Por exemplo, no começo eu usava muito narrativa em primeira pessoa nas críticas(tipo "eu achei", "eu penso", "eu acho"), mas evito ao máximo de usar pois passou a me incomodar.

      2 respostas
    • Micro picture
      filipessoa · 1 mês atrás · 4 pontos

      Bom saber que não vai nos abandonar @brunothebigboss aehoou \q/ Então, falando por experiência própria: existem infinitas formas de desenvolver uma análise/crítica/review sei lá o nome hsauhsa assim como você, eu também curto bastante ler as análises da galerinha aqui (as que eu mais li recentemente foram algumas do @jclove, @juninhonash, @thecriticgames, @_gustavo e o @manoelnsn) e, francamente, nunca vi esses caras fazerem textos péssimos justamente por que cada um tem o seu estilo, formatação e claro... opinião bem embasada. Acontece que muitos desenvolvem o texto mais do que outros e isso pode criar uma obrigação psicológica de querer fazer um texto tão extenso quanto mas isso NÃO deve acontecer jamais, logo nunca se preocupe com isso. Dei uma olhada nas suas quatro análises e, tirando a do "The Document of Metal Gear Solid 2", curti bastante as outras três pois você deixou seu ponto de vista bem mais explicadinho. Acho que está escrevendo bem e só precisa melhorar mesmo na formatação delas. Tudo bem que a estética do texto não é a coisa mais importante dele ainda mais quando estamos falando de uma análise, porém quando eles são organizados e apresentam um visual agradável sempre atrai leitores e facilita a vida de quem quer "imergir nas palavras". Criar uma formatação para todas elas é uma coisa que eu fiz e sempre me vigio para continuar fazendo em minhas análises e te recomendo bolar o mesmo esquema pra deixar tudo mais dinâmico. Isso serve pra ti também @gus_sander. Resumindo: Vocês dois escrevem bem e tem a coisa mais importante que uma análise deve ter, "a opinião", agora só precisam enxugar mais a estética deles e se for o caso adotar um padrão.
      ---
      Desculpa o textão é que eu me empolgo quando o assunto é análise de games em texto xD

      3 respostas
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · 1 mês atrás · 3 pontos

      Não há regras...eu curto tópicos...mas tudo bem não tê-los.
      Siga...o coração (resumindo, não ajudei em nada)

      2 respostas
  • 2018-09-07 16:19:52 -0300 Thumb picture
    Thumb picture

    Toda Sexta uma Música #56 e #57

    Novamente peço desculpas pela ausência na última semana, mas agora estou de volta com duas bombas:

    A primeira é a trilha completa de Nocturne:

    E também as músicas cortadas (apesar que me disseram que apenas não foram para a trilha oficial) do mesmo jogo:

    Espero que gostem!

    @brunothebigboss

    Shin Megami Tensei: Nocturne

    Plataforma: Playstation 2
    441 Jogadores
    107 Check-ins

    18
    • Micro picture
      mateusfv · 2 meses atrás · 2 pontos

      De longe a melhor e mais variada trilha de Megaten, esse jogo tem umas músicas dignas de um jogo de terror, de momentos emocionantes, de momentos descontraídos, praticamente tem música pra todo momento uhashuas.

      Essas que não foram parar no jogo nunca cheguei a ouvir tudo, até pq muitas são só variações das que já tem no jogo :v

      Se alguém tiver querendo jogar um JRPG bom e querer um Megaten de verdade, esse é o ápice que a série chegou facilmente huashuashu, acho difícil de algum outro jogo fazer oque esse jogo fez em tudo, gameplay e história, que apesar de ser plano de fundo conta uma história que mais ngm se atreveria a contar, se a Record descobrir esse jogo algum dia, eles esquecem de GTA pela eternidade huashusa

Continuar lendo → Reduzir ←
Carregando...