andre_hirosaki

Rumo aos 1000 jogos. Quando bater a meta, vamos dobrar a meta!

You aren't following andre_hirosaki.

Follow him to keep track of his gaming activities.

Follow

  • 2021-01-12 21:17:23 -0200 Thumb picture

    Platina #10 - Já estava na hora!

    Uma platina muito trabalhosa e demorada. Foi uma jornada e tanto.

    A Toys for Bob prometeu e  entregou. Crash Bandicoot 4 é um dos melhores jogos da franquia q resgatou o valor de desafio da série junto com centenas de fases de puro platforming.

    A maior dificuldade dessa platina foram os troféus relacionados ao Time Trial e Relíquias Perfeitamente Insanas. O modo Contra o Tempo (o mais implacável da saga) já é tradição mas os caras foram ainda mais longe e N. Sanos e botaram logo a reliquia de platina como exigência para conquistas. Os tempos são muito apertados e a pressa custou muitos resets meus especialmente nas fases Toxic Tunnels e Dino Dash.

    As relíquias perfeitas tbm nem quero comentar. Fases como Crashlanded e Bear Repeating foram um verdadeiro inferno de conquistar JÁ Q A PORRA DO HITBOX DO POLAR/SHNURGLE SÃO HORRIVEIS E EU SEMPRE PASSAVA DO LADO DA PORRA DA CAIXA E ESSA CARALH4 N QUEBRAVA.

    Mas uma hora passa e finalmente depois de 95h47min consegui terminar com 106% o mais recente capítulo da série.

    Eu gostei da ousadia de trazer uma dificuldade mais alta já q hoje em dia é tabu jogo novo ser considerado dificil já q a tendencia é q os jogos virem mais filmes interativos fáceis do q ter um gameplay propriamente dito. Crash 4 foi na contramão e lançou um jogo abarrotado de conteúdo e segredos escondidos somente para quem for tentar os desafios opcionais do jogo.

    E assim ficou meu pequeno mural de platinas. Até a próxima conquista!

    @platinadores

    Crash Bandicoot 4: It's About Time

    Platform: Playstation 4
    37 Players
    15 Check-ins

    34
    • Micro picture
      _gustavo · 4 days ago · 2 pontos

      Parabéns cara ^^ Essa parece ser bem tensa pelo que vi de todo mundo comentando

      1 reply
    • Micro picture
      msvalle · 4 days ago · 2 pontos

      Parabéns! Essa platina é para poucos!

    • Micro picture
      igor_park · 4 days ago · 2 pontos

      👏🏿👏🏿👏🏿👏🏿

  • 2021-01-08 14:19:27 -0200 Thumb picture
    25
    • Micro picture
      denis_lisboadosreis · 9 days ago · 4 pontos

      Neonazista tem que queimar até os ossos. Essa gente fazendo por anos filmes e jogos com inimigos russos, depois árabes, e então cineses e norte coreanos, mas foram invadidos pela milícia branca caipira e religiosa estadunidense. Temiam Homefront, mas acabaram virando Far Cry 5.

      3 replies
    • Micro picture
      onai_onai · 8 days ago · 2 pontos

      Provando do próprio veneno!

  • 2021-01-04 02:45:33 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>De tanto tentar a relíquia de time trial da fase
    Crash Bandicoot 4: It's About Time

    Platform: Playstation 4
    37 Players
    15 Check-ins

    De tanto tentar a relíquia de time trial da fase Hora do Rush, acabei pegando de primeira, sem querer, a minha primeira relíquia do tempo dos desenvolvedores.

    O problema dessa fase é q ela é uma das mais longas do jogo, mesmo correndo q nem um adoidado pra pegar a relíquia do tempo, ela passa facilmente de 2:30min.

    A maior dor de cabeça em si é o trecho final da Tawna em q os carros vêm tão rápido q eu calculava errado o tempo e morria por besteira na afobação.

    Mas eu nem liguei pra isso. Rush Hour é de longe a minha fase preferida, eu adoro observar a cidade e ficar perdido em identificar todos os detalhes dela.

    E nada mal tbm, meu tempo acabou ficando em 161° na tabela de ranking. Faltava baixar SÓ mais uns 30s pra igualar com o top 1 da fase xD

    37
    • Micro picture
      rax · 13 days ago · 2 pontos

      Boa.Um dia a platina aparece ashuashjhu

      1 reply
    • Micro picture
      igor_park · 13 days ago · 2 pontos

      Tu é brabo mesmo

    • Micro picture
      _gustavo · 13 days ago · 2 pontos

      Quero muito esse jogo no PC esse ano, compro nem q seja la na Epic kkkkkkk

      1 reply
  • mandaloriano_95 Henrique
    2020-12-31 21:50:18 -0200 Thumb picture
    Thumb picture

    Trailer do remake de Tsukihime traduzido

    Para quem se interessar, eu acabei de traduzir e legendar o mais novo trailer do remake de Tsukihime que compartilhei aqui mais cedo.

    Esse meu canal é dedicado a trazer conteúdo traduzido relacionado à TYPE-MOON, porém, até agora, havia somente trailers de Fate nele (tenho traduzido todos os trailers dos filmes de Heaven's Feel desde o segundo longa, lost butterfly), então é bom finalmente ter algo a mais para postar.

    E agora só me resta torcer para que em algum momento anunciem uma versão para PC.

    Tsukihime

    Platform: PC
    63 Players
    12 Check-ins

    22
    • Micro picture
      andre_hirosaki · 16 days ago · 1 ponto

      Oloco doido!

    • Micro picture
      rax · 16 days ago · 1 ponto

      OH YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHH o/

  • 2020-12-28 02:43:22 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>Republic Commando era um dos jogos q eu mais tin
    Star Wars Republic Commando

    Platform: PC
    427 Players
    49 Check-ins

    Republic Commando era um dos jogos q eu mais tinha vontade de jogar em 15 anos. Com um incentivo do @vante, eu finalmente terminei a campanha em 8,2h pela versão steam .

    O cenário do fps vem me desmotivando muito. Eu joguei bastante o cod mw 2 e mw 3 bem como o multiplayer deste ultimo a ponto de enjoar, então fazia anos q eu nem encostava mais em um jogo do gênero.

    Mas eu sou um fã de carteirinha de Star Wars e é sempre muito bom conhecer mais jogos licenciados da franquia.

    O culpado de tanto hype é ngm menos q este DVD de Clone Wars 1 de 2003 que vinha com um encarte promovendo o jogo e um trailer muito legal no menu de extras.

    Na própria época eu detestei o fato q esse jogo era exclusivo da microsoft e não ganhou um lançamento pra ps2 pra poder jogar e eu tbm n tinha um pc decente.

    Eu gostei dos combates frenéticos. Como um líder de esquadrão, é preciso TODA HORA dar algum tipo de ordem e esse jogo conseguiu entregar uma primorosa experiência em ser o comandante de um esquadrão de elite, seja para fazer um breach, curar um companheiro caído, destruir um ponto de spawn de droides e por aí vai. Achei legal ficar gesticulando e dizendo "you, give some sniper cover".

    A única coisa q n gostei é q esse jogo é curto ao extremo. Dps de zerado, não tem muito incentivo pra jogar a não ser o modo multiplayer mas eu jogo pouquíssimo online então fica dificil rejogar tudo de novo.

    O mapa final de Kashyyyk estava muito divertido de jogar pelos tiroteios sem fim e bastante complicados tbm. Não foi somente uma ou duas vezes q eu acabei morrendo e meu esquadrão inteiro obliterado em seguida.

    Outra coisa q gostei muito tbm foi a OST top tier desse jogo toda cantada em mandaloriano. Uma surpresa e tanto.

    Ok, essa ultima tá em inglês mas eu gostava dela por causa do trailer q usava cenas de gameplay com a música tocando no fundo. Foi assim q ele me conquistou.

    Msm sendo bem curto, foi muito legal terminar outro jogo licenciado da franquia e fechar uma das pendências mais antigas q eu tinha vontade de jogar.


    25
    • Micro picture
      jcelove · 20 days ago · 2 pontos

      Po o dvd de clone wars vinha com a demo e manual? Maneiro hein? Se soubesse tinha comprado. RC ta na minha wishlist a anos parece bem legal mesmo. Ser curtinho é um imcentivo a mais pra mim.hehe

      1 reply
    • Micro picture
      vante · 20 days ago · 2 pontos

      Esse ainda é o meu 2º jogo favorito de Star Wars, uma pena ser meio curto mesmo, embora eu já tenha rejogado ele umas 300 vezes kkkkkk. Mas aí, que bom que você curtiu!

      1 reply
    • Micro picture
      onai_onai · 18 days ago · 2 pontos

      Em alguns momentos parece até um jogo de terror. Gostei muito também!

      1 reply
  • 2020-12-24 02:21:22 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p><em>"Yes, that should work"</em></p><p>Terminado
    Katana ZERO

    Platform: PC
    81 Players
    12 Check-ins

    "Yes, that should work"

    Terminado em 4h, + um indie sidescroller de excelente pixel art. A historia me pegou de surpresa sendo bastante mindblowing e com centenas de diálogos legais, podendo mandar um "fuck you" de cara ou esperar e escolher entre as opções dadas.

    Não achei nada muito dificil já q rolar é OP e ainda tem a opção de desacelerar o tempo e o reset das mortes é muito veloz e as fases curtas.

    Agora fica a dúvida, zerei msm ou foi tudo uma alucinação do Chronos?

    Anime é um caminho sem volta moça.

    26
    • Micro picture
      rax · 24 days ago · 2 pontos

      frase profunda-q "anime is a path i walk alone."

  • 2020-12-21 18:42:06 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>Outro indie massa demais. Nunca tinha jogado nad
    Celeste

    Platform: PC
    272 Players
    47 Check-ins

    Outro indie massa demais. Nunca tinha jogado nada q falasse tanto sobre depressão, ansiedade e crises de pânico mas foi gratificante ir até o fim.

    Zerado em 6h04min com 92 morangos coletados e 1191 mortes ao total.

    E caramba q joguinho surpreendentemente sádico em alguns trechos kkkkkk. Ainda não cheguei a ver a pedreira q é os cap 8 pra frente mas já tenho ctz q deve ser um sofrimento chegar ao fim kkkk.

    Não tenho muito mais o q comentar. Gostei da excelente pixel art do jogo e da dificuldade bem como a trilha sonora.

    Aliás esse jogo sabe como ser bastante creepy hein?

    23
    • Micro picture
      santz · 26 days ago · 2 pontos

      Confesso que nenhuma temática psicológica me pegou nesse jogo, passou direto, nem dei bola, mas a jogabilidade e o desafio é excelente e é o meu jogo de plataforma hardcore favorito

  • 2020-12-18 20:17:44 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>Langrisser V foi o último grande título da série
    Langrisser V Final Edition

    Platform: Playstation
    3 Players
    1 Check-in

    Langrisser V foi o último grande título da série. Não se sabe ao certo quais foram os motivos mas o time original inteiro da Carreer Soft deixou a Masaya para sempre após a conclusão desse jogo. A Masaya até tentou lançar novos como o Millenium e Re: Incarnation Tensei mas sem o sucesso dos originais. O q a falta de um artista hentai não faz não é?

    Zerado em 54h25min pelo Retroarch usando o core Duckstation.

    Pra variar esse aqui é outro das centenas de RPGs q nunca viram uma fan translation ganhar vida e novamente tive q me virar com uma tradução por .txt cheia de erros do gamesfaq mas serviu para dar uma ideia geral do q acontece nos diálogos.

    Msm sendo parte da mesma coleção, esse aqui tem uma dificuldade consideravelmente reduzida em comparação com o 4. Existem menos mapas com tempo limite de conclusão, os inimigos foram mais ajustados ao level geral da party, o design dos mapas não é tão masoquista como foram nos antigos e por aí vai.

    Inclusive, talvez isso seja impressão minha, mas os inimigos davam pouquíssima EXP. Como o jogo é gigantesco (36 capítulos) eu tive a sensação de q eles cortaram bastante o xp ganho para não fazer os jogadores ganharem levels demais e chegar rapidamente nas últimas classes q são ultra roubadas. Como essa sensação não sumia, eu optei por matar de cara os comandantes já q a diferença no xp entre matar todos os soldadinhos+comandante e apenas o comandante era muito baixa para mim.

    Ah uma coisa muito legal nesse aqui foi q finalmente resolveram deixar a arte do Urushihara em destaque. Em alguns pontos chaves da história, aparece uma arte muito legal dele, o q quebrava a monotonia de apenas ver o portrait mexendo os lábios e falando alguma coisa.

    A mais comum era de quando os personagens da party iam aparecendo pela primeira vez mas tbm rolava em outros momentos mais cruciais para a trama.

    Sobre os personagens, eu não gostei q eles diminuíram demais a quantidade de COs q a gnt pode controlar.

    Eu já achava pouco no Warsong/ Langrisser 1 controlar 8 comandantes, aqui controlamos apenas 6 (Sigma, Lambda, Claret, Brenda, Alfred, Lamford).

    Isso me deu vários problemas pois o único mago do meu time era a Lambda e fez falta várias excelentes magias como Decline, Clock e até mesmo as mais básicas como Heal e Force Heal! Como ela seguiu o caminho inteiro de Arch Mage, ela ganhou magias ofensivas bem poderosas como Tornado, Thunderstorm e Meteor mas os inimigos no final estavam com +/- 90 a 120 de defesa mágica em tudo e era quase impossível infligir dano por magia (até mesmo com Meteor lmao) já q eu n tinha ngm pra castar Decline.

    O gameplay seguiu o mesmo molde do 4 então foi fácil desvendar o efeito de armas, itens e acessórios mesmo com tudo em japa. Como eu falei anteriormente, o esquema de menus melhorou consideravelmente então é dificil ter algum efeito secreto q o jogador não consiga saber. 

    Cada mudança em stat é bem evidente então dá pra pensar com calma se vale a pena trocar aquele item de defesa por outro de ataque e por aí vai.

    A história talvez seja um dos pontos q mais quero criticar. Primeiro, é muito fácil perceber q os desenvolvedores queriam enfiar todas as histórias possíveis em mente, com uma verdadeira salada mista entre a criação e clonagem dos super soldados do Gizarof, a ascenção e queda do déspota Gilmore, a invasão de Crimzo (uma das luas de El Sallia) para tentar dominar a superfície e por fim a ameaça dos demônios de Velzeria e impedir a total destruição do mundo pela queda iminente da lua de Pelia.

    Eu preferia mais o modelo de história simplificada do 4 pq a impressão é q alguns eventos são muito longos e outros muito curtos. Alguns personagens tbm têm destinos trágicos e como já é de se esperar, rola um monte de plot twist.

    Ah sim, a história fez alguns vilões e peças marcantes dos Langrissers anteriores aparecerem aqui, principalmente do 3. 

    A Ferakia, Grove e Gaiel novamente retornam para tacar o terror e eu gostei disso mas eu teria achado bem mais legal se a história tivesse colocado outros personagens importantes para dar uma palavrinha. I mean, é o último jogo, eles poderiam ter colocado uma cena do Sigma dizendo q confiava nos seus antepassados e q estes lhe davam força para enfrentar o mal mas nada disso rolou e achei um desperdício.

    Cara, é inacreditável mas esse jogo tem uma das piores batalhas finais q já vi.

    Custa a acreditar q em 36 MAPAS, OS DEVS OPTARAM POR COLOCAR UM MAPA DE RESGATE DAS UNITS LOGO NO FINAL BOSS.

    O esquema é assim, na nave perto de destruir o sistema q iria fazer a lua cair, todas suas units exceto o Sigma ficam presas em uma armadilha e vc precisa ir salvar TODAS ELAS. Pra piorar, o mapa solta dois Demon Lords prontos para comer bife de humano e vc TÁ LÁ NA PQP e tem q correr q nem um doido pra chegar nelas a tempo.

    Em TODOS os SRPGs q já joguei, sempre aparecia um monstro mega ultra fucking awesome no level 12301237138479 cheio de inimigos tão fortes quanto mas isso NÃO ACONTECE AQUI.

    Eu achei q não podia piorar mas o final boss é logo um carinha q já tinha cansado de esfregar a cara no chão e q nem chegava aos pés do Benhardt do Langrisser 2, mesmo enfrentando essa desgraça umas 4x na história do 2.

    O pior é q o mapa anterior (35) foi até q uma luta legal e aí chega nisso. Cara Carreer Soft....o q aconteceu com vcs pra colocaram um mapa super mega boring logo na parte mais emocionante de um SRPG!????

    Meio desnecessário falar a uma altura dessas do campeonato, mas tanto a arte como os gráficos do jogo no geral são ótimos e não canso de falar disso. Tanto os sprites como o design dos mapas são satisfatórios no geral.

    Falando em arte...

    O jogo tem outra abertura legal típica dos animes dos anos 90 assim como teve no Langrisser 3 com a arte do Urushihara bastante evidente e cobrindo alguns acontecimentos importantes na história.

    Além de ter uma trilha sonora legal composta pelo Iwadare. Acho bacana como ele fez a composição de todas as músicas desde o primeiro langrisser até o último. O cara tbm manja demais de como criar música bacana para os jogos.

    Outro feature interessante q deu as caras no Langrisser 3 foi a opção do romance com uma das personagens do seu exército e nesse eu fiz questão de seguir até o fim com o romance da Lambda. Conforme aparece na intro, o romance entre eles dá a entender q é canon então segui o guia de modo a colher o maior número possível de pontos de romance para ela.

    E diferente dos outros jogos, quando rola a cena de confissão, aparece outra arte legal do Urushihara para a personagem em questão dizendo q ama e tals.

    Enfim...

    Tendo terminado o último grande langrisser feito pelos criadores originais posso finalmente fazer umas comparações entre outra grande franquia de RPGs táticos q é Fire Emblem.

    Eu curto muito como em Langrisser eles colocaram a própria mecânica deles de triângulo das classes enquanto FE tem o famoso triângulo das armas. Curto demais a mecânica do CO range pois isso permite misturar units genéricas no grid com um comandante não-genérico q influencia diretamente nos stats das unidades. E curto como assim como FE, o jogo tem uma dificuldade desafiadora em q obriga o jogador a pensar e usar todas as armas oferecidas para passar dos scenarios. E curto muito tbm como eles deixam equipar armaduras e acessórios para dar um aspecto maior de RPG ainda mais forte além do fato de q o dinheiro precisa ser economizado para contratar mercenários para lutarem por você.

    A única coisa q n curti muito, além da história do Langrisser 5, foi q o sistema Judgement deixa o jogo cansativo demais. É muito comum pegar mapa q demora 3h ou 4h por causa de NPCs q ficam parados apenas dando waiting e q faz o jogo enrolar pra caramba por conta disso.

    De um modo geral, eu me diverti demais conhecendo uma franquia gigantescamente obscura, praticamente exclusiva do japão e pouca falada aqui no Ocidente já q parte dos jogos a fanbase até hj ainda n terminou de traduzir e acaba afastando muitos jogadores em potencial.

    Aqui o Sigma no final do jogo mas com meu nome em katakana アンドレ

    Msm sendo extremamente cansativo e gigante, foi legal ver a última criação da Carreer Soft antes deles deixarem a Masaya. Acho q eles poderiam ter viajado menos no roteiro mas a história é divertida de acompanhar ainda mais com uma arte top tier.

    O fim de uma lenda.

    24
    • Micro picture
      gicba · 29 days ago · 3 pontos

      Parabéns, pra tankar jogo JP com tradução externa tem que ter coragem. Só fiz uma vez e nunca mais, sauhsaiuhsaiuhsa
      Como já disse, admiro sua diligência em sentar e jogar a série toda, dá pra ver que tu pegou bastante apreço por ela mesmo. Agora tem que jogar os Growlanser, hein...

      1 reply
    • Micro picture
      raniejogos · 29 days ago · 2 pontos

      Em pensar que existe diversos jogos bons em ja-jp que nunca vieram para o ocidente, ahh como eu queria saber nihongo pelo menos em um nível intermediário. Parabéns por finalizar o game mesmo com a barreira linguistica

  • 2020-12-06 16:42:46 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>Soul Edge? Ridge Racer? Tekken 3? Final Fantasy
    Dexter's Laboratory: Mandarks Laboratory

    Platform: Playstation
    85 Players
    1 Check-in

    Soul Edge? Ridge Racer? Tekken 3? Final Fantasy VII, VIII, IX? É lógico q o jogo com os melhores gráficos 3D do ps1 é esse carinha aqui q joguei bastante na época XD.

    Esse jogo do Dexter é outro de minigames rápidos bem obscurinho mas muito legal. Acho bacana como as cutscenes do jogo usam a animação e dublagem original.

    Eu curtia muito vários minigames, principalmente o de perseguir um bug de computador, queimada, corrida de carros e um de nave nas camadas eletrônicas do átomo. Ele tem também dois jogos de ritmo q deve ser parecido com Bust-A-Groove mas q nunca joguei.

    A historinha é bem simples: Mandark se apossou do laboratório de Dexter e cabe agora a ele reverter essa situação.

    É aquele joguinho obscuro bem legal q pouca gente ouve falar mas q eu curtia demais na época. Bateu uma saudade dele tbm e terminei pelo Retroarch bem rápido até em 1h30min.

    Depois q acaba n tem muita coisa pra fazer (pra variar) mas dá pra perder um tempinho tentando ganhar dos challenges no nível Genius.

    34
    • Micro picture
      santz · about 1 month ago · 3 pontos

      Transformar um desenho 2D num jogo 3D, não faz sentido.

      2 replies
    • Micro picture
      noblenexus · about 1 month ago · 2 pontos

      De que canto obscuro da internet veio isso? adorei aceito mais recomendações obscuras srsrss

      3 replies
    • Micro picture
      srnicko012 · about 1 month ago · 2 pontos

      esse ai nunca ouvi falar kkkkk, parece bom vou anotar pra conferir depois

      1 reply
  • 2020-12-06 01:23:21 -0200 Thumb picture
    andre_hirosaki checked-in to:
    Post by andre_hirosaki: <p>Dizem q propaganda é a alma de qualquer negócio.
    Ori and the Blind Forest: Definitive Edition

    Platform: PC
    207 Players
    71 Check-ins

    Dizem q propaganda é a alma de qualquer negócio. De tanto eu ouvir falarem bem nesse game, comprei na promoção por 11 reais na Steam. Não seria exagero dizer que esse jogo atingiu o pináculo do equilíbrio ideal entre uma fabulosa direção de arte, jogabilidade gostosa com uma dificuldade na medida certa e uma trilha sonora nota 💯.

    Zerado em 6h25min com 75% completo e 287 mortes ao total pelo PC.

    Eu tava numa seca absurda de jogar um metroidvania de altíssima qualidade, esse aqui começou a me fisgar mais à medida que eu ia vendo uns vídeos de gameplay, aí n demorou muito já q a edição completa estava uma pechincha.

    Arrependo de ter ignorado legal esse aqui por tanto tempo. Mas nunca é tarde para remediar esses erros xD.

    Gostei da história no geral. Ao mesmo tempo q ela tem uma carga emocional muito boa, ela é suportada por uma trilha sonora bem feita ao extremo q chega até a assustar. Curto demais OST q consegue reproduzir o clima de região da mata/ tribal. É quase impossível n se emocionar um pouco jogando e ouvindo, é sério.

    O visual, claro, é perfeito. Não tem muito o q se comentar aqui, o nível de comprometimento nesse ponto é claramente impecável.

    Adorei tbm a dificuldade. Eu n sei pq raios ficam reclamando da dificuldade aqui pq n teve um ponto sequer q me fez passar raiva. Talvez o último trecho da perseguição do Kuro mas algumas tentativas depois passei tranquilamente.

    A jogabilidade tbm é muito boa. É bom demais à medida que vai conquistando novos poderes o level design se soltando cada vez mais com trechos cheios de gameplay e platforming gostosos de se fazer. Quando eu peguei o "Gravity Boots" eu praticamente comecei a rushar as áreas sem querer de tanto q eu usava essa habilidade xD.

    Gostei tbm da variedade de ambientes. Entre regiões montanhosas na neve, florestas e vulcões ativos é um espetáculo ver a variedade de cores existentes.

    Outra coisa q curti foi o level design. Em alguns trechos, eu fui surpreendido por partes q exigiram pensar um pouco em como passar como dessa do gelo aí. Gostei demais em como o jogo brincou com a física da gravidade.

    Eu não sou muito jogador de PC mas eu definitivamente vou começar a prestar + atenção principalmente nesses sidescrollers já q adoro esse gênero e os indies proveem quase diariamente jogos nesse estilo.

    33
    • Micro picture
      majimbuu · about 1 month ago · 3 pontos

      Terminei ele recentemente com 100%. Eu gostei bastante dos trechos de plataforma e do visual. Como você falou, algumas partes me impressionaram muito. Tem uns puzzles bem daora tmb. O visual dispensa comentários.

      Já o combate dele é muito poluído visualmente. Às vezes eu nem conseguia saber o que tava rolando na tela. Naqueles trechos de "fuga", eu amaldiçoei os criadores por não terem implementado checkpoints. A trilha sonora eu achei legal, mas nada muito memorável. Não é o tipo de OST que eu ouvirei por aí sem estar jogando.

      No fim, achei um jogo legal, mas ficou abaixo do que eu esperava dele. Eu amo plataforma e metroidvanias e pra mim esse aqui é bom, mas pra mim nada extraordinário.

    • Micro picture
      gicba · about 1 month ago · 2 pontos

      Sempre bom ver alguém dando o devido respeito a esse <3

      1 reply
    • Micro picture
      andre_andricopoulos · about 1 month ago · 2 pontos

      Preciso jogar

Keep reading &rarr; Collapse &larr;
Loading...