2019-09-02 20:08:47 -0300 2019-09-02 20:08:47 -0300
arbitergamer Cesar Borges da Silva Featured

Como construir a coleção de games dos seus sonhos?

Single 3742905 featured image

Essa é uma pergunta que muitos colecionadores já fizeram ou até mesmo aqueles que estão iniciando no colecionismo de games costumam fazer.

Sabemos que não é um hobby simples de se ter e barato pra manter, mas existem meios de se começar a colecionar games, ou consoles que você gosta, sem gastar todo o seu salário com eles.

Imagem: Google
  Sua coleção não precisa começar grande e com itens caros. E vou mais além: não é necessário sequer consoles e cartuchos! Conheço pessoas que tem grandes coleções de jogos e consoles em um único pen drive, e mesmo sendo questionadas se são ou não colecionadores, divertem - se do mesmo jeito.Outros preferem ter os próprios cartuchos e jogar no console original, mesmo que pra isso seja necessário um bom investimento. Estão sempre à procura de itens novos e em busca daquele que será sua maior conquista. A felicidade de conseguir aquele jogo raro que você tanto queria, ou aquele console na caixa completo que você ganhou no seu aniversário de 11 anos contagia. É bonito de se ver.

Imagem: Google
  Mas não é algo tão simples. Manter a sua estante com consoles raros depende não só de dinheiro, mas também de contatos, pesquisa e persistência e principalmente foco pra buscar o que quer.Lembro que, quando comecei a colecionar games, eu falei pra mim mesmo que teria o meu quarto com meus consoles e games. Meu objetivo era bem modesto, mas era o que queria, que iria me fazer feliz. Hoje posso dizer que realizei. Do jeitinho que sonhei.

Imagem: Acervo pessoal
 Confesso que foi bem devagar, pegando um item aqui, um jogo com amigo ali, comprando na internet, nada diferente do que fazemos hoje, mas foi preciso começar. Quando notei, meu rack não tinha mais espaço.Então, não desanime: seja com trocas, rolos, comprando um item por mês, nas feiras de final de semana, junte uma grana pegue itens aos poucos, de acordo com suas possibilidades e sem pressa, e com o tempo sua coleção começará a tomar forma.

Imagem: GooglePor mais que o colecionismo nos traga satisfação e felicidade, é inevitável que haja certa frustração, principalmente por conta dos preços e dificuldade de se conseguir certos itens.Existe uma variação enorme de valores e comprá-los, por um valor que parece justo pode não ser um bom negócio. Talvez seja melhor esperar o momento certo e conversar com pessoas novas, colecionadores, ir a eventos, interagir com grupos de games, podem te ajudar a conquistar seu objetivo e o mais gratificante em tudo isso é que, quando você percebe, já fez novas amizades, que não só te ajudarão com games, mas que farão parte da sua vida.

Imagem: Acervo pessoalÉ incrível como os games nos transformam. Não é algo simples como todo mundo pensa. Quem enxergar além dos pixels na tela verá as infinitas possibilidades que temos nesse universo! Seja jogando ou colecionando o importante é o quanto os games nos deixam felizes.
Olhar pra sua estante e ver algo que te conta histórias, que te lembra de boas risadas e de um bom papo, e que além de tudo te diverte quando você quiser. Fantástico!
Isso mostra o poder que os games tem em suas diversas perspectivas e o quanto toda a comunidade acaba ganhando com isso e, no fim das contas, a caçada pela coleção de games dos sonhos passa ter um gosto especial.A meu ver, essa é a parte mais importante e valiosa de todo esse processo.
41
  • Micro picture
    vinicios_santana · 15 days ago · 4 pontos

    Gostei do texto, bem motivador.
    Se eu puder acrescentar algo, diria pra ficar próximo de pessoas que gostem do hobby ou ao menos respeitem.
    Eu tive uma coleção que me dava orgulho, com action figures, jogos e consoles.
    Comecei a namorar e a cada vez mais, comprar um jogo novo era um sacrifício, não por eu não ter dinheiro, mas por saber que teria uma briga com a namorada quanto a necessidade de pagar 300 reais num lançamento que eu queria jogar. ( Breath of the Wild).
    A namorada engravidou, precisei de dinheiro, vendi 90% da coleção, ficando apenas com poucos itens de apego pessoal, dei entrada num carro.
    Depois de 2 anos, não aguentei mais a mania controladora da esposa e largamos.
    Ela levou metade do carro, me deixando com todas as dívidas e segundo a lei, era o justo.
    Hoje, estou sem o carro, sem minha coleção, longe do meu filho.
    Desculpem o clima da mensagem.

    11 replies
  • Micro picture
    gennosuke6 · 15 days ago · 3 pontos

    Gostei mto do texto! É bom ler um post positivo assim sobre colecionar games, pq é o que estou buscando tbm. Vou devagar, mas vou indo. E realmente, pra arrumar tudo fisicamente dá ainda mais trabalho. Eu decidi ir mesclando, entre digital e físico. Mas sempre que eu tiver a chance de arrumar uma cópia física de um jogo que eu só tenha digitalmente, ou comprar um console que só tenho emulador, vou fazer. Enfim, parabéns pelo texto!

    2 replies
  • Micro picture
    old_gamer · 16 days ago · 2 pontos

    Ótimo texto, concordo plenamente que o importante começar de alguma forma, traçando objetivos e principalmente ter paciência, pois uma coleção não se faz da noite para o dia. Eu demorei 16 anos para montar a minha coleção que ainda está em formação. Ter bons contatos e paciência é a fórmula para chegar a coleção dos sonhos.

  • Micro picture
    jeffroupinha · 15 days ago · 1 ponto

    Eu particularmente coleciono jogos de séries que gosto, e algumas edições especiais quando estão em bom preço, não tem um padrão correto não, até porque grana é curta, mas não impede de completar algumas séries de jogos como no meu caso o DOA e Resident Evil.

  • Micro picture
    artigos · 11 days ago · 1 ponto

    Parabéns! Seu artigo virou destaque!

  • Micro picture
    speedhunter · 8 days ago · 1 ponto

    Ótimo texto! Eu sou o tipo de colecionador que coleciona apenas algo que me chama atenção ou que faz parte do meu gosto pessoal. Eu foco mais em consoles. No caso dos consoles antigos uso o investimento para flashcarts, pois, pagar por cada cartucho foge da minha realidade e orçamento. Os relançamentos para os consoles minis tbm ajuda quem quer ter algo retrô e novo ao mesmo tempo. Enfim, colecionar é muito mais que nostalgia e sim um prazer imenso de ver aquilo que te agradou ou que te marcou diante dos seus olhos.

Keep reading → Collapse ←
Loading...